Anemia: em que consiste a doença e como a pode tratar

A anemia pode surgir sem que dê conta de que está na presença da mesma. Conheça os sintomas mais comuns e saiba como deve tratar a doença e cuidar de si.

 
Anemia: em que consiste a doença e como a pode tratar
Causas, sintomas e tratamento da doença

A anemia surge quando os valores da hemoglobina estão abaixo do que é considerado normal, ou seja, quando há pouca produção de glóbulos vermelhos. Isto pode ser resultado de problemas genéticos ou pela carência de um ou vários nutrientes como ácido fólico, vitamina B12, ferro, proteínas ou zinco. Porém, a anemia por deficiência de ferro é a mais comum.

Crianças, grávidas, mulheres a amamentar, mulheres com ciclos menstruais muito longos e abundantes são os grupos de risco mas homens e idosos também podem ser afetados com a anemia.

Perda de sangue, dificuldade em absorver o ferro, uma alimentação pobre em vitaminas e minerais, uma maior necessidade de ferro (gravidez), doenças crónicas (diabetes, artrite, cancro, etc.) ou causas genéticas (anemia falciforme ou talassemia) podem levar à anemia.

A anemia pode ser aguda ou crónica, dependendo do tempo em que se é afetado e da forma como a anemia se instala no organismo, sendo que na primeira nota mais sintomas do que na última.

Anemia: para que serve o ferro no organismo?


anemia hemacias

O ferro é fundamental para o nosso organismo, faz parte dos glóbulos vermelhos, responsáveis por transportar o oxigénio a todo o corpo.

Se existir pouco ferro no organismo, a quantidade de hemácias é menor, logo, o esforço do coração é maior para fazer chegar o oxigénio às células.

Além dos glóbulos vermelhos, o ferro faz parte de diversas células e é também, responsável por ajudar as enzimas a extrair a energia dos alimentos. Sem ferro para auxiliar esse processo, sente-se mais cansado e desgastado.

Quais são os sintomas da anemia?


anemia mulher com tonturas

Porque o ferro faz parte de muitas células, a deficiência deste nutriente no organismo está relacionado com vários sintomas físicos e psicológicos aos quais deve estar atento.

Como se tratam de sintomas muito genéricos, é importante que faça análises anualmente para detetar, analisar e tratar a anemia o mais rápido possível. Tome nota dos sintomas da anemia:

  • Cansaço
  • Défice de atenção
  • Desanimo
  • Tristeza
  • Falta de apetite
  • Dormência
  • Queda de cabelo
  • Unhas fracas
  • Pele pálida
  • Perda de peso
  • Falta de ar
  • Tonturas
  • Ritmo cardíaco acelerado

 

Como tratar a anemia?


anemia suplementos em ferro

Para tratar a anemia é preciso saber o que a causa e, a partir daí, avançar com o tratamento. Mais uma vez, relembramos que visitas ao médico e análises regulares são essenciais.

Tratando-se de uma anemia por deficiência em ferro, pode ser necessário tomar suplementos de ferro. Em casos de maior gravidade, é possível que seja necessária uma transfusão de sangue.

Como prevenir a anemia?


anemia leguminosas e sementes

Uma alimentação variada, equilibrada e saudável é o primeiro passo para prevenir e tratar a anemia. Alguns alimentos são mais ricos em ferro do que outros, como é o caso dos alimentos de origem animal, cujo ferro é melhor absorvido pelo organismo, como carnes vermelhas, vísceras (fígado, rins e coração), aves, peixes e mariscos.

Nos alimentos de origem animal, prefira alimentos de folhas verde escuro como agrião ou couve, leguminosas (feijão, grão-de-bico, ervilhas, etc.), nozes e castanhas. Mas há um truque para que o ferro presente nos alimentos de origem vegetal, seja melhor absorvido pelo organismo.

Para isso, deve acompanhar com alimentos ricos em vitaminas como a beterraba, brócolos, tomate, pimentos, kiwi e citrinos.

Conheça aqui 10 alimentos que ajudam no combate à anemia >>

Veja também:

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].