Psicóloga Ana Graça
Psicóloga Ana Graça
29 Jun, 2018 - 10:30

Qual a importância da música em bebés?

Psicóloga Ana Graça

Neste artigo vamos tentar clarificar quais os benefícios que comprovam a grande importância da música em bebés. Fique a conhecê-los e coloque-a em prática.

Qual a importância da música em bebés?
O artigo continua após o anúncio

A música acompanha-nos desde o nascimento e é de grande importância no meio social em que vivemos. Transmite-nos alegria desde bebés, permite-nos o contacto com rimas infantis e com diferentes elementos musicais, canções de embalar, histórias e jogos de ritmo. Mas afinal qual é a importância da música em bebés? Vamos descobrir!

A música é uma linguagem universal!

musica

A música é, sem dúvida, um importante meio de comunicação em todo o mundo, que permite que pessoas de diferentes culturas e diferentes

Para além dos benefícios sociais que a música nos traz, é também determinante no desenvolvimento de cada um de nós, nomeadamente ao nível do desenvolvimento cognitivo e motor, daí a grande importância da música em bebés.

Esta linguagem universal é-nos ensinada pelos pais desde cedo, até porque a audição é um dos primeiros sentidos a desenvolver-se, ainda dentro da barriga da mãe. Os pais comunicam com os filhos através da música. Adormecem os bebés ao som de canções de embalar e brincam com eles e ensinam conteúdos recorrendo a canções e rimas divertidas.

15 Benefícios que comprovam a importância da música em bebés

importancia da musica em bebes

Os benefícios que comprovam a importância da música em bebé são tantos e tão grandiosos que descrevê-los a todos seria uma tarefa exaustiva. A música tem um papel fundamental no processamento da informação e na regulação do comportamento, mas há mais benefícios que deve conhecer:

1 – O bebé, ainda no útero materno, desenvolve reações a estímulos sonoros.

2 – Existe uma forte correlação entre a aprendizagem da música e o desempenho académico. Tocar um instrumento, ter aulas de música ou apreciar de forma ativa a música, potencia a aprendizagem cognitiva, sobretudo ao nível do raciocínio lógico, da atenção e concentração, da memória e do raciocínio abstrato.

3 – A música expande os canais neuronais e potencia a ligação entre os dois hemisférios cerebrais.

O artigo continua após o anúncio

4 – Permite desenvolver aptidões artísticas.

5 – Aperfeiçoa a sensibilidade estética e a capacidade criadora.

6 – Estimula a que a criança se expresse de forma individual, rica e criativa.

7 – A exposição a melodias serenas acalma e sossega os bebés.

8 – A música calma pode contribuir para a estimulação da libertação de hormonas, como as endorfinas, que atuam sobre recetores específicos do cérebro, levando ao alívio da dor.

9 – Através do convívio com a música, as crianças tornam-se mais comunicativas e aprendem a conviver com as diferentes regras de socialização. Aprendem a criticar de forma construtiva, a ter disciplina e a ouvir e interagir com o grupo.

10 – A música potencia o desenvolvimento da motricidade da criança, nomeadamente através da dança e da aprendizagem de um instrumento musical.

11 – A música com um ritmo mais acelerado contribui para o desenvolvimento da atividade muscular.

O artigo continua após o anúncio

12 – Favorece o desenvolvimento do sistema vestibular. Dançar e balançar ao som de um ritmo musical estimula o sistema responsável por auxiliar o cérebro a entender a gravidade, a adquirir equilíbrio e a desenvolver a consciência espacial.

13 – A música pode ser uma importante forma de expressar sentimentos e emoções.

14 – Desenvolve o sentido auditivo, rítmico e corporal do bebé. O desenvolvimento do sentido da audição através da música permite que aprenda a distinguir os diversos tipos de som;

15 – As atividades musicais em grupo favorecem o desenvolvimento social e emocional do bebé.

Em suma…

Quanto mais cedo e quanto maior for a exposição das crianças à música, mais rápido parece ser a evolução de muitas das suas capacidades.

Sendo tão evidente a importância da música em bebés não perca tempo e incentive o gosto pela música dos seus filhos desde cedo, oiça boa música com eles, e estimule a aprendizagem formal da música, através de aulas e estudo de um ou vários instrumentos musicais.

Veja também: