Psicóloga Ana Graça
Psicóloga Ana Graça
18 Set, 2018 - 11:30

Trabalhos de casa: 8 dicas para ajudar os seus filhos

Psicóloga Ana Graça

A hora dos trabalhos de casa é, muitas vezes, uma verdadeira tortura. Mas não tem que ser assim! Ponha em prática estas dicas e, ajude os seus filhos.

Trabalhos de casa: 8 dicas para ajudar os seus filhos

Falar sobre os trabalhos de casa está longe de ser simples ou consensual. É um tema controverso entre pais, alunos, professores e especialistas da área da educação. Há quem defenda que os trabalhos de casa não deveriam existir, sobretudo quando falamos dos primeiros anos de ensino, e quem defenda que são imprescindíveis. Os trabalhos de casa parecem ter vantagens e desvantagens, que importa conhecer.

Vantagens e desvantagens dos trabalhos de casa

Para muitos pais e alunos, a hora de fazer os trabalhos de casa é uma verdadeira tortura. Ou porque são demasiado extensos, ou porque a criança e os pais estão demasiado cansados, ou até porque não lhe encontram grande utilidade.

A verdade é que não existem verdades absolutas e, portanto, todos devem conhecer as vantagens e desvantagens que são apontadas aos trabalhos de casa. Aqui ficam algumas delas:

Vantagens

familia reunida nos trabalhos de casa

1 – Ajudam a consolidar e a estruturar os conteúdos aprendidos na sala de aula;

2 – Ajudam a criança a ser mais disciplinada e responsável;

3 – Permitem o envolvimento de toda a família. Podem ser um momento de partilha de conhecimento entre pais e filhos;

4 – Não permitem que a criança esqueça aquilo que aprendeu na escola, sobretudo nos períodos de maior interregno escolar;

5 – Estimulam na criança a capacidade de gestão do tempo;

6 – Estimulam na criança a autonomia no estudo;

7 – Podem contribuir para um maior sucesso académico.

Desvantagens

menino sem vontade de estudar

1 – Grande parte das vezes, são monótonos e aborrecidos;

2 – Roubam o pouco tempo que as crianças têm livre para atividades de lazer e brincadeira;

3 – Roubam tempo de qualidade em família;

4 – Muitas vezes, são motivo de discussão familiar, sobretudo quando todos estão cansados e a hora de dormir se aproxima;

5 – Grande parte das vezes, não são realizados em casa, junto da família, mas sim em centros de estudo. O que contraria a ideia de os trabalhos de casa são um momento de partilha de conhecimento entre pais e filhos;

6 – Há outras formas de responsabilizar e disciplinar a criança, como através da música ou do desporto, diversificando o leque de atividades a que a criança tem acesso;

7 – Atualmente, a maioria das crianças está na escola quer no período da manhã, quer no período da tarde, ou seja, a necessidade de consolidar a matéria torna-se menor já que o tempo que passa longe da escola é muito reduzido.

8 dicas para ajudar os seus filhos com os trabalhos de casa

mae e filha felizes

Os trabalhos de casa são, em muitas famílias, fator desencadeador de stress. Muitas vezes, são realizados ao final do dia, juntamente com outras tarefas como a confeção do jantar, o banho, a preparação da mochila para o dia seguinte e a hora do deitar. Pais e filhos estão cansados e as birras e a falta de paciência acabam por surgir, mas não tem necessariamente que ser assim. Ponha estas dicas em prática:

1 – A presença e o acompanhamento dos pais na hora de fazer os trabalhos de casa são fundamentais, sobretudo nos primeiros anos de ensino;

2 – Não se preocupe com o facto do seu filho, que anda 1º ciclo, ainda precisar do seu acompanhamento diário para a realização dos trabalhos de casa. É natural que ainda não tenha adquirido o grau de maturidade necessário à realização autónoma, atenta e motivada dos trabalhos de casa;

3 – Naturalmente, não deve fazer os trabalhos de casa pelo seu filho. Deve ajudá-lo e questioná-lo até que chegue às respostas por si mesmo;

4 – Gradualmente, vá autonomizando e responsabilizando o seu filho em relação às tarefas que traz da escola. A sua presença e ajuda devem ser reduzidas de forma gradual;

5 – Esteja disponível para esclarecer as dúvidas do seu filho. É natural os pais estarem cansados ao fim de um dia de trabalho e a paciência escassear, mas devem lembrar-se que os filhos também tiveram um dia longo e exigente na escola;

6 – Não cinjam os momentos em família à realização dos trabalhos de casa. Há outras atividades para as quais devem ter tempo (brincadeiras; conversas; atividades de lazer);

7 – Elogie os progressos escolares do seu filho e a realização autónoma e responsável dos trabalhos de casa. Evite as críticas destrutivas e o ambiente de tensão familiar;

8 – Se, por algum motivo, tem dificuldades em acompanhar o seu filho na realização dos trabalhos de casa, converse com o professor e sensibilize-o para essa situação.

Veja também: