Como estimular um bebé de 1 ano? Saiba tudo!

O seu bebé começa a dar os primeiros passos e quer ajudá-lo a ser bem-sucedido? A ajuda dos pais é fundamental! Saiba como estimular um bebé de 1 ano.

 
Como estimular um bebé de 1 ano? Saiba tudo!
São muitas as brincadeiras que pode fazer com o seu bebé de 1 ano!

Os primeiros meses de vida do seu bebé foram vividos com muita emoção, cheios de desafios e de novas descobertas. O 1º ano de vida continua a ser uma importante fase do desenvolvimento, pelo que importa estar a par de como estimular um bebé de 1 ano.

Com 1 ano de idade o bebé já está mais autónomo, curioso e já desenvolveu características de personalidade próprias. Já não é o recém-nascido que conheceu há 12 meses e os desafios nesta fase são já bem diferentes.

Vamos conhecer as principais conquistas dos 12 meses de idade e descobrir como estimular um bebé de 1 ano.

O seu bebé já tem 1 ano!


como estimular um bebe de 1 ano bebe a bater palmas

O seu bebé está crescido e cada vez mais curioso. Gradualmente irá tornar-se um verdadeiro caminhante. Nesta fase, é importante que os pais preparem a casa para as descobertas e explorações da criança, dado que esta será perseverante e não irá desistir às primeiras quedas. É a partir desta fase que o bebé começa a comer alimentos diversos, ou seja, a sua dieta começa a aproximar-se da dieta seguida pelo resto da família. O sono deverá tornar-se mais regular e possivelmente dorme entre 11 a 15 horas por dias.

As primeiras palavras possivelmente já terão surgido. Aos 12 meses é provável que o seu bebé já diga “mamã” e “papá” e que invente algumas variações de palavras para expressar as suas necessidades mais básicas, como ter fome ou sentir sono. A partir dos 12 meses de idade os pais devem ter especial atenção àquilo que dizem, já que o bebé tende a tentar imitar aquilo que ouve.

A vontade de comunicar com os adultos é cada vez maior, embora possa ainda manifestar estranheza face a desconhecidos. As primeiras birras e a resistência aos primeiros “nãos” começam a surgir e as conquistas nesta fase são já imensas:

  • Faz jogos de imitação;
  • Obedece a ordens simples;
  • Diz adeus e bate palmas;
  • Gosta de mexer e alcançar tudo o que vê;
  • Começa a ajudar a vestir-se;
  • Começa a andar, com apoio de um adulto;
  • Mantém-se de pé.
  • Começa a dominar o uso da colher;
  • Aponta para os objetos que deseja.

 

Como estimular um bebé de 1 ano?


como estimular um bebe de 1 ano bebe a ver livro

A melhor estimulação para o bebé é o convívio e as brincadeiras com os pais. Se é pai/mãe e se questiona acerca de como estimular um bebé de 1 ano, ponha estas atividades em prática:

1. Converse muito com o bebé. Quanto mais a criança for incentivada a falar, mais rapidamente desenvolverá a linguagem oral;

2. Evite falar de forma demasiado infantilizada;

3. Leia imenso para o seu bebé;

4. Estimule o bebé a responder a questões simples, mesmo que para tal recorra aos gestos;

5. Estimule um ambiente propício à brincadeira. Brincar é a melhor forma de estimulação e é tão melhor se for acompanhada pelos pais. Recorra a jogos de encaixe e a pequenos puzzles;

6. Incentive a criança a começar a andar sozinha, ao mesmo tempo que garante que se sente segura para o fazer. Estenda os braços e estimule-a a ir ao seu encontro.

Em suma…


Como vimos, a melhor estimulação para o bebé é o convívio e as brincadeiras com os pais, dado que a relação que o bebé e os pais desenvolvem nos primeiros meses e nos primeiros anos de vida vai condicionar a vida e as escolhas futuras e servirá de base para todas as interações sociais futuras.

Com um ano, o seu bebé já alcançou imensas metas e já não é o recém-nascido que dependia de si para tudo. No entanto, o 1º ano de vida impõe outros desafios. O seu bebé começa a andar, a sua dieta diversifica-se e a necessidade de estimulação e interação social cresce a cada dia que passa.

Se há pequenas dúvidas que o assolam e se não sabe qual a melhor forma de contribuir para o desenvolvimento bem-sucedido do seu bebé, a consulta de pediatria do 1º ano é a altura ideal para obter todos os esclarecimentos de que necessita. Não receie expressar todas as suas preocupações ao pediatra que acompanha o seu bebé.

Por fim, não se esqueça que todos os bebés são diferentes entre si, que se desenvolvem de acordo com o seu ritmo próprio, de acordo com os estímulos que lhe vão sendo oferecidos e que os marcos de desenvolvimento e as atividades propostas para cada idade servem apenas como guia.

Veja também:

Psicóloga Ana Graça Psicóloga Ana Graça

Mestre em Psicologia, pela Universidade do Minho, com a dissertação “A experiência de cuidar, estratégias de coping e autorrelato de saúde”. Especialização (Pós-Graduada) em Neuropsicologia Clínica, Intervenção Neuropsicológica e Neuropsicologia Geriátrica. Membro efetivo da Ordem dos Psicólogos Portugueses, com especialidade em Psicologia Clínica e da Saúde e Neuropsicologia. Para além da Psicologia é apaixonada por viagens, leitura, boa música, caminhadas ao ar livre e tudo o que proporcione felicidade!

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].