Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
18 Set, 2018 - 11:30

8 Coisas que quem é bom na cama faz: fique atento aos sinais!

Mónica Carvalho

Por muito que se possa vangloriar da sua performance sexual, há várias coisas que quem é bom na cama faz. Veja se este é o seu caso e se não for, tente melhorar.

8 Coisas que quem é bom na cama faz: fique atento aos sinais!

Falar sobre sexo ainda é feito com algum receio e de forma demasiado casual, tendo em conta a seriedade do assunto. Todavia, há coisas que quem é bom na cama faz, independentemente de se gabar disso mesmo ou não.

Por isso, atente às nossas dicas para se tornar num ás do prazer.

É um bom parceiro sexual? Confirme a nossa checklist

coisas que quem e bom na cama faz

Indicamos 8 coisas que quem é bom na cama faz e demonstram o seu potencial enquanto parceiro sexual.

1. Admita que adora sexo

As pessoas podem ter suas próprias ideias sobre o que é fazer bom sexo, mas, acima de tudo deve adorar fazer e não praticar apenas para corresponder às expectativas do seu parceiro.

2. Tenha a mente aberta

No que ao sexo diz respeito, apenas as vontades dos elementos envolventes podem impor limites. Ambos deverão conversar sobre fantasias que gostassem de ver realizadas, bem como novas posições sexuais a experimentar, acessórios a utilizar e todas as expectativas que envolvem o tema.

3. Seja confiante

Sem ser arrogante. Ou seja, deverá encontrar um ponto de equilíbrio entre o modo como se sente e como o demonstra. Se for demasiado tímido, poderá estar a impedir-se de viver uma vida sexual mais livre e plena. Se for o oposto, poderá transmitir uma ideia errada e fazer o sue parceiro sentir-se inibido.

4. Deve saber receber e dar prazer

Embora o objetivo de muitas pessoas durante o sexo seja obter prazer, nada poderia estar mais errado, já que o sexo só faz sentido a dois e quando ambos se sentem bem e desfrutam de todos os momentos íntimos.

Na verdade, um bom amante apenas fica completamente satisfeito se o parceiro também teve possibilidade de aproveitar totalmente o momento.

5. Seja atencioso e comunicativo

O sexo não se mede apenas pelo número de posições sexuais realizadas, mas também pela forma como consegue comunicar com o parceiro, sobre desejos, expectativas e intenções. Só uma forma totalmente desinibida de encarar o assunto poderá ser benéfica para ambas as partes envolvidas.

6. Experimente acessórios eróticos

Tal não significa que é incapaz de ter uma performance sexual desenvolta e bem-sucedida. Antes pelo contrário: é precisamente por assim o pretender, que não tem qualquer problema em experimentar acessórios que podem tornar a intimidade num momento mais divertido e prazeroso.

7. Seja capaz de seduzir

O flirt não é só interessante com pessoas que não conhece e feito de forma leviana. É extremamente sensual saber seduzir alguém por quem se sente atraído, mesmo que ambos já estejam num elevador patamar de intimidade e numa relação duradoura. Aliás, é precisamente esse o momento mais importante para demonstrar ao seu parceiro o quão importante ele é e o quanto o valoriza.

8. Seja capaz de procurar ajuda

Não é vergonha assumir que existe um problema e procurar ajuda especializada quando necessário. Empurrar o assunto para debaixo do tapete só pode ter consequências negativas a curto e a longo prazo. O casal poderá perder a intimidade e, consequentemente, distanciar-se um do outro.

Um bom amante escolhe o momento certo para ter este tipo de conversa, nunca julga o desempenho do outro e procura sempre soluções a dois, mesmo que seja necessária a intervenção de terceiros.

Veja também: