Enfermeira Isabel Silva
Enfermeira Isabel Silva
17 Ago, 2017 - 15:38

Livros escolares: tudo o que precisa saber

Enfermeira Isabel Silva

O início do novo ano letivo traz novas preocupações para os pais, como a compra de todo o material necessário para os seus filhos e entre eles os livros escolares.

Livros escolares: tudo o que precisa saber

Com a chegada do novo ano letivo, chega a altura dos pais se preocuparem com o regresso às aulas e todo o material necessário para os seus filhos, entre os quais os livros escolares.

É tempo de começar a pensar no cabaz regresso às aulas, com todo o material necessário para o seu filho utilizar durante o ano letivo.

Uma parte importante do regresso às aulas é os manuais. Os livros escolares são diferentes para cada ano (1º ao 12º) e podem ser alterados de um ano para o outro. Os mesmos variam consoante a região e a escola do seu filho. Cada escola adota os livros que quer, de acordo com a lista de livros escolares disponíveis para o ano letivo em questão.

Quais são os livros escolares que o meu filho vai usar?

livros escolares a ser usados

A lista dos livros escolares para o ano letivo 2017/2018 pode ser consultada no site da Direção Geral da Educação.

As listagens estão divididas por ano de escolaridade e disciplina.

No entanto, o ideal será aguardar pela lista definitiva dos manuais que a escola do seu filho lhe irá fornecer.

Qual é o preço?

O cabaz médio dos livros escolares para o ano lectivo 2017/2018 custa 112,5€. O 11º é o ano escolar onde o valor dos livros é maior, chegando aos 200€.

Durante o 1º ciclo (1º ao 4º ano) os alunos precisam de quatro livros escolares e o valor médio do cabaz é de cerca de 35€. O 4º ano é onde pode gastar mais dinheiro, podendo chegar aos 45,2€.

No 2º ciclo (5º e 6º ano) são utilizados 5 livros escolares. O preço do cabaz ronda o valor médio de 97,2€. O ano mais caro é o 6º, onde o cabaz custa 99,5€.

Quanto ao 3º ciclo (7º ao 9º ano) o preço é de cerca de 162€ sendo que o 7º ano é onde irá gastar mais dinheiro, cerca de 174,8€ pelos 8 livros necessários.

Comprar livros escolares online

Existem diversas lojas online onde poderá encomendar os livros escolares para o seu filho. Tem a vantagem de não precisar de sair de casa ou de esperar em longas filas de espera para os comprar.

Algumas das lojas onde poderá encomendar os manuais online:

  • Fnac;
  • Bertrand;
  • Continente;
  • Jumbo;
  • Leyaonline;
  • Wook.

> Saiba mais aqui sobre como comprar livros escolares online.

Reutilização de livros escolares

Desde 2006, a Lei determina que os livros escolares sejam produzidos de maneira a que possam ser reutilizados.

A reutilização dos manuais representa uma grande poupança não só para as famílias como para o Estado Português.

O projeto pioneiro para a reutilização dos livros escolares chama-se reutilizar.org e, desde então, têm surgido por todo o país, vários bancos de reutilização de manuais usados.

A Book in Loop é uma plataforma online de reutilização de manuais, na qual consegue encontrá-los facilmente a 50% do valor dos mesmos manuais novos.

Para além destas plataformas pode ainda recorrer ao Olx ou Custo Justo, onde poderá encontrar manuais usados em bom estado à venda por particulares a preços muito convidativos.

> Para mais informações sobre livros escolares usados aceda aqui.

Manuais escolares gratuitos

manuais escolares gratuitos

No próximo ano letivo, todos os alunos do 1º ciclo do ensino básico têm direito a manuais escolares gratuitos. Neste caso, não precisa de os requisitar ou encomendar. No primeiro dia de aulas, os manuais são disponibilizados ao seu filho. Os encarregados de educação terão que se comprometer a devolver os livros no final do ano letivo, em bom estado de conservação.

Esta medida apenas está a funcionar para o 1º ciclo do ensino básico, no entanto, o Governo está a trabalhar no sentido de reduzir progressivamente os preços dos manuais escolares para os 12 anos de escolaridade obrigatória.

As crianças podem escrever nos livros, nos locais para o efeito e apenas com lápis.

> Saiba mais sobre os manuais escolares gratuitos.

Desmaterialização dos livros escolares

O Presidente da República promulgou dia 1 de Agosto o diploma da Assembleia da República que pretende promover a desmaterialização dos manuais escolares. Os manuais escolares passarão a estar disponíveis online. A ideia é abandonar progressivamente os manuais em formato de papel.

Veja também: