Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
09 Jan, 2020 - 11:41

Conheça a palavra do ano em 2019

Mónica Carvalho

Todos os anos a Porto Editora leva a cabo uma votação para eleger a palavra do ano. Em 2019, o destaque vai para violência (doméstica).

Conheça a palavra do ano em 2019
O artigo continua após o anúncio

Violência (doméstica) recolheu 27,7% dos mais de 20.000 votos registados para a palavra do ano 2019.

De acordo com a Porto Editora, a escolha decorre “em consequência dos inúmeros casos que foram sendo conhecidos ao longo do ano e que, infelizmente, resultaram em vítimas mortais — de acordo com notícias recentes, foram 35 mulheres, homens e crianças assassinadas em Portugal no contexto de violência doméstica só no ano passado”.

A votação foi renhida, já que, em segundo lugar, a apenas uma décima de distância ficou a palavra “sustentabilidade” que, aliás, “liderou a votação desde o início até praticamente o final da votação, ficando assim notória a crescente preocupação que o tema da sustentabilidade desperta na sociedade portuguesa perante as sérias ameaças que pendem sobre a vida coletiva em consequência das alterações climáticas”, pode ler-se em comunicado da editora.

No terceiro lugar do pódio encontra-se a palavra “desinformação”, com 13,8% dos votos, refletindo um tema “que não passou ao lado dos portugueses”.

Confira o resto da votação:

  • 4º Jerricã: 7,5%
  • 5º Nepotismo: 5,7%
  • 6º Seca: 4,3%
  • 7º Trotinete: 4,2%
  • 8º Lítio: 4,2%
  • 9º Influenciador: 4%
  • 10º Multipartidarismo: 1%

A iniciativa teve a sua primeira edição em 2009. Relembre as palavras mais votadas nos anos anteriores:

  • 2009: Esmiuçar
  • 2010: Vuvuzela
  • 2011: Austeridade
  • 2012: Entroikado
  • 2013: Bombeiro
  • 2014: Corrupção
  • 2015: Refugiado
  • 2016: Geringonça
  • 2017: Incêndios
  • 2018: Enfermeiro

A Palavra do Ano tem como principal objetivo “sublinhar a riqueza lexical e o dinamismo criativo da língua portuguesa” e reflete o que de mais relevante aconteceu na sociedade portuguesa e no mundo no ano da votação.