Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
09 Jun, 2020 - 10:59

Investigadoras identificam 30 sintomas de COVID-19 e 35 doenças associadas

Mónica Carvalho

Dezenas de sintomas e doenças associadas à COVID-19 mostram que esta doença pode ser mais complexa do que se imagina.

estudos em laboratório sobre os sintomas mais conhecidos da covid-19

Febre, tosse e falta de ar são alguns dos sintomas mais conhecidos da COVID-19. Todavia, muitos outros podem ocorrer em simultâneo. Esta foi a conclusão a que chegaram as investigadoras Matilde Monteiro-Soares, Daniela Ferreira Santos e Priscila Maranhão, da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) e do CINTESIS – Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde.

Para chegar ao apuramento dos 30 sintomas e 35 doenças associadas, as investigadoras analisaram estudos com milhares de doentes com COVID-19 de várias partes do mundo (Ásia, América e Europa). Os doentes tinham idades compreendidas entre os 28 e os 70 anos.

No total, foram encontrados 30 sintomas associados à COVID-19, entre os quais se incluem alguns dos mais conhecidos, mas a lista é bastante extensa.

Além disso, a equipa portuguesa contabilizou ainda um total de 35 doenças concomitantes, relacionadas com a COVID-19, com especial prevalência de hipertensão, doenças cardiovasculares e cerebrovasculares frequentemente associadas.

“Concluímos que a COVID-19 pode afetar as pessoas e assumir manifestações clínicas muito diversas. Os sintomas são, de forma geral, inespecíficos e muito variáveis. Observámos desde casos assintomáticos, a situações com vários sintomas concomitantes”, afirmam as investigadoras do CINTESIS e FMUP.

As autoras perceberam que a proporção de doentes sem sintomas pode chegar aos 75%, pelo que a “identificação de características comuns, como o perfil sociodemográfico, os sintomas e a presença de doenças concomitantes, poderá agora ajudar a criar um modelo preditivo do risco de ter COVID-19, contribuindo para a definição de estratégias de rastreio e de terapêutica num futuro próximo.”

médica a ajudar paciente a fazer inalações

30 sintomas apurados de COVID-19

Estes são os sintomas encontrados nos estudos analisados pela equipa de investigação da UP:

  • Febre
  • Fadiga
  • Mialgia
  • Fadiga
  • Anorexia
  • Calafrios
  • Tonturas
  • Dor de cabeça
  • Mal-estar
  • Fraqueza
  • Desnutrição
  • Formigueiro cutâneo
  • Artralgia
  • Faringalgia
  • Rinorreia
  • Congestão nasal
  • Congestão de garganta
  • Tosse
  • Dispneia
  • Aperto no peito
  • Dor no peito
  • Diarreia
  • Náuseas
  • Vómitos
  • Dor abdominal
  • Eructação (arroto)
  • Gastrite
  • Irritabilidade ou confusão
  • Erupção cutânea
  • Aumento de linfonodos
Sintomas da COVID-19: mulher com máscara
Veja também Sintomas da COVID-19: os mais frequentes e os menos comuns

Doenças associadas à COVID-19

As comorbidades identificadas relacionam-se com problemas em diferentes órgãos do corpo:

  • Sistema endócrino: diabetes
  • Sistema renal: doença renal aguda e doença renal crónica
  • Sistema neurológico: AVC
  • Sistema cardiovascular: doença cardiovascular e hipertensão
  • Sistema respiratório: doenças respiratórias, doenças pulmonares, doença pulmonar obstrutiva crónica

Vírus com mais de 600 mutações

COVID-19: ilustração do coronavírus

O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) já detetou “600 mutações do novo coronavírus, no âmbito de um estudo de sequenciação do genoma do SARS-CoV-2”.

Para tal, foram analisadas cerca de 800 sequências do genoma do novo coronavírus, obtidas de amostras recolhidas em 116 concelhos, tendo sido detetadas centenas de mutações.

Fontes

  1. Estudo “Identificação de aspetos clínicos de base de pacientes com COVID-19”, disponível em:  https://www.medrxiv.org/content/10.1101/2020.05.13.20100271v1.full.pd
  2. Sequenciação do genoma do SARS-CoV-2, disponível em: https://www.sns.gov.pt/noticias/2020/06/04/covid-19-sequenciacao-do-genoma-2/
Veja também