Publicidade:

Grupo 10 – Galgos (lébreis)

Os galgos ou cães lébreis constituem o grupo 10, último grupo segundo a classificação da Federação Cinológica Internacional. Conheça melhor este tipo de cães.

Grupo 10 – Galgos (lébreis)
São cães esbeltos, de pernas compridas e focinho afilado.

Os galgos são também conhecidos por cães lébreis, que deriva de “lebre”. Talvez devido à sua capacidade de correr a alta velocidade como as pequenas lebres, ou também porque estes cães eram utilizados para a caça desta espécie.

Todos partilham das mesmas caraterísticas físicas, e evidenciam-se pela sua excelente visão. No entanto, o grupo está subdivido em 3 secções de acordo com o tipo de pêlo, pois de entre todas as suas caraterísticas físicas, esta é das únicas que os distingue.

Galgos – Grupos FCI


A cinologia designa-se como gosto ou adoração por cães. A Federação Cinológica Internacional (FCI) é a instituição responsável por classificar e agrupar as raças de cães de acordo com as suas funções, origem ou morfologia.

Segundo a FCI existem 10 grupos de cães. O 10º e último grupo refere-se aos galgos.

Os cães do grupo 10 caraterizam-se pelas suas semelhanças físicas, como o seu corpo esbelto, focinho afilado e pernas compridas, excelente visão e capacidade de atingir grandes velocidades durante curtos períodos de tempo.

Raças de galgos


Secção 1 – Galgos de pêlo comprido e franjeado

galgo borzoi

Secção 2 – Galgos de pêlo cerdoso

Galgo Scottish Deerhound

  • Irish Wolfhound
  • Scottish Deerhound

Secção 3 – Galgos de pêlo curto

Galgo Whippet

 

Galgos – Caraterísticas


galgo ingles

Os galgos adoram correr. Têm uma forma atlética, esbelta e aerodinâmica, com pernas longas, focinho longo e afilado. São cães calmos e meigos, apesar de estarem constantemente a observar o mundo que os rodeia em busca de objetos em movimento que possam perseguir.

Tipos

Todos os galgos partilham das mesma fisionomia, a única variável será o tipo de pêlo que pode ser diferente de raça para raça. Desta forma, este grupo esta subdividido em 3 secções:

  • Secção 1 – galgos de pelo comprido e franjeado;
  • Secção 2 – Galgos de pelo cerdoso;
  • Secção 3 – Galgos de pelo curto.

Função

Este tipo de cães eram utilizados para a caça à lebre, mas ao contrário das outras raças que caça com o seu faro, estes caçam através da sua excelente visão.

Durante muito tempo estes cães eram associados à aristocracia, tendo servido de cães de companhia de muitos príncipes e soberanos.

Hoje em dia, os galgos são utilizados essencialmente como cães de companhia, sendo ainda hoje um tipo de cão associado ao luxo.

Algumas raças deste grupo são utilizadas também para corridas, caça e outras atividades desportivas.

Caraterísticas físicas

Todas as raças de galgos que constituem o grupo 10 apresentam longas pernas, estrutura elegante, focinho comprido e afilado, peito estreito e profundo, músculos fortes e olhos apontados para a frente.

Temperamento

A personalidade dos galgos é única. São calmos e tranquilos. Apesar de por vezes não demonstrarem e parecerem mais distantes, estes cães são muito apegados aos seus tutores e criam com eles uma grande ligação emocional.

São cães tímidos, principalmente na presença de estranhos. No entanto são bastante sociáveis com outros cães e adoram brincar ao “gato e ao rato” fugindo e correndo atrás uns dos outros.

Exercício e Entretenimento

Os galgos são caçadores ágeis e velozes, adoram perseguir objetos em movimento. Apesar de serem os maiores corredores caninos, os galgos não necessitam de uma grande quantidade diária de exercício.

No que diz respeito a estes cães o tipo e qualidade do exercício são fatores a ter em conta ao invés do tempo que o seu cão passa a exercitar-se.

Uma caminhada de 20 minutos por dia podem ser o suficiente para estes cães, desde que tenham espaço e segurança para correr numa área plana.

Também adoram perseguir objetos em movimento. Brincadeiras com brinquedos para cães ou bolas atirados ao ar para que o seu cão possa saltar em cima e apanhá-las, pode também ser uma maneira muito divertida de brincar.

Passam longos períodos de tempo a dormir, portanto são cães que se adaptam bem a ambientes domésticos, desde que tenham os devidos períodos de desgaste de energia. Adoram dormir em camas confortáveis, mesmo os cães de maior porte podem enroscar-se numa cama própria para cães ou até mesmo nas suas pernas.

Treino

Como são cães que adoram procurar objetos em movimentos com a sua visão e persegui-los, devido aos seus instintos de cão de caça, é boa ideia treinar o seu cão ao chamamento.

Deve treiná-lo para voltar para a beira do seu tutor quando o chama, pois quando o solta para dar as suas corridas pode ver um gato, um bicicleta ou algo movimentar-se e fugir para o perseguir.

Conclusão…


Os galgos são cães muito elegantes e de perna comprida que conseguem correr muito rápido por curtos períodos de tempo.

Foram desenvolvidos inicialmente para a caça de lebres, atualmente desempenham tarefas como cães de companhia, caça, corridas e outras atividades desportivas.

São cães que não precisam de grande tempo de exercício diário mas sim exercício com qualidade e direcionado para as suas caraterísticas.


Conheça mais raças de cães:

Todas as raças de cães

Todas as
raças de cães

Raças de cães pequenos

Raças de
cães pequenos

Raças de cães médios

Raças de
cães médios

Raças de cães grandes

Raças de
cães grandes

Veja também:

Dra. Patrícia Azevedo Dra. Patrícia Azevedo

Patrícia Azevedo é médica veterinária natural de Braga. Desde a sua infância que é apaixonada por animais e sempre teve a ambição de ser médica veterinária. Trabalhou como voluntária em associações de proteção e ajuda a animais errantes desde os 11 anos de idade . Iniciou o seu percurso como estudante desta área na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro e concluiu os seus estudos no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar. Tem três gatos e uma cadela retirados da rua. Trabalha atualmente na sua cidade natal, em medicina e cirurgia de pequenos animais.

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].