Priscilla Fortinho
Priscilla Fortinho
01 Jul, 2020 - 10:20

Bolo do caco: da receita básica a versões sem glúten

Priscilla Fortinho

O bolo do caco pode ser feito com farinha branca ou alternativas, como araruta, farinha de coco, de aveia, de arroz e outras. Todas, deliciosas.

Receitas de bolo do caco típico da Madeira

Seja como entrada, acompanhamento ou iguaria principal, o bolo do caco é um pão de trigo e batata-doce, típico da Madeira, mas que pode confecionar em casa, com poucos ingredientes. Só vai ter de aguardar umas horas para que a massa fique bem levedada e cheia de sabor. Depois é só assar numa frigideira e servir quentinho, com a clássica manteiga de alho.

Receitas de bolo do caco

1. bolo do caco simples

Bolo do caco simples
Cozinha:
Tipo:almoço ou jantar
Tempo de preparação:03h00

Ingredientes

  • 1 kg de farinha
  • 750 g de batatas-doces
  • 25 g de fermento de padeiro
  • 1 pitada de sal
  • Água

Modo de preparação

  • Descascar as batatas, levar a cozer em água e reduzi-las a puré.
  • Desfazer o fermento num pouco de água (cerca de 150 ml) e adicionar também o sal.
  • Colocar a farinha numa superfície limpa, abrir um buraco no meio e colocar a batata-doce e o fermento.
  • Deixar a massa fermentar durante 2 a 3 horas.
  • Dividir a massa em pequenas porções e espalmá-las (numa superfície polvilhada com farinha).
  • De seguida, cozer o bolo de caco numa chapa bem quente, de ambos os lados.

2. bolo do caco com manteiga de alho

Bolo do caco com manteiga de alho
Cozinha:
Tipo:almoço ou jantar
Tempo de preparação:01h30

Ingredientes

  • 150 g de batata-doce assada
  • 150 ml de água morna
  • 10 g de fermento fresco de padeiro
  • 1 colher de sopa de açúcar
  • 250 g de farinha de trigo sem fermento
  • 1 colher de chá de sal fino
  • Farinha q.b. para polvilhar
  • Manteiga de alho
  • 4 colheres de sopa de manteiga com sal
  • 1 dente de alho
  • Coentros frescos q.b.

Modo de preparação

  • Aquecer o forno nos 180 graus e assar a batata-doce com pele, embrulhada em papel de alumínio durante cerca de 1 hora.
  • A seguir, acrescentar 10 g de fermento fresco de padeiro em água morna, acrescentar 1 colher de sopa de açúcar e misturar.
  • Colocar 250 g de farinha de trigo na taça da batedeira, adicionar 1 colher de chá de sal fino, o fermento dissolvido e 150 g de batata-doce esmagada.
  • Acrescentar a restante água morna e amassar por 10 minutos. Deixar a levedar até ter o dobro do volume.
  • Quando isso acontecer, deitar sobre a bancada, voltar a amassar e formar um chouriço. Cortar em 6 pedaços e depois achatar para que fique em forma de disco.
  • Deixar os bolos levedarem por mais 15 minutos e depois levá-los a assar numa frigideira de ferro bem quente.
  • Enquanto isso, fazer a manteiga de alho: juntar 3 colheres de sopa de manteiga amolecida, 1 dente de alho esmagado, coentros picados e misturar tudo.
  • Barrar no pão ainda quente e deliciar-se.

3. bolo do caco vegan e sem glúten

Bolo do caco vegan
Cozinha:
Tipo:almoço ou jantar
Tempo de preparação:01h20

Ingredientes

  • 230 g de batata-doce previamente cozida, bem seca e fria
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 2 colheres de sopa de água
  • 35 g de farinha de araruta
  • 35 g de farinha de coco
  • 30 g de farinha de trigo sarraceno
  • 20 g de polvilho azedo
  • 4 g de levedura em pó para pão
  • Pitada de sal

Modo de preparação

  • Juntar o azeite e a água à batata-doce e transformar em puré.
  • Juntar os restantes ingredientes e amassar muito bem.
  • Deixar levedar 40 minutos (tapar a taça com um pano).
  • Moldar pequenos pães com o formato do tradicional bolo do caco.
  • Forno: levar ao forno, preaquecido a 180 graus, durante 40 minutos.
  • Frigideira (melhor chapa tipo grelhador): aquecer a chapa, colocar o bolinho 4/5 minutos, virar e deixar mais 4/5 minutos.

4. bolo do caco sem glúten (com outras farinhas)

Bolo do caco com outras farinhas
Cozinha:
Tipo:almoço ou jantar
Tempo de preparação:01h30

Ingredientes

  • 200 g de batata-doce assada
  • 500 g de farinha de arroz
  • 40 g de fécula de batata
  • 8 g de psyllium
  • 200 + 350 ml de água morna
  • 1 saqueta fermento padeiro seco tipo fermipan
  • 1 colher de chá de sal
  • 100 g de tomate seco (opcional)
  • 2 colheres de sopa de orégãos (opcional)

Modo de preparação

  • Numa taça misturar 200 ml de água morna e o fermento até se desfazer.
  • Juntar o psyllium e misturar bem com o garfo.
  • Deixar repousar 15 minutos.
  • Colocar a polpa da batata-doce no robot de cozinha e triturar até formar um puré.
  • Adicionar a mistura de fermento e psyllium ao puré e misturar novamente.
  • Retirar para uma taça e ir adicionando farinha de arroz, fécula de batata e água morna aos poucos, amassando com as mãos. Pode ajustar a quantidade de água ou de farinha de arroz se considerar que não está na consistência correta.
  • Tapar e deixar a levedar cerca de 50 minutos.
  • Entretanto, se quiser utilizar, picar tomate seco grosseiramente e reservar.
  • Com as mãos enfarinhadas com arroz, misturar na massa depois de levedada o tomate seco e os orégãos e formar bolas de massa que colocará sobre um pano enfarinhado.
  • Depois de formadas as bolas, deixar levedar mais 10 minutos.
  • Entretanto, aquecer o grelhador de chapa e coloque uma folha de papel vegetal sobre a chapa.
  • Cozinhar as bolas do caco de ambos os lados (cerca de 7/8 minutos de cada lado).

5. bolo do caco com farinha de aveia

Bolo do caco com farinha de aveia
Cozinha:
Tipo:almoço ou jantar
Tempo de preparação:02h00

Ingredientes

  • 100 g de batata-doce
  • 200 ml de água
  • 10 g de fermento de padeiro seco
  • 1/2 dente de alho (pode omitir se não for fã de alho)
  • 200 g de farinha de aveia (certificada sem glúten para a versão sem glúten)
  • 100 g de farinha de trigo sarraceno
  • 50 g de polvilho doce ou azedo
  • 2 colheres mal cheias de chá de sal

Modo de preparação

  • Num tacho pequeno, cozer a batata-doce em água com sal.
  • Transferir a batata-doce cozida para o copo de um processador/liquidificador ou de uma varinha mágica. Adicionar os 200 ml de água, o fermento de padeiro seco e o dente de alho. Triturar tudo.
  • Num recipiente grande, colocar os restantes ingredientes (farinha de aveia, farinha de trigo sarraceno, polvilho e sal). Adicionar a esta mistura a anterior e misturar bem.
  • Transferir a massa para uma bancada enfarinhada e amassar com as mãos durante cerca de 5 minutos (pode adicionar mais água ou mais farinha, se a massa estiver demasiado seca ou demasiado húmida).
  • Formar uma bola com a massa e colocá-la num recipiente limpo. Cobrir com um pano e deixar a levedar num sítio quente durante cerca de 1 hora.
  • Depois de a massa levedar, cortá-la em 8 porções. Fazer uma bolinha com cada porção e amassá-las de forma a que estas fiquem achatadas.
  • Aquecer uma frigideira a lume baixo. Dispor sobre ela os bolinhos. Quando estes estiverem cozinhados e dourarem de um lado (cerca de 5 minutos), virar e deixar cozinhar do outro.

Fontes

As receitas presentes neste artigo foram adaptadas das páginas O Ilha da Madeira, 24 Kitchen, Mamã Paleo, Healthy Bites e Creme de Avelãs, respetivamente.

Veja também