11 coisas simples que deve fazer para que o seu gato seja muito feliz

Somos mais completos com animais na nossa vida, por isso, que tal retribuir o bem que nos fazem? Temos 12 coisas para fazer um gato feliz. Cuide dele.

Powered by: Vetecare
11 coisas simples que deve fazer para que o seu gato seja muito feliz
Depois destas dicas não lhe vão faltar “ronrons”.

Tal como os humanos, os gatos também podem padecer de algumas emoções negativas, como o tédio, a depressão e a solidão. Por isso, e em jeito de agradecimento pelo bem que lhe faz, partilhamos 12 coisas para fazer um gato feliz, animado e motivado.

Não é assim tão difícil de conseguir, mesmo pensando que os gatos são animais mais independentes e que têm necessidades mais básicas, quando comparando com um cão, como comida, água, caixa de área e alguma atenção. São motivos mais que suficientes para ronronarem de felicidade e darem aquelas turrinhas nas nossas pernas, manifestando o seu carinho e apreço.

Fazer um gato feliz: 11 bons exemplos


1. Dê-lhe atenção

fazer um gato feliz

Algumas pessoas presumem que os gatos são autossuficientes e que estão bem sozinhos. Mas não é verdade. Podem, efetivamente, ser mais independentes do que um cão, por exemplo, mas isso não significa que não gostem nem precisem de passar tempo com os donos e de serem acarinhados por eles, diariamente.

2. Torne a sua casa num ambiente agradável

Existe um termo em inglês denominado “catification”, que significa exatamente tornar a casa mais amigável para os gatos e que implica criar locais para eles brincarem, esclarecem, brincarem, arranharem, esticarem-se. Seja com os potes ou com os famosos ginásios de gatos é importante que nada disto falte, caso contrário, o gato poderá começar a destruir os objetos lá de casa, nomeadamente os sofás.

3. Arranje muitos brinquedos

gato a brincar

Se o seu gato não tem nada para fazer durante todo o dia, é provável que se canse da situação e se torne num animal triste e aborrecido.

Como felinos que são, os gatos, adoram aventura, bem como de exercitar os seus instintos de caça. E isso consegue-se através da disponibilização de diferentes tipos de brinquedos que explorem estas vertentes, sejam pequenas bolas, ratos ou varinhas com penas na ponta.

4. Se possível, deixe-o sair de casa

Manter o seu gato estritamente dentro de casa ou deixá-lo sair é uma questão que depende muito do local onde mora. Se vive num apartamento, pode ser mais complicado, mas se vive numa casa, então pode fazer a experiência.

5. Dê-lhe acesso à janela

gato a janela

Os gatos adoram observar o mundo que os rodeia, por isso, dê acesso à janela, de modo a que ele possa lá ficar confortável e até apanhar uns deliciosos banhos de sol, como tanto gostam.

6. Mantenha a caixa de areia sempre no mesmo local

A localização da caixa de areia é preponderante para a criação de bons hábitos de higiene e deverá ficar sempre na mesma zona, tendo em conta algumas indicações:

  • Mantenha a caixa de areia numa área privada, sem muito barulho;
  • Não coloque a caixa de areia junto das tigelas de água e comida.

7. Vigie a saúde do gato

seguro vetecare

Mesmo que uma viagem ao veterinário não seja algo que os gatos apreciem e anseiem, sendo, como tal, natural, que muitos deles paralisem de medo quando chegam ao consultório, é algo que não pode dispensar. Por isso, opte por manter o seu animal saudável quer recorrendo aos check-ups anuais e respeitando os períodos de vacinação e desparasitação, quer levando-o ao veterinário quando algo não parece bem.

Tudo isto fica mais fácil de gerir, ao mesmo tempo que pode poupar dinheiro, se optar por um seguro de saúde animal. Nesse âmbito, atualmente já encontrará várias opções no mercado, que deverá analisar atentamente para perceber se é ou não adequado para as suas necessidades e para as do seu animal.

Para facilitar a escolha, temos um excelente exemplo para lhe apresentar: o Plano de Saúde para Animais de Companhia da Vetecare – simples e económico, que lhe dá acesso a todos os cuidados de que o seu animal necessita. Com este plano, o seu gato terá acesso a condições preferenciais nos melhores produtos e serviços através dos parceiros da rede, que é composta por consultórios, clínicas e hospitais veterinários, lojas especializadas para animais, centros de treino e reabilitação, hotéis, creches, entre outros.

Afinal, gato saudável é um gato feliz!

8. Mantenha a caixa limpa

É difícil de fazê-lo quando passa o dia fora de casa, pelo que deve ser das primeiras coisas a fazer quando chega do trabalho ao final do dia e uma das últimas antes de sair de casa, de manhã.

Perceberá como os gatos são fanáticos por uma caixa limpa, pelo que é preponderante que respeite esta necessidade.

9. Dê-lhe privacidade

gato a dormir

A não ser que tenha um gato super meloso e com uma necessidade anormal de atenção, opte por respeitar os momentos em que o seu gato deseja ficar sozinho, seja na sua cama, num qualquer canto da casa, debaixo de uma manta…

10. Alimente-os corretamente

gato a comer

E isso implica dar ao seu animal a quantidade certa e fornecer água fresca em todos os momentos.

Os gatos gostam de comer e não olham a meios para pedinchar por mais, mesmo fazendo aqueles olhinhos sofredores de quem parece não comer há dias. Não se deixe influenciar por esse teatro e respeite as gramas diárias de comida e nunca tenha sempre a malga cheia. Ao contrário da água: aí sim, deve ter sempre a malga com água limpa e fresca.

Em caso de dúvidas, nada melhor do que consultar um especialista em nutrição animal. Calma, não é uma tarefa assim tão complicada! Com o plano de saúde animal Vetecare basta consultar a lista de profissionais parceiros, marcar a consulta e tirar as suas dúvidas.

11. Tenha mais que um gato

Apesar de alguns gatos preferirem ser “filhos únicos”, a maioria prefere ter um companheiro com quem partilhar as aventuras e desventuras da vida. Por isso, por que não ter dois gatinhos de quem cuidar e que vão seguramente tornar a sua vida mais feliz e completa?

Veja também: