Costuma bocejar durante o treino? Saiba porquê!

Costuma bocejar durante o treino e não sabe o porquê? Há várias explicações, desde cansaço e temperatura corporal, a tipo de exercícios realizados.

Costuma bocejar durante o treino? Saiba porquê!
Há varias explicações para o seu bocejo durante o treino

Está a treinar e boceja por diversas vezes, não sabendo o porquê ou apenas o associando a cansaço ou aborrecimento? Há diversas causas para que tal aconteça, sendo o objetivo do seguinte artigo enumerar as possíveis razões que o estão a fazer bocejar durante o treino.

O bocejo é uma forma de o cérebro diminuir a temperatura corporal. Permite não só aumentar a quantidade de sangue que viaja para o cérebro, como também permite baixar a temperatura desse sangue. Pode ser então encarado como um ar condicionado natural que possuímos, em resposta a um aumento da temperatura durante o exercício.

Não perca as razões para os seus insistentes bocejos durante o treino!

5 Causas para bocejar durante o treino


1. Fadiga

bocejar durante o treino e fadiga

Um dos fatores que poderá estar a causar o bocejar durante o treino, poderá ser a razão mais óbvia e frequentemente atribuída: fadiga. Mudanças de rotina, excesso de trabalho, jet lag, entre outros fatores, poderão ser causas para os bocejos frequentes.

Tente agendar o seu treino para as mesmas horas durante os dias para criar o hábito e fazer com que o corpo se adapte a uma rotina de exercício. Assegure que dorme o suficiente, que regra geral será no mínimo 7 horas por noite.

2. Aborrecimento

rapariga sem vontade de treinar

Outra possível causa e a que mais poderá ocorrer à maioria das pessoas é o aborrecimento com o treino. Quer isto dizer que o treino pode estar já rotineiro e pouco desafiante física e psicologicamente, fazendo com que fique entediado.

Mude de treino com a devida frequência para ter novos estímulos e não entrar em fases de estagnação que irão conduzir inevitavelmente a desmotivação.

Considere experimentar outra atividade, mudar de protocolo de treino, no fundo algo que o faça desabituar da rotina que tem tido.

3. Temperatura

mulher a transpirar bastante

O bocejo ajuda a baixar a temperatura do cérebro e a aumentar a captação de oxigénio.

A temperatura do cérebro aumenta quando o corpo está sujeito a stress do exercício ou a falta de sono. A reação do corpo é primordialmente sob a forma de sudação, sendo o bocejo uma maneira que o cérebro tem para ajudar a regular a temperatura.

4. Exercício físico

levantamento de pesos

Este é um fator por vezes desconhecido, mas com consequência direta no bocejar durante o treino. E Porquê? Quando faz exercícios que envolvam massas musculares grandes, como é o caso do agachamento ou peso morto, a probabilidade de bocejar é mais elevada dado que essas massas musculares envolvidas nesses movimentos requerem maior quantidade de oxigénio para fornecer aos músculos que estão a ser trabalhados.

Como são movimentos que rapidamente vão aumentar a temperatura corporal, o reflexo que tem será o bocejo como forma de baixar a temperatura e aumentar o aporte de oxigénio para o cérebro.

Uma eventual medida para deixar de bocejar durante o treino, e reportada por investigadores da Universidade de Guelph no Canadá, é aumentar a intensidade do exercício, uma vez que que o bocejo é causado por substâncias químicas ou neurotransmissores no cérebro, tal como a dopamina, óxido nítrico e serotonina. Ao invés, as endorfinas (neurotransmissores produzidos na hipófise) poderão reduzir o bocejo, e o exercício físico mais intenso aumenta a segregação dessas mesmas endorfinas.

A endorfina é considerada um analgésico natural, reduzindo o stress e a ansiedade, aliviando as tensões e sendo até recomendado no tratamento de depressões leves. Há pessoas que não gostam tanto do exercício, mas da sensação de bem estar de tê-los feito. Assim sendo, a libertação de endorfina que gera a sensação de bem estar, provoca esse estado de satisfação pós-treino que costuma sentir.

5. Problemas de saúde

problemas de saude

Apesar de a maioria das causas para bocejar não serem de preocupação maior, em excesso poderá ser indicação de uma eventual reação vasovagal.

A síncope vasovagal ou reação vasovagal, mais comumente definida como desmaio, causa uma queda na pressão arterial e no batimento cardíaco. Quando tal acontece, há um insuficiente aporte de sangue no cérebro, o que irá causar tonturas e sensação iminente de perda de consciência. Assim que sentir tais sintomas, deverá deitar-se e levantar as pernas acima do nível da cabeça para aliviar os sintomas.

Para prevenir o surgimento de tais episódios adote algumas medidas como por exemplo: evitar excesso de álcool, evitar longos períodos de pé e incorporar algum sal na sua dieta (aconselhe-se junto de um profissional de saúde e nunca se tiver pressão arterial elevada). Para além da síncope vasovagal, causas como diabetes poderão fazer fazê-lo bocejar durante o treino.

Em suma


Foram abordadas algumas das possíveis causas para bocejar durante o treino. Apesar de ser um tema sob investigação e ser alvo de muitos estudos inconclusivos, os 5 fatores previamente abordados são os que mostram ser mais comuns e plausíveis.

O mais provável é que o seu bocejo se deva ao facto mais inofensivo apresentado nesta lista: tentativa de aporte de oxigénio para o cérebro e diminuição da temperatura corporal para evitar que falte oxigénio ao cérebro e impedir o grande aumento da temperatura do corpo, respetivamente.

Veja também:

Prof. Francisco Torres Prof. Francisco Torres

Francisco Torres é Personal Trainer, e trabalha actualmente no ginásio Fitness Hut de Linda-a-Velha. Licenciado em Ciências do Desporto pela Faculdade de Motricidade Humana e Mestre em Gestão do Desporto pela mesma Universidade, possui diversas especializações nomeadamente em Populações especiais e Exercício físico na gravidez e pós-parto, bem como uma Pós-Graduação em Nutrição Desportiva.