Publicidade:

Dicas para um Natal mais saudável: faça as escolhas corretas

Não deixe de saborear a tradicional ceia de Natal, com medo dos exageros. Fique atento a estas dicas para um Natal mais saudável e aproveite esta época ao máximo.

 
Dicas para um Natal mais saudável: faça as escolhas corretas
Opte pelas melhores escolhas mesmo nesta época festiva.

O Natal aproxima-se e, apesar das tradicionais iguarias típicas desta época natalícia, a ceia de Natal pode ser igualmente saborosa e tradicional, com algumas alterações que a tornam mais saudável. E de que forma o podemos fazer? Analisando as receitas que conhecemos e percebendo de que forma é que as podemos tornar mais saudáveis. Se pensarmos bem, os pratos principais do Natal são muito saudáveis, desde o bacalhau cozido ao peru ou cabrito no forno. Muitas vezes o problema está nos “entretantos”.

Para que possa fazer as escolhas corretas, a nutricionista Maria Gama, autora do blogue Põe-te na Linha deixa-lhe algumas dicas para um Natal mais saudável. Fique atento.

Dicas para um Natal mais saudável: confeção dos pratos e sobremesas


dicas para um natal mais saudavel e rabanadas no forno

Na confeção dos pratos e sobremesas:

  • Reduza a quantidade de açúcar utilizada. Se possível, substitua por adoçante e tente colocar fruta para adoçar: banana ou dióspiro são exemplos.
  • Substitua a farinha, ou parte desta, por farinha do tipo integral ou farinha de aveia.
  • Opte por leite magro em detrimento do leite gordo ou meio gordo.
  • Se utilizar natas em alguma das suas receitas, substitua-as por iogurte natural.
  • Evite os fritos. Pode optar por fazer as rabanadas no forno, por exemplo.

 

Dicas para um Natal mais saudável: dias festivos e à mesa


sopa de entrada

Durante os dias festivos e à mesa:

  • Evite chegar à hora da refeição com fome: Muitas vezes, nos dias festivos, ficamos muitas horas sem comer o que pode resultar numa ingestão exagerada na refeição seguinte. Tente fazer, pelo menos, 5 refeições diárias. Assim, evita andar a petiscar o dia todo e a provar todos os pratos e sobremesas que está a fazer.
  • Não resiste a entradas? Comece todas as suas refeições com uma sopa de legumes ou uma salada. Permite iniciar a refeição com poucas calorias, em comparação com outras entradas tradicionais desta época. Pode também optar por queijo fresco, a acompanhar com frutos secos ou framboesas.
  • Exagere na quantidade de hortícolas e de vegetais. Além de aumentarem a saciedade, evitam que exagere na quantidade do prato principal. Sejam as couves cozidas para o bacalhau, uma salada de folhas verdes com frutos secos e mel para o peru ou legumes estufados para o polvo, há uma variedade imensa que pode colocar na sua mesa.
  • Sobremesas: O melhor é mesmo terminar a sua refeição com uma peça de fruta. Pode optar por ter algo mais elaborado e diferente, como maçã assada ou pera bêbeda. No entanto, nesta época e com tantas opções, pode não conseguir resistir a esta parte da refeição, pelo que pode optar por acompanhar o prato principal apenas com hortícolas ou salada.
  • Não exagere na quantidade: Não querendo que a comida seja em pouca quantidade, muitas vezes preparamos em exagero. Resultado? Sobras que resultam num prolongamento da ementa de natal. Se tal acontecer, aproveite e divida as sobras por toda a família.
  • Enfeite a mesa saudavelmente: Frutos secos (nozes, amêndoas), fruta (kiwi, laranjas, dióspiros, framboesas) dão um ar natalício e podem ser opções para ir comendo durante o dia. Que tal fazer um centro de natal com hortícolas? Brócolos a fazer de árvore, com tomate cherry de bolas de natal.

O exercício físico é fundamental para um natal mais saudável! Nesta época existe um aumento do consumo energético, pelo que é fundamental compensá-lo com um maior gasto energético. Organize-se para conseguir tirar vinte minutos do seu dia e ir fazer uma caminhada.

Veja também:

Nutricionista Maria Gama Nutricionista Maria Gama

Licenciada em Ciências da Nutrição, é responsável pelo projeto "Põe-te na linha" que tem como objetivo promover a adoção de uma alimentação e estilos de vida saudáveis. Aqui partilha diversos conteúdos relacionados com o seu estilo de vida, nomeadamente receitas e dicas. Além de consultas de nutrição, desenvolve workshops e palestras para diversos público-alvo, como por exemplo na comunidade ou em local de trabalho.

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].