Drª Patricia Azevedo | Médica Veterinária
Drª Patricia Azevedo | Médica Veterinária
11 Ago, 2020 - 10:44

3 receitas frescas para cães

Drª Patricia Azevedo | Médica Veterinária

No verão, os nossos patudos também gostam de se refrescar enquanto provam novos sabores. Espreite estas receitas frescas para cães.

Receitas frescas para cães

Partilhamos algumas receitas frescas para cães para fazer as delícias do seu melhor amigo.

As receitas frescas para cães podem ser dadas a todos os cães?

As receitas frescas para cães que apresentamos de seguida são feitas com alimentos não prejudiciais. No entanto, deve sempre perguntar ao seu médico veterinário se deve ou não oferecer ao seu cão estes alimentos.

Por várias razões específicas, relacionadas com a saúde individual do animal, como por exemplo patologias renais, hepáticas, obesidade, entre outras, certos alimentos podem não ser adequados e, portanto, nunca deve oferecer nenhum alimento fora da sua dieta normal sem questionar o médico veterinário assistente.

3 Receitas frescas para cães

1.

Ice snack

Ice snacks

Pode aproveitar para congelar qualquer tipo de líquido ou alimento pastoso que o seu cão goste de comer ou tenha um cheiro palatável.

Por exemplo, o caldo utilizado para cozinhar carne, comida em mousse, ou outro alimento que o seu animal adore que possa transformar em líquido são algumas opções para congelar em paletes de gelo, transformando-os posteriormente em belos cubos de gelo.

Pode, depois, dá-los ao seu cão como recompensa ou até mesmo para o deixar entretido num dia quente de verão. Devido ao odor forte do alimento, o cão vai adorar ficar a lamber o cubo até este ir derretendo, durante horas.

Desta forma, pode refrescar o seu cão, dar um alimento que ele adora e mantê-lo entretido.

2.

Gelado de manteiga de amendoim

Bolas de gelado de manteiga de amendoim

O gelado de manteiga de amendoim é uma óptima opção, caso utilize uma manteiga de amendoim saudável, sem aditivos – como o xilitol, nem corantes. Assim, quando utilizar a manteiga de amendoim para este fim verifique sempre o rótulo.

A maioria dos cães não digere bem a lactose e pode causar diarreia, portanto, aconselhamos que opte por um iogurte com baixo teor ou sem lactose para a receita.

Para a receita vai precisar de:

  • Manteiga de amendoim
  • Iogurte

Misture os ingredientes e coloque a mistura no congelador, idealmente de um dia para o outro. Depois, pode servir de várias formas, por exemplo, às colheres na taça do cão ou em forma de sandwich no meio de dois biscoitos de cão.

3.

Delícia de melancia

Cubos de gelo de melancia num prato

A melancia não faz mal aos cães, até porque a maior parte desta fruta é constituída por água. Assim, pode servir esta fruta fresca de verão ao seu cão de várias formas.

Pode partir a melancia aos cubos e dar ao cão como snack ou recompensa por ter tido um comportamento positivo. Pode também congelar a melancia aos cubos e dar ao cão para lamber e entreter-se.

Receitas frescas para cães: alimentos a evitar

É importante não fazer grandes variações das receitas apresentas, pois alguns alimentos humanos podem ser tóxicos para os nossos patudos. Assim, é aconselhável que não altere os ingredientes das receitas sugeridas, para evitar possíveis intoxicações.

Deve também evitar corantes, adoçantes e qualquer produto artificial pois pode causar diarreia e outras alterações no seu patudo. O açúcar, por sua vez, também não deve ser dado ao animal, pois pode causar problemas imediatos e a longo prazo, como diabetes.

Opte sempre por ingredientes naturais e certifique-se de que pode dar determinado alimento ao seu melhor amigo, questionando o seu médico veterinário assistente.

Outros cuidados a ter no calor

Cão a olhar pela janela

As receitas frescas para cães são óptimas para dar ao seu cão de forma a, essencialmente, aliviá-lo em período de calor. No entanto, durante o tempo quente existem outros cuidados com o seu cão que deve ter:

  • Deixá-lo sempre com um local de sombra acessível
  • Se for uma raça mais susceptível a golpes de calor evitar deixá-lo estar no exterior a qualquer hora do dia em períodos de calor, no entanto, apesar de existirem raças mais susceptíveis do que outras, não se esqueça que com o calor extremo e sem se conseguirem arrefecer, qualquer cão pode sofrer um golpe de calor
  • Preferir as horas de menor calor para fazer passeios (de manhã e ao final do dia/ noite);
  • Em alturas de muito calor (mais do que 35ºC) preferir deixar o cão no interior com refrigeração (ventoinha ou ar condicionado) pois mesmo com uma sombra o calor pode ser demasiado
  • Evitar andar de carro durante os períodos de maior calor
  • Deixar sempre água fresca ao dispor do animal 24 horas por dia

Juntamente com as receitas frescas para cães, estes são alguns dos cuidados que deve ter com o seu melhor amigo no verão, para evitar golpes de calor e outras situações graves, além de o manter confortável.

Veja também