Personal Trainer José Afonso
Personal Trainer José Afonso
26 Jun, 2020 - 09:58

Atividades físicas para fazer com crianças ao ar livre

Personal Trainer José Afonso

É preciso levar os mais novos aos treinos na rua, para que miúdos e graúdos se divirtam juntos, em segurança e com motivação. Espreite estas atividades físicas para fazer com crianças.

Atividades físicas para fazer com crianças ao ar livre: menino a brincar à escalada no parque

Nos dias que correm, e muitas vezes devido à falta de tempo e à azáfama do dia a dia dos pais, nem sempre as crianças podem usufruir das brincadeiras ao ar livre, sejam elas lúdicas ou didáticas. Assim, haverá, muito provavelmente, crianças que acabam por passar mais tempo dentro de casa, absorvidas pela tecnologia, o que fará com que sintam menos necessidade de sair à rua para brincar.

Assim sendo, é importante que os pais pensem em alternativas de interação com as crianças, de forma a que estas não passem muito tempo sozinhas ou dentro de casa. As atividades físicas para fazer com crianças ao ar livre que aqui partilhamos são formas de as estimular a mexerem-se, saltar, correr e libertar a sua energia (1).

Seja em ambientes urbanos ou em ambientes um pouco rurais, existem sempre locais para a realização de inúmeras atividades de interação com os pais, amigos, família. Um jardim ou um parque é o ambiente ideal para realizar todas as atividades que permitam dinamizar um conjunto de capacidades das quais as crianças não obteriam se permanecessem em casa.

Veja neste artigo as inúmeras atividades que as crianças poderão realizar de forma segura e divertida, bem como os benefícios das mesmas para a sua saúde global.

Imunidade nas criancas: menino com máscara de proteção no colo da mãe
Veja também A imunidade das crianças é inata e muito ativa

Atividades físicas para fazer com crianças e os seus benefícios

Crianças a jogar futebol no parque

É sabido que hoje em dia existe uma relação entre a atividade física e as capacidades cognitivas. As crianças que se exercitam e realizam atividades de cariz físico têm melhores índices de atenção e flexibilidade cognitiva do que as crianças que não praticam atividades físicas e passam demasiado tempo a ver televisão ou no computador.

Este fator é importante para desde cedo a criança tenha a capacidade de resolver problemas sozinha, o que fará com que cresça com mais autonomia e capacidade de decisão. Daí ser importante manter uma dose diária de atividade física, sendo que os pais podem (e devem) acompanhar os filhos para conservar a forma física e mental, ao mesmo tempo que passam por momentos de pura diversão e aprendizagem.

Saiba, então, os benefícios da atividade física para crianças ao ar livre:

1.

Desenvolve as várias capacidades da criança

As atividades físicas ao ar livre promovem o desenvolvimento infantil em termos emocionais, físicos e intelectuais, ao desafiar a criança e encontrar soluções para os problemas que encontra aquando da prática das atividades ao ar livre (2).

2.

Ajuda no desenvolvimento do vínculo social

As crianças que brincam na rua com os amigos desenvolverão capacidades sociais superiores às das crianças que brincam sozinhas dentro de casa. Desta forma, estas crianças serão mais capazes de conviver com outras pessoas ao mesmo tempo que se sentirão mais felizes e saudáveis.

3.

Incentiva a prática da atividade física

As crianças que praticam atividade física ou algum tipo de desporto terão mais probabilidade de o continuar a fazer durante a adolescência e a vida adulta. É uma boa forma de estas crianças adotarem o hábito de atividade física durante a vida adulta e diminuirá as chances de se tornarem adultos sedentários.

4.

Promove bons hábitos alimentares

A conexão de uma criança com a natureza fará com que esta desenvolva um maior conhecimento dos alimentos que são plantados, o que aumentará as probabilidades de esta manter bons hábitos alimentares durante a vida adulta. Pais que incentivam a criança a plantar os próprios alimentos estarão a consciencializar a criança para um respeito pela Natureza, que esta transportará ao longo das várias fases da sua vida (3).

Explicar o racismo às crianças: pais a ler um livro com a filha
Veja também Como explicar o racismo às crianças? 7 dicas que podem ajudar

5 Atividades físicas para fazer com crianças ao ar livre

1. Andar de bicicleta

Crianças a andar de bicicleta no parque

Crianças que já saibam caminhar podem ser desafiadas a dar as primeiras pedaladas na bicicleta e nada melhor do que fazê-lo ao ar livre. Desta forma a criança terá uma maior perceção do espaço que tem à sua volta para andar de bicicleta, ao mesmo tempo que poderá aventurar-se pelos obstáculos que os caminhos lhe trazem.

Esta atividade incita a capacidade de equilíbrio, força e resistência cardiovascular da criança podendo haver progressividade destas capacidades se o modelo “sem rodinhas” for implementado.

2. Desportos coletivos

Grupo de crianças a jogar futebol

Para incentivar a comunicação, espírito de equipa e capacidade de entreajuda não há melhor atividade dos que os desporto coletivos. As crianças terão de aprender a confiar nos colegas de equipa para ultrapassarem os adversários, sendo que atividades como o râguebi, basquetebol ou mesmo o futebol são desportos que farão com que a criança desenvolva capacidades sociais.

3. Atletismo

Crianças a correr numa pista de atletismo

Muitas crianças têm energia e vitalidade que lhes dá a capacidade de brincar durante horas sem se cansarem. As várias modalidades do atletismo farão com que estas aprendam movimentos essenciais como correr, saltar ou até atirar, desenvolvendo as capacidades de velocidade, resistência e força.

As corridas de pista, os saltos em altura e até os lançamentos incitarão um espírito de competitividade entre as crianças, ao mesmo tempo que lhes darão capacidades para otimizar o seu desenvolvimento.

4. Saltar à corda

Crianças a saltar à corda

Para as crianças que já se equilibram bem em posição bipedal, saltar à corda pode ser uma atividade importante pois as crianças terão a oportunidade de desenvolver movimentos básicos como agachar e saltar.

Como é uma atividade que pode ser feita em conjunto, os pais também poderão alinhar na brincadeira.

5. Jogos lúdicos

Crianças a jogar às escondidas no parque

Os jogos lúdicos como a “apanhada” e as “escondidas” podem desenvolver várias componentes como a tomada de decisão, controlo de ansiedade e noção comportamental. Quando desafiadas, as crianças conseguem encontrar soluções com facilidade, o que pode ser um transfer para outras circunstâncias como a aprendizagem escolar ou a fase da adolescência.

Como ajudar a crianças a lidar com as emoções: menina a abraçar a mãe
Veja também Como ajudar a criança a lidar com as emoções?

Conclusão

Pequenos passeios no parque e nos jardins, atividades lúdico-recreativas e também desportivas são algumas das atividades físicas para fazer com crianças. Seja qual for a atividade, se possível, experimente realizá-la também com as suas crianças de forma a fortalecer os laços paternais, ao mesmo que tempo que juntos promovem momentos de diversão.

Existem inúmeras atividades que despertarão o potencial das crianças, mas também que marcarão as memórias destas devido ao impacto que estes pequenos momentos têm nas crianças. Certamente ainda se lembra das brincadeiras que fazia com os seus pais ou avós e esta também é uma forma de passar o legado dessas brincadeiras para os seus filhos.

Fontes

  1. Michael L. Henniger (1994). Early Child Development and Care, “Adult perceptions of favorite chilhood play experiences”.
  2. Sociedade Portuguesa de Pediatria, Ata Pediátrica (2013). “O brincar da criança em idade pré- escolar”.
  3. Kondrup J, Allison SP, Elia M, Vellas B, Plauth M. (2003) “ESPEN guidelines for nutrition screening 2002”. Clinical nutrition. Edinburgh, Scotland). 22(4):415-21.
Veja também