Se trabalha sentado, isto é o que deve comer!

Trabalhar sentado é quase inevitável e pode acarretar vários problemas de saúde, nomeadamente o excesso de peso e a obesidade. Por isso, há que saber escolher os alimentos certos.

Se trabalha sentado, isto é o que deve comer!
Saiba quais são os alimentos fundamentais.

Hoje em dia são muitas as pessoas que passam o dia inteiro em frente a uma secretária. Se trabalha sentado, saiba que passar 8 ou mais horas, todos os dias, em frente a um computador, numa linha de produção ou simplesmente numa secretária em casa, pode trazer uma série de problemas para a saúde, sendo um deles a dificuldade em perder peso.

Dificuldade na perda de peso quando se trabalha sentado


trabalha sentado e dificuldade em perder peso

Além das mãos e braços, quase nenhuma parte do corpo está a ser exercitada enquanto trabalha sentado, o que certamente não ajuda a perder nas zonas mais problemáticas: abdominal e coxas.

A falta de horários regulares, uma alimentação com excesso de calorias, gorduras e açúcares aliam-se à falta de exercício, tornando difícil controlar o peso corporal.

Outros fatores associados a este tipo de trabalhos são o aumento da fome e da inflamação, ambos relacionados com a obesidade, o aumento da pressão arterial e da glicemia.

Mas se trabalha sentado e não consegue ser ativo durante esse período, existem alimentos que o vão ajudar a ter uma alimentação saudável. Fique a conhecê-los.

5 Alimentos importantes para quem trabalha sentado


1. Frutos vermelhos

frutos vermelhos espalhados

A fruta é imprescindível seja em que ocasião for. Neste caso, frutos vermelhos, como o morango, amora, framboesas ou mirtilos, são particularmente relevantes.

Comer estes frutos ajuda a reduzir significativamente a inflamação. Isso deve-se à presença de antocianinas, um tipo de flavonóides que dão a cor avermelhada aos alimentos mas que também atuam ao nível dos genes inflamatórios.

Para conseguir todos os benefícios, pode inclui-los nos seus batidos ou panquecas matinais, em saladas ao almoço ou então como snack a meio da manhã/tarde.

2. Abacaxi

abacaxi cortado em rodelas

O abacaxi contém um poderoso anti-inflamatório chamado bromelina. Embora todas as partes da fruta tenham esta substância, a concentração maior reside no caule, uma parte mais difícil de ingerir.

Tente misturar o caule com a parte mais tenra e saborosa, para assim conseguir todos os benefícios deste fruto. Também o pode misturar em smoothies ou comer com iogurte.

3. Frutos secos

frutos secos sem casca

Os frutos secos são conhecidos pela quantidade de ácidos gordos saudáveis que nos fornecem, tanto monoinsaturados como polinsaturados. Os mais falados são os ómega-3 que possuem propriedades anti-inflamatórias. Mas não é só isso que faz deles uma alternativa saudável para quem trabalha sentado.

Ao consumir frutos secos está também a encher o seu organismo de boas doses de antioxidantes, vitaminas, minerais e proteínas. Mas a verdade é que não se pode exagerar na dose. Cerca de 30 gramas por dia destes alimentos é suficiente, pois o seu excesso traduz-se num elevado valor energético.

Nozes, amêndoas, avelãs, cajus são algumas das possibilidades existentes.

4. Chá verde

cha verde e folhas

O chá verde é uma bebida que ajuda a diminuir a inflamação e excesso de peso induzidos pelo longo trabalho realizado numa secretária.

É o chá com mais propriedades anti-inflamatórias, além de nos trazer benefícios em diversos aspetos como, acelerar o metabolismo (contribuindo para a perda de peso); é um poderoso antioxidante; atua como diurético; regula a pressão arterial, os níveis de colesterol e açúcar no sangue; e reforça o sistema imunitário.

O chá verde pode ser ingerido nos lanches do meio da manhã e da tarde, mas também pode ir bebendo ao longo do dia se sentir sede.

5. Alho

dentes de alho

O alho não torna apenas os legumes mais saborosos, o alho também afasta a inflamação. As pessoas com excesso de peso ou que trabalham muito tempo sentadas têm tendência a desenvolver varizes. A falta de exercício físico e uma má alimentação são igualmente fatores de risco.

Tudo o que precisa é de um pouco de alho, que, por melhorar a circulação e ser anti-inflamatório, é excelente alimento para cozinhar. Mas não se esqueça de o esmagar primeiro para iniciar a produção de alicina, um princípio activo presente no alho responsável pelos seus benefícios medicinais e o seu forte aroma.

Veja também: