Nutricionista Rita Lima
Nutricionista Rita Lima
28 Mai, 2020 - 11:47

Como guardar batata, alho e cebola corretamente

Nutricionista Rita Lima

Batata, alho e cebola são alimentos que apresentam um tempo útil de vida muito grande e que geram pouco desperdício, quando armazenados corretamente.

Como guardar batata, alho e cebola

Batatas, alho e cebola são ingredientes indispensáveis não só na cozinha, mas também no âmbito de uma alimentação completa e equilibrada.

Botanicamente, cebolas e alho são bolbos enquanto que as batatas são tubérculos. Apesar de não serem alimentos muito perecíveis, é importante saber como guardar batata, alho e cebola corretamente, de modo a retardar a sua degradação e minimizar o desperdício alimentar.

Além do armazenamento adequado, importa referir que a minimização do desperdício destes alimentos, tal como muitos outros, começa no momento da compra. Deve garantir que compra produtos frescos, sem sinais de apodrecimento nem deterioração, sem odores desagradáveis e intensos e com a casca rija (1).

Armazenamento de alimentos no frigorífico: legumes numa gaveta
Veja também Como fazer um correto armazenamento dos alimentos no frigorífico

Como guardar batata corretamente?

Batatas inteiras e fatiadas
1.

Batata crua

Idealmente, a batata crua ainda com casca deve ser guardada num local fresco e seco, a uma temperatura que varie entre 6 e 10°C. Desta forma, o tempo de vida útil da batata pode prolongar-se por vários meses, sem desenvolver bolor na casca (um dos principais sinais de apodrecimento) ou outros sinais de deterioração (2).

Além disso, o armazenamento deste alimento na faixa de temperaturas indicadas permite preservar o seu teor em vitamina C (uma vitamina sensível ao calor), em 90%, por um período de 4 meses (3).

Adicionalmente, deve garantir que guarda a batata num local escuro sem exposição à luz solar. A exposição à luz faz com que a batata produza clorofila e a sua casca adquira uma cor esverdeada. Mais importante ainda, a exposição solar pode levar à produção de um composto tóxico denominado solanina (causa vómitos, náuseas e diarreias, entre outros), que dá um sabor azedo à batata e deve ser obrigatoriamente descartado (4).

Por outro lado, não deve guardar a batata no frigorífico visto que as baixas temperaturas promovem a transformação do amido em açúcares redutores, que, por sua vez, podem levar à formação de compostos com ação cancerígena, nomeadamente acrilamidas, quando as batatas são expostas a elevadas temperaturas (ex. fritas ou assadas) (5).

Também não deve guardar as batatas cruas no congelador, visto que podem ficar acastanhadas devido à atividade enzimática, assim como formar cristais de congelação que rompem com a parede celular e destroem a estrutura da batata.

Por último, importa salientar que não deve guardar a batata crua junto de outras frutas e legumes que libertem etileno e possam acelerar o amadurecimento e deterioração da batata, nomeadamente tomates, cebolas e bananas (4).

2.

Batata cozinhada

Após cozinhada, a batata deve ser armazenada no frigorífico por um período até 4 dias, embora com a exposição ao frio a batata comece a libertar água e a ficar mole e desfeita.

Pode também optar pela congelação, de modo a aumentar o seu tempo útil de conservação até 1 ano, embora, também neste caso, a batata perca grande parte das suas características organoléticas, em particular a sua textura.

Para ambas as opções, deve guardar a batata cozinhada num recipiente hermeticamente fechado, sem exposição ao ar que circula no frigorífico e congelador, para não promover a oxidação da batata (4).

Como guardar alho corretamente?

Taça com alhos
1.

Alho cru

No caso do alho, quando guardado adequadamente, pode durar vários meses.

A melhor forma de armazenar o alho é mantendo o bolbo (“cabeça”) inteiro. Depois de aberto, o seu tempo de vida útil diminui consideravelmente.

A nível de temperatura, o alho cru deve ser armazenado à temperatura ambiente (15 a 18°C), em locais secos e escuros, idealmente em sacos de rede.

O alho cru pode também ser armazenado no frigorífico, na parte mais fresca. No entanto, neste caso, começa a ganhar bolor mais rapidamente e tem apenas alguns dias de vida útil.

Caso pretenda que o alho dure mais tempo, pode também congelá-lo, num recipiente fechado. No entanto, neste caso, o sabor altera-se passado cerca de 1 mês devido à ação dos cristais de congelação (6).

2.

Alho cozinhado

No caso de cozinhar o alho, deve armazenar no frigorífico ou no congelador, sendo que, neste caso, o seu tempo de vida útil torna-se muito superior (mais de uma semana no frigorífico e indefinidamente no congelado) (6).

Como guardar a cebola: cebolas inteiras e descascadas em cima de tábua de madeira
Veja também Como usar e guardar a cebola de forma adequada?

Como guardar Cebola corretamente?

Taça com cebolas inteiras
1.

Cebola inteira

A cebola quando inteira e ainda com casca, não deve ser armazenada no frigorífico, mas sim num local fresco (entre 4 e 10°C), seco, bem ventilado e escuro (sem exposição à luz solar), como é o caso de uma cave ou garagem ou armário (7).

De facto, como este alimento tem uma grande capacidade de absorver humidade, perante humidade altas, como no frigorífico, a cebola começa a apodrecer e ganhar microrganismos, o que diminui consideravelmente o seu tempo útil de vida. 

Além destes cuidados, evite guardar as cebolas em sacos de plástico, pois podem ganhar fungos devido à falta de ventilação (8).

2.

Cebola inteira descascada

Após ser descascada, a cebola inteira deve ser armazenada no frigorífico para futuras utilizações, de modo a prevenir a contaminação bacteriana.

Neste caso, deve guardar a cebola numa caixa hermética fechada e numa temperatura inferior a 4°C. Desta forma, a sua cebola pode durar até 14 dias sem se deteriorar (8).

3.

Cebola picada ou cortada

A cebola cortada com casca ou picada também deve ser guardada no frigorífico por um período não superior a 10 dias.

Basta, para isso, envolver a cebola com película protetora ou mantê-la num recipiente hermeticamente fechado.

Para uma utilização da cebola a longo prazo, deve guardá-la no congelador por um período até 6 meses, nas mesmas condições que as mencionadas para o armazenamento no frigorífico (8).

3.

Cebola cozinhada

A cebola cozinhada, à semelhança das alternativas anteriores, também deve ser guardada no frigorífico, mas por um período de apenas 5 dias.

Neste caso, também deve colocá-las num recipiente hermético ou num saco fechado pouco tempo após a confeção, de modo a evitar a contaminação bacteriana que pode ocorre se a cebola for deixada à temperatura ambiente durante longos períodos.

Como alternativa, as cebolas cozinhadas podem ser armazenadas no congelador por um período de 3 meses (8).

Fontes

  1. Jillian Kubala, 2017. “20 Easy Ways to Reduce Your Food Waste”. https://www.healthline.com/nutrition/reduce-food-waste
  2. F.Nourian et al, 2003. “Kinetics of quality change associated with potatoes stored at different temperatures”. https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0023643802001743
  3. Oktay Külen et al, 2013. “Effect of Cold Storage on Total Phenolics Content, Antioxidant Activity and Vitamin C Level of Selected Potato Clones”. https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/23400895/
  4. Erica Julson, 2018. “What’s the Best Way to Store Potatoes?” https://www.healthline.com/nutrition/how-to-store-potatoes
  5. L.V.T. Shepherda et al, 2010. “Variation in acrylamide producing potential in potato: Segregation of the trait in a breeding population”. https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0308814610005273
  6. Cheri Bantilan, 2019. “How to Store Garlic”. https://www.healthline.com/nutrition/how-to-store-garlic#other-ideas
  7. National Onion Association. https://www.onions-usa.org/all-about-onions/onion-color-flavor-usage-guide/
  8. Ryan Raman, 2018. “The Best Way to Store Onions”. https://www.healthline.com/nutrition/how-to-store-onions
Veja também