Cláudia Ribeiro
Cláudia Ribeiro
14 Mar, 2017 - 16:33

Moda Lisboa edição Boundless: os desfiles

Cláudia Ribeiro

As garagens do Centro Cultural de Belém encheram este fim de semana para ver desfilar as coleções de vários criadores na Moda Lisboa edição Boundless.

Moda Lisboa edição Boundless: os desfiles
O artigo continua após o anúncio

A abertura da Moda Lisboa edição Boundless foi na passada quinta-feira com a apresentação dos desfiles de Sangue Novo e LAB.

No sábado, logo a seguir à hora de almoço, iniciaram os desfiles dos mais sonantes estilistas da moda portuguesa, com as suas propostas para outono/inverno 2017/18.

Ricardo Preto

Ricardo Preto apresentou para a estação fria uma coleção ultra-feminina, como é habitual nas suas coleções.

As propostas são peças delicadas e artísticas com silhuetas geométricas e tons escuros.

Luís Carvalho

As propostas outono-inverno 17/18 do português Luís Carvalho englobam um contraste de materiais com diferentes acabamentos e texturas, entre eles o fluido e o estruturado.

O estilista apostou ainda em cores escuras, tendo como base da paleta o preto e o azul, onde o o verde profundo e o vermelho oriental surgem como contraste.

Filipe Faísca

A coleção outono inverno 2017/18 de Filipe Faísca tem inspiração nos anos 80.

Desfilaram casacos robustos, as palas, passando também pelos plissados e os brilhos em alguns vestidos.

O artigo continua após o anúncio

Nadir Tati

Nadir Tati apresenta uma coleção inspirada na beleza e grandeza das mulheres africanas.

Entre os tons escolhidos destacam-se o branco e o prata numa luxuosa coleção de vestidos desenhados para moldar a silhueta feminina.

Dino Alves

A coleção de Dino Alves pretende ser um manifesto sobre o funcionamento da indústria da moda em Portugal.

Destacam-se peças feitas com painéis de tecidos atados uns aos outros e peças com o mínimo de acabamentos.

Veja também: