Gastrite aguda: causas, diagnóstico e tratamento

Gastrite é um termo geral para um grupo de condições com uma coisa em comum: inflamação do revestimento do estômago. Na gastrite aguda a dor é temporária.

Gastrite aguda: causas, diagnóstico e tratamento
Quais os sintomas associados de gastrite aguda?

A gastrite aguda surge repentinamente e pode ser causada por lesões, bactérias, vírus, stress ou ingestão de substâncias irritantes, como álcool, AINEs (anti-inflamatórios não esteroides), esteroides ou alimentos condimentados. Muitas vezes é apenas temporário. A gastrite aguda surge de um modo súbito e intenso.

A gastrite é uma condição separada da gastroenterite. A gastrite afeta diretamente o estômago e pode incluir náuseas ou vómitos, enquanto a gastroenterite afeta o estômago e os intestinos.

O QUE CAUSA GASTRITE AGUDA?


 

H.pylori

A gastrite aguda ocorre quando o revestimento do estômago está danificado ou fraco. Tal facto permite que os ácidos digestivos irritem o estômago. Há muitos fatores que podem danificar o revestimento do estômago. As causas da gastrite aguda incluem:

Outras causas menos comuns incluem:

  • Infeções virais;
  • Stress extremo;
  • Desordens autoimunes;
  • Doenças digestivas e distúrbios como a doença de Crohn;
  • Refluxo biliar;
  • Uso de cocaína;
  • Ingestão de substâncias corrosivas;
  • Falência renal.

 

COMO SE MANIFESTA A GASTRITE AGUDA?


gastrite aguda e ardor no estomago

Muitos doentes com gastrite referem dor ou desconforto na parte superior do abdómen, mas em muitos casos não existem quaisquer sintomas.

Para lá da dor, podem ocorrer náuseas e vómitos. Assim, os sintomas podem variar de leves a graves.

Sintomas comuns incluem:

  • Perda de apetite;
  • Indigestão;
  • Fezes pretas;
  • Náuseas;
  • Vómitos;
  • Dor na parte superior do abdómen;
  • Sensação de enfartamento após as refeições.

 

COMO SE DIAGNOSTICA A GASTRITE AGUDA?


endoscopia

O teste mais importante para o diagnóstico da gastrite é a endoscopia com biopsia do estômago. A biópsia significa a recolha de pequenas amostras de tecido da mucosa do estômago que serão posteriormente analisadas.

São também úteis a realização de exames radiológicos, análises laboratoriais, estudo das fezes e testes para identificação da bactéria H. pylori.

COMO SE TRATA A GASTRITE AGUDA?


antibioticos em caixa

Alguns casos de gastrite aguda desaparecem sem tratamento, e uma dieta leve pode ajudar em uma rápida recuperação. Alimentos com baixo teor de ácidos naturais, baixo teor de gordura e baixo teor de fibra podem ser melhor tolerados.

No entanto, muitas pessoas precisam de tratamento para a gastrite aguda, com tempo de tratamento e recuperação dependendo da causa da gastrite.

Os medicamentos utilizados para tratar a gastrite incluem:

  • Antibióticos para erradicar a H. pylori. Se for encontrada H. pylori no seu sistema digestivo, o seu médico pode recomendar uma combinação de antibióticos para matar a bactéria. Os regimes de antibióticos são variáveis, mas por norma requer uma combinação de medicamentos durante cerca de 2 semanas.
  • Medicamentos que bloqueiam a produção de ácido e promovem a cura. Os inibidores da bomba de protões (protetores gástricos) reduzem o ácido bloqueando a ação das células produtoras de ácido. Estes medicamentos incluem os medicamentos sujeitos a receita médica e de venda livre como omeprazol, lansoprazol, rabeprazol, esomeprazol e pantoprazol. O uso prolongado de inibidores da bomba de protões, sobretudo em doses elevadas, pode aumentar o risco de fraturas da anca, punho e coluna vertebral.
  • Medicamentos para reduzir a produção de ácido. Os bloqueadores de ácido – também designados por bloqueadores de histamina (H2) – reduzem a quantidade de ácido libertada no seu aparelho digestivo, aliviando a dor da gastrite e estimulando a cura. Disponível em medicamentos sujeitos a receita médica e de venda livre, os bloqueadores de ácido incluem ranitidina, famotidina e cimetidina.
  • Antiácidos que neutralizam os ácidos do estômago. O seu médico pode incluir um anti-ácido no seu plano de medicação. Os antiácidos neutralizam o ácido existente no estômago podendo, assim, proporcionar um alívio rápido da dor. Os efeitos colaterais podem incluir obstipação ou diarreia, dependendo dos princípios ativos.

Veja também:

Farmacêutica Cátia Rocha Farmacêutica Cátia Rocha

Cátia Rocha é farmacêutica. Como apaixonada pela profissão, acredita na importância da educação para a saúde e num papel interventivo dos profissionais de modo a transmitir conhecimentos que considera importantes e fundamentais para o bem-estar da população. É Mestre em Ciências Farmacêuticas pelo Instituto Superior de Ciências da Saúde do Norte e exerce atualmente o cargo de farmacêutica na Farmácia Agra.