British Short Hair: tudo o que precisa de saber sobre esta raça

Com a aparência de um roliço urso de peluche, o British Short Hair é uma das raças mais antigas e populares do seu país de origem, assumindo-se como a versão com Pedigree do tradicional gato doméstico inglês. Silencioso, reservado e independente, é pouco exigente em termos de atenção, mas gosta de estar sempre por perto.

British Short Hair: tudo o que precisa de saber sobre esta raça
Este gato não é um grande apreciador de colo.

A cor clássica e mais popular do British Short Hair ou Inglês de Pelo Curto é o azul-acinzentado, o que faz com que seja frequentemente confundido com o Chartreux, de pernas esguias e menos redondo. Aliás, durante muito tempo este gato era chamado de Azul Inglês, pois apresentava-se sobretudo nessa tonalidade, embora hoje seja criado em todas as cores e padrões.

Apesar de não ser oficialmente reconhecida no Reino Unido, existe uma variedade de pelo comprido da raça, menos popular e que se originou a partir do cruzamento com Persas.

Características gerais do British Short Hair


Grupo: Gatos de pelo curto

País de Origem: Reino Unido

Porte: médio/grande

Peso ideal: de 4kg a 8kg

Cor: A preferida é o azul-acinzentado, mas existe hoje numa vasta gama de cores, incluindo o branco, tartaruga, preto e tabby.

Esperança Média de Vida: de 12 a 20 anos

Preço médio: de 670€ a 1700€

 

Características específicas do British Short Hair


Não é costume ver este gato a subir pelas cortinas ou em móveis altos; ele prefere ficar no chão e não tem, entre as suas especialidades, a velocidade ou a agilidade. No entanto, nada o impede que saia disparado se algo estimular o seu instinto de caça. Enquanto gatinhos, são mais ativos e brincalhões, mas tendem a acalmar-se quando se tornam adultos.

Trata-se de uma raça independente, que gosta de ter o seu espaço respeitado, bem como silenciosa, miando baixo e apenas ocasionalmente, mas as fêmeas costumam ser mais distantes e sérias do que os machos. Também podem ser tímidos com estranhos ou num ambiente novo e avessos às brincadeiras mais invasivas das crianças. Apesar disso, é um gato que não se coíbe de se enroscar no sofá com os donos.

Energia
Inteligência
Tolerância ao frio
Tolerância ao calor
Cuidados de higiene
Queda de pelo
Tendência para problemas de saúde
Facilidade de aprendizagem
Socialização com crianças
Socialização com estranhos
Socialização com cães
Socialização com gatos

Fases da vida do British Short Hair


Bebé

0 – 24 meses

Adulto

24 meses – 12 anos

Idoso

12 – 20 anos

 

Físico do British Short Hair


British Short Hair

A impressão geral que este gato dá, é que todo ele são curvas: compacto, bem constituído e musculado, possui peito, ombros e ancas largos, bem como as extremidades arredondadas. É o caso da cabeça, que se apresenta maciça e de bochechas cheias, com nariz curto e orelhas pequenas. Por causa do formato da sua boca, parece que está sempre a sorrir.

Tal como a cauda, as patas são curtas, acabando em pés também redondos. Os olhos são grandes e podem ter várias cores de acordo com a pelagem, mas nos gatos azuis são geralmente dourados ou cobre. O manto é curto e denso, de textura firme e aveludada, com uma camada de subpelo abundante.

Temperamento do British Short Hair


É um gato gentil, carinhoso e sociável, demonstrando muita afeição pelos donos, mas não é adepto de contacto físico em excesso e evita ser pegado e abraçado. Normalmente, fica bem sozinho em casa e é ele que se aproxima quando quer ser acariciado.

Reservado, sereno e pouco emotivo, dificilmente se aborrece ou perde a paciência e adapta-se bem a diferentes ambientes, podendo viver tanto no campo como na cidade. Gosta de brincar e tolera bem a presença de crianças e outros animais, mas não é muito ativo e chega a ser um pouco preguiçoso.

Problemas de Saúde do British Short Hair


Ossos

  • Displasia coxo-femoral.

Coração

  • Cardiomiopatia hipertrófica.

Rins

  • Síndrome renal policística.

Outros

  • Obesidade.

 

Cuidados a ter com o British Short Hair


Alimentação

  • Além de ter um nível baixo de atividade, este gato costuma comer muito, pelo que as porções de comida devem ser bem doseadas e o seu peso controlado.

Pelo

  • Uma escovagem semanal é suficiente para retirar nós, aumentar o brilho da pelagem e ativar a circulação do gato.

 

Origem do British Short Hair


É uma das raças inglesas mais antigas. Acredita-se que os seus antepassados tenham chegado a Inglaterra há 2 mil anos, trazidos pelas tropas do exército romano para combater os ratos que se espalhavam pelo país.

Até ao século XVIII foi-se desenvolvendo naturalmente nas ruas das cidades e só nos anos de 1800 este gato comum chamou a atenção de Harrison Weir, o criador que mais contribuiu para o reconhecimento do British Short Hair. Ele selecionava e aprimorava os melhores exemplares da raça, que foi exposta no Crystal Palace de Londres em 1871.

Entre 1914 e 1918, foram feitos cruzamentos com o Persa para introduzir o gene do pelo comprido. Tal como muitas outras raças felinas e caninas, as duas Grandes Guerras Mundiais levaram ao seu declínio, mas, graças ao esforço de alguns criadores, as características deste gato foram preservadas.

Curiosidades sobre o British Short Hair


Com a sua cara cheia e redonda e os seus olhos brilhantes, o British Short Hair serviu de inspiração ao famoso Cheshire Cat, da obra de Lewis Caroll, Alice no País das Maravilhas. Também surgiu no filme de terror Cemitério Vivo, baseado no livro de Stephen King, como um gato maléfico.

Em 2011, um British Short Hair de 12 anos chamado Smokey entrou para o Livro dos Recordes do Guinness com o ronronar mais alto do mundo, atingindo 67,7 decibéis, tão barulhento quanto um cortador de relva.


Conheça mais raças de gatos:

Todas as raças de gatos

Todas as
raças de gatos

Raças de gatos sem pelo

Raças de gatos
sem pelo

Raças de gatos de pelo curto

Raças de gatos
de pelo curto

Raças de gatos de pelo longo

Raças de gatos
de pelo longo