Teresa Santos
Teresa Santos
19 Out, 2020 - 10:05

Máscaras personalizadas: na escola ou no trabalho, ajustadas ao gosto de miúdos e graúdos

Teresa Santos

Há máscaras personalizadas reutilizáveis que permitem adaptar este acessório ao seu estilo. Há sugestões irresistíveis para usar na escola ou no trabalho.

Máscaras personalizadas

De há uns meses para cá, as máscaras passaram a fazer parte do nosso quotidiano e já ninguém sai de casa sem ter um ou dois exemplares consigo. O decreto-lei nº20/2020 de 1 de maio tornou obrigatório o uso de máscara em espaços interiores fechados; estabelecimentos de ensino e creches; ou transportes públicos(1). Portanto, falar em máscaras personalizadas faz cada vez mais sentido.

Seja para colocar o logo de empresa ou escola, seja simplesmente para a adaptar ao estilo e ao gosto de adultos e crianças, as máscaras personalizadas são uma forma de dar mais conforto e personalidade a quem a usa. Fique a conhecer alguns dos modelos disponíveis.

Máscaras personalizadas para os miúdos levarem para a escola

Criança com máscara reutilizável

Se as máscaras entraram no nosso quotidiano, é inevitável que elas também estejam presentes nas escolas.

A partir do 2º ciclo de escolaridade, os alunos têm de usar máscara no interior de todo o recinto escolar, com exceção do momento das refeições e da aula de Educação Física.

Em agosto, foi notícia que as escolas já tinham recebido verbas estatais para comprarem máscaras que seriam, posteriormente, distribuídas gratuitamente por alunos e funcionários. Alguns municípios também contribuíram com o envio de algumas máscaras.

Porém, a adesão a este acessório de proteção pode ser mais fácil se for personalizado, por exemplo com nomes, especialmente numa altura em que educadores e professores têm de associar nomes a rostos meio escondidos.

Por outro lado, máscaras personalizadas podem ser encaradas por parte das crianças como um acessório divertido e que, por serem versáteis, podem ter várias de acordo com o que mais gostam.

vantagens de MÁSCARAS PERSONALIZADAS no trabalho

As empresas têm nas máscaras personalizadas um acessório de proteção que pode funcionar, simultaneamente, como meio de publicitar a própria empresa, nomeadamente através da colocação do logo.

Pode ser útil para a identificação dos colaboradores das empresas, pelo que é um acessório essencial para ser incorporado no fardamento.

3 sugestões de máscaras personalizadas reutilizáveis

Nunca é demais dizer que as máscaras reutilizáveis são a opção mais sustentável e amiga do ambiente, uma vez que as máscaras descartáveis geram mais poluição e resíduos. Portanto, fique a conhecer três sugestões de máscaras personalizadas reutilizáveis.

Menino com máscara personalizada

Máscara personalizada reutilizável criança

Para os mais pequenos levarem para a escola, há máscaras personalizadas para os: 3-5 anos; 6-9 anos; e 10-12 anos.
Os padrões são variados e incluem: raios, balões e, claro, unicórnios. Além disso, pode incluir o nome da criança, o que é muito útil para professores e colegas.

Price:8.95€
Jovem com máscara personalizada

Máscara personalizada reutilizável adulto

Para os adultos, existem uma série de padrões, desde os mais básicos aos florais e com outros motivos. Os tamanhos disponíveis são: M-L e L-XL. Assim como nos modelos infantis, é possível incluir o nome, bem como o logo da empresa. As máscaras são anti-bacterianas e impermeáveis.

Price:8.95€
Homem com máscara personalizada

Bandana personalizada

Para os adultos ou para as crianças, também há bandanas personalizáveis que, além do nariz e da boca, cobrem o pescoço e uma porção maior da cara.
Mais uma vez, os padrões disponíveis são muito variados e podem exibir o seu nome, uma palavra, uma frase e/ou um logotipo. Experimente!

Price:14.95€

Máscaras personalizadas não-cirúrgicas

Mulher com máscara comunitária sentada no banco de um jardim

As máscaras não-cirúrgicas, comunitárias, têxteis ou sociais evitam a transmissão do novo coronavírus, caso tenham um mínimo de filtração de 70%. São recomendadas à generalidade da população que, pelas suas condições de saúde ou de trabalho, não corram riscos de maior.

Convém notar que, ao não usar máscaras cirúrgicas, está a contribuir para que não faltem dessas máscaras a quem realmente precisa e, ainda, está a ser mais amigo do ambiente e do planeta.

Cuidados a ter com as máscaras que escolhe

Se, como dissemos, hoje em dia as máscaras são absolutamente indispensáveis, também é verdade que é essencial investir em máscaras certificadas, ou seja, máscaras que passaram, nomeadamente, nos critérios de respirabilidade (pressão diferencial) e que demonstraram eficácia de filtração bacteriana.

Deste modo, as máscaras devem possuir o selo “Máscaras COVID-19 Aprovado”, pois é sinal de que foram aprovadas pela Direção-Geral da Saúde, INFARMED, Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) e Instituto Português da Qualidade. Ou seja, cumprem todos os requisitos obrigatórios, regulamentados e fiscalizados pela ASAE. (2)

Cuidados a ter no manuseamento das máscaras

Além de dever escolher uma máscara social certificada e colocá-la e removê-la com os mesmos cuidados com que coloca e remove uma máscara cirúrgica; é ainda fundamental que siga as instruções do fabricante quanto ao número de lavagens permitido e ao método de lavagem mais adequado.

Importa ainda dizer que, à semelhança das máscaras cirúrgicas, as máscaras reutilizáveis também devem ser substituídas sempre que estiverem húmidas ou aproximadamente de 4 em 4 horas.

Nota: No site do CITEVE (Centro Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário), pode encontrar uma lista de empresas fabricantes de máscaras não-cirúrgicas certificadas.

Como colocar e remover a máscara?

A eficácia das máscaras depende muito da forma como as colocamos e removemos. Portanto, siga o seguinte passo a passo (3).

1

Colocar a máscara

  • Lavar bem as mãos, antes de pôr a máscara
  • Colocar a máscara com o lado branco/interno voltado para o rosto e o lado colorido/externo voltado para o exterior
  • Adaptar a máscara ao rosto, de maneira a cobrir a boca e o nariz
  • Tentar não tocar na máscara, enquanto a usa
2

Remover a máscara

  • Lavar bem as mãos, antes de tirar a máscara
  • Remover a máscara a partir de trás, ou seja, segurando os seus atilhos ou elásticos, evitando sempre tocar na frente da máscara
  • Se a máscara não for reutilizável, deve descartá-la de imediato no lixo
  • Lavar novamente bem as mãos

Fontes

  1. Decreto-Lei nº 20/2020 de 1 de maio. Disponível em: https://dre.pt/application/conteudo/132883356
  2. ASAE. COVID-19 Esclarecimentos. Disponível em: https://www.asae.gov.pt/covid-19-asae/esclarecimentos/fabrico-de-mascaras-para-uso-social-de-uso-unico-ou-reutilizavel-artigo-textil.aspx
  3. Direção-Geral da Saúde. Orientação Covid-19: Fase de mitigação. Utilização de Equipamentos de Proteção Individual por Pessoas Não Profissionais de Saúde. Disponível em: https://www.dgs.pt/directrizes-da-dgs/orientacoes-e-circulares-informativas/orientacao-n-0192020-de-03042020-pdf.aspx
Veja também