Drª Patricia Azevedo | Médica Veterinária
Drª Patricia Azevedo | Médica Veterinária
29 Set, 2020 - 13:00

Fox Terrier: conheça esta raça de cães e as suas caraterísticas

Drª Patricia Azevedo | Médica Veterinária

Os Fox Terrier mantém as suas caraterísticas quase iguais, desde o surgimento da raça no século XVIII. Saiba mais sobre esta raça inglesa.

Fox Terrier: tudo o que precisa de saber sobre esta raça

O nome da raça Fox Terrier deriva do seu propósito que seria a caça à raposa (“fox” em inglês). Existem dois tipos de Fox Terrier e podem ser classificados quanto ao seu tipo de pelo:

  • De pelo liso
  • De pelo duro

São cães muito amigáveis, contudo, têm tendência a impor-se face a outros cães, pelo que se recomenda que socializem com outros animais e tenha treino precoce e adequado. 

São cães muito ativos devido à sua característica de caçador de raposas, é um cão com muita energia e necessita de muito desgaste físico, pelo que é importante a prática de exercício físico diária. É o cão ideal para quem quer um cão pequeno e que pratique atividade física ao ar livre, pois o Fox Terrier é perfeito para lhe fazer companhia nessas atividades.

Caraterísticas gerais do FOX TERRIER

grupoGrupo: Grupo 3 – Terriers
Finalidade: cão de caça
Ambiente ideal: apartamento
origemPaís de Origem: Reino Unido
portePorte: pequeno
Altura: de 37cm a 39cm
pesoPeso ideal: de 7kg a 8kg
corCor: na versão de pelo liso: todo branco, ou branco com castanho, ou preto e castanho ou com manchas pretas; na versão de pelo duro: branco com manchas pretas, ou pretas e castanhas ou castanhas
lifeEsperança Média de Vida: entre 10 a 15 anos
preçoPreço médio: de 160€ a 250€

Caraterísticas específicas do FOX TERRIER

Independentemente do tipo de pelagem, o Fox Terrier tem um porte real e uma autoconfiança que dão inveja a qualquer ser humano.

Está sempre atento a tudo o que o rodeia, mas não deixa que isso o impeça de aproveitar a vida com alegria e boa disposição, de tal forma, que se optar por levá-lo a concursos caninos, seguramente fará um brilharete, já que esta raça é excelente para competições de agilidade e obediência. E, verdade seja dita, este cão vai adorar ser o foco das atenções.

rating 5Energia
rating 5Inteligência
rating 3Tolerância ao frio
rating 4Tolerância ao calor
rating 2Cuidados de higiene
rating 2Queda de pelo
rating 3Tendência para problemas de saúde
rating 3Facilidade de aprendizagem
rating 5Socialização com crianças
rating 2Socialização com estranhos
rating 2Socialização com cães
rating 1Socialização com gatos

Fases da vida do FOX TERRIER

fase-bébéfase-adultofase-idoso
BébéAdultoIdoso
1 – 6 meses6 meses – 10 anos10 – 15 anos

Físico do FOX TERRIER

fox terrier sentado no jardim

Os cães desta raça têm um dorso curto e reto, quadris curtos, musculados e ligeiramente arqueados. A cauda é ereta mas não enrolada.

No que à expressão facial diz respeito, o crânio é achatado, as orelhas em formato de “V”, que caem para a frente, os olhos são pequenos, escuros e cheios de vida, demonstrando a sua inteligência.

Temperamento do FOX TERRIER

Fora de casa e junto de outros animais, mantenha o seu Fox Terrier preso pela trela, caso contrário, virá ao de cima o seu instinto de caçador. Basicamente ele irá perseguir tudo o que se mova e vai tentar lutar com outros cães, impondo a sua presença. Daí a importância de um bom período de sociabilização enquanto cachorro, para melhorar este tipo de comportamentos. 

Uma outra forma de se mostrar é através dos latidos, que nem sempre são para avisar de que alguma coisa está errada, no entanto é um ótimo cão de guarda pois dá sinal a qualquer alteração.

é um cão que necessita de muito exercício e companhia, pois os cães desta raça odeiam ficar sozinhos, e são mais suscetíveis de desenvolver ansiedade por separação e todos os vários problemas que daí advêm.

Problemas de Saúde do FOX TERRIER

OssosDisplasia coxofemoral
OlhosCataratas
OuvidosSurdez
Doenças endócrinasHipotiroidismo
Doenças neurológicasEpilepsia

Cuidados a ter com o FOX TERRIER

DentesEscovar semanalmente com escova de cerdas firmes
EscovagemA variedade de pelo cerdosos necessita de escovagem no mínimo 3 vezes por semana

Origem do FOX TERRIER

Conhecido desde o século XVI, esta raça foi criada pela coragem e eficácia na arte de desalojar as raposas, protegendo os rebanhos. A sua origem certa não é totalmente conhecida e portanto existem três teorias quanto à sua origem:

  • A primeira aponta para que se tenha desenvolvido a partir de Galgos ingleses, Daschund, Foxhunds e Beagles
  •  Podem também ter surgido de cruzamentos entre Old English Terrier, do Bull Terrier, do Greyhound, do Beagle e do Black and Tan Terrier
  • A última teoria, e a que se pensa ser a correcta, é que possam ter tido origem nos terriers de pelo cerdoso usado nas minas de carvão no País de Gales

Ao contrário do que acontece com outras raças, o Fox Terrier mudou muito pouco ao longo dos séculos, não havendo sequer registos do desenvolvimento da raça. Como tal, durante a época de 1920, o Fox Terrier de pelo liso tornou-se num dos mais reconhecidos cães da raça pura, quer nos EUA, quer no Reino Unido.

Curiosidades sobre o FOX TERRIER

Há um Fox Terrier que tem o seu lugar nas páginas da história inglesa. Chamava-se César e pertenceu ao rei da Inglaterra Edward VII, usando, inclusivamente um colar com a seguinte descrição: “Eu chamo-me César. Eu pertenço ao Rei.” Quando Edward VII morreu em 1910, César, de luto, caminhou atrás do caixão durante a procissão.

O cão de “As aventuras de Tintin” é também um Fox Terrier.

Conheça mais raças de cães: