Teresa Santos
Teresa Santos
01 Mar, 2021 - 11:03

Será que deve usar protetor solar em casa? Fique a saber a resposta

Teresa Santos

Em período de confinamento, será que devemos usar protetor solar em casa? Fique a saber o que pensam os especialistas acerca deste assunto.

protetor solar em casa

Com o confinamento e a quarentena, muitas pessoas questionam-se se devem ou não usar protetor solar em casa. Com efeito, já sabemos que as recomendações dos especialistas dizem que devemos usar protetor solar, mesmo quando não estamos diretamente expostos à luz solar ou nos dias nublados.

Isto significa que a proteção solar é bastante importante, mesmo nos dias menos soalheiros, mais comuns nos meses do outono e do inverno. Mas, e quando ficamos em casa? Será que também devemos usar protetor solar dentro da nossa habitação? Fique a saber.

Protetor solar em casa: porquê e para quê?

Produtos de beleza em cima de cama

De acordo com a dermatologista Helena Toda Brito, há algumas razões pelas quais devemos usar protetor solar em casa.

Primeiro, ao estarmos mais tempo em casa, inclusive em teletrabalho, estamos mais expostos à luz emitida por lâmpadas e dispositivos eletrónicos, como computadores e televisões. Essa luz pode contribuir para o envelhecimento precoce da pele, para o aparecimento de manchas na pele e até para o surgimento de cancro da pele.

As pessoas com melasma devem ter especial cuidados com este tipo de radiação, devendo por isso usar protetor solar que também proteja contra a luz visível.

Em segundo lugar, há que ter em conta que os vidros das janelas de nossa casa não são capazes de filtrar a luz visível, nem a radiação infravermelha, nem ultravioleta A (UVA), cuja ação na pele está na origem do aumento do risco de queimaduras solares, envelhecimento da pele e cancro cutâneo.

Isto significa que tanto os raios UVA, como os UVB,  entram em nossa casa através das janelas e das portas abertas ou do seu reflexo no chão ou nos objetos. Assim, apesar de ser em menor quantidade, também existe radiação solar dentro de nossa casa.

Além disso, quem tem jardim ou varanda deve encarar a permanência nestes espaços como uma ida à praia, já que o sol do campo ou da cidade é igual ao sol da praia. Mesmo estando à sombra, a luz solar pode ser refletida no chão ou nos objetos, atingindo a pele. Portanto, nestas circunstâncias, usar protetor solar é ainda mais imperativo. (1)

Como e onde aplicar o protetor solar?

Mulher a aplicar creme para estrias nas pernas

Mesmo em casa, deve usar-se um protetor solar com FPS 30 ou superior. Se não sair de casa, basta aplicar o protetor de manhã e à tarde.

No que respeita à quantidade, deve usar uma colher de chá de protetor no rosto, cabeça, pescoço e em cada um dos braços; e aplicar duas colheres de chá no tronco, costas e em cada uma das pernas. Não deve ainda esquecer zonas como as orelhas, por exemplo.

Antes de sairmos de casa, e mesmo usando máscara, deve colocar protetor solar no rosto, já que segundo alguns especialistas, a máscara não oferece proteção solar suficiente.

Cremes hidratantes para o rosto
Veja também Cremes hidratantes para o rosto: como escolher o mais indicado?

Qual o protetor solar que deve escolher?

Importa explicar que os protetores solares oferecem o mesmo tipo de proteção, independentemente de se apresentarem em creme, em gel, em óleo ou em spray. No atual contexto de confinamento, pode ser importante usar um protetor solar que também ofereça proteção contra a luz visível, ou seja, contra a luz dos ecrãs dos dispositivos eletrónicos, por exemplo.

Quanto ao local onde o protetor solar é comprado (supermercado, farmácia ou perfumaria), geralmente a diferença não está tanto na proteção contra os raios UVB, mas mais contra os raios UVA e no tipo de filtro solar.

Assim, os protetores solares mais baratos costumam possuir filtros solares mais antigos e uma proteção UVA baixa; enquanto os protetores solares das perfumarias costumam destacar-se mais pela sua apresentação e cosmeticidade; e os protetores solares de farmácia têm moléculas mais sofisticadas e uma defesa mais abrangente contra os raios solares.

Neste sentido, podemos considerar que o protetor solar ideal deve proteger dos raios UVA e UVB; ter um FPS, idealmente, 50+; e ser testado dermatologicamente (2).

Protetor solar Garnier 50

Protector Solar Ambre Solaire Formato Viagem Fps50+ 50Ml

Este protetor oferece uma proteção elevada e é enriquecido com manteiga de carité nutritiva. Garante uma absorção rápida e uma hidratação durante 24 horas. Não é oleoso. É resistente à água. E oferece proteção fotoestável UVA e UVB.

Preço:6.78€
Protetor solar da Uriage

Uriage Bariésun Fluido Ultra-Leve FPS 50+ 30ml

Este protetor solar é fluido e tem um fator de proteção solar muito elevado. É indicado para peles sensíveis e protege dos raios UVA e UVB e dos radicais livres.
É resistente à água, de absorção rápida e com acabamento seco. Não tem perfume.
É hipoalergénico. E não comedogénico.

Preço:11.90€
Protetor solar Shiseido

Shiseido Suncare Extra Smooth Sun Protection Lotion 100ml

Este protetor solar protege dos raios UVA/UVB, através duma fórmula altamente nutritiva que se aplica facilmente. Ajuda a reduzir o risco de foto-envelhecimento e de danos celulares relacionados com a formação de rugas e de manchas na pele. Simples de espalhar, fica invisível na pele.

Preço:36.95€

Fontes

  1. Helena Toda Brito. É necessário aplicar protetor solar dentro de casa? Disponível em: https://www.facebook.com/watch/?v=2037666723025149
  2. Prevenir. Protetor solar sem dúvidas. Disponível em: https://www.prevenir.pt/paciente-inteligente/literacia-em-saude/protetor-solar-sem-duvidas/
Veja também