Treino funcional: perceba o que é e as suas vantagens

Treino funcional: perceba o que é e as suas vantagens

Veja como pode trabalhar o corpo de maneira completa.

O treino funcional é muito apreciado pela sua eficácia. Saiba o que é, quais os benefícios e conheça os melhores exercícios. 

E se lhe disséssemos que os movimentos mais básicos da sua rotina diária podem servir de base para um treino físico muito completo?
 

Treino Funcional, o que é?


O treino funcional é um método de treino que visa melhorar a condição física dos praticantes, através da reprodução de movimentos do quotidiano.  

Este treino integra movimentos como sentar ou levantar, saltar ou correr, subir ou descer (escadas, por exemplo), empurrar algo ou simplesmente andar.

Os exercícios conjugam uma série de padrões de movimento, de forma a trabalhar vários grupos musculares em simultâneo. Através deste tipo de treino não só adota um estilo de vida mais saudável, como ainda melhora a sua condição física e a sua qualidade de vida. 
 

Benefícios do Treino Funcional


Pronto para malhar pesado?
Obtenha um plano de exercícios para atingir os seus objectivos! Saiba tudo aqui !
O treino funcional pode ser realizado por pessoas de todas as idades. E os benefícios são muitos:
  1. Desenvolvimento equilibrado de força
  2. Melhoria da flexibilidade e coordenação
  3. Aumento de resistência física
  4. Melhoria da postura corporal
  5. Poder ser usado durante a reabilitação de lesões
  6. Pode atuar na prevenção de lesões
 

Como fazer um treino funcional?


Pode fazer este tipo de treino em casa ou no ginásio. A segunda claramente tem algumas vantagens, já que lhe permite ter acesso a aconselhamento profissional e uma adequação do seu plano de treino à sua condição e tendo em consideração os seus objetivos. 
 
Os exercícios do treino funcional – que envolvem movimentos mais ou menos simples – são realizados usando o peso corporal do praticante ou alguns equipamentos (disponíveis no mercado - como halteres, cordas, steps, bolas de ginástica ou elásticos, por exemplo) com o intuito de trabalhar as diferentes capacidades físicas. 
 
Interessado? Então conheça alguns dos melhores exercícios do treino funcional.   
 

Treino funcional: os 5 melhores exercícios



1. Saltar à corda 

Pode parecer brincadeira de criança, mas é na realidade um dos exercícios mais completos, já que trabalha em simultâneo vários grupos musculares (pernas, glúteos, ombros e abdominais, por exemplo). 
 
Vai necessitar de uma corda (claro). Só precisa de alinhar os pés e saltar à corda. Tenha cuidado para rodar a corda utilizando os punhos e não os braços. 
 

2. Agachamento (ou squat) 

Outro exemplo de um movimento que faz todos os dias. Coloque os pés à largura dos ombros, flita os joelhos (pelo menos até atingir um ângulo de 90 graus ou quando as suas coxas ficarem paralelas ao chão) – tal como se estivesse a sentar-se – e de seguida retome a posição inicial. Durante o movimento mantenha as costas direitas. Pode realizar várias séries deste exercício. 
 

3. Prancha

Deite-se no chão (a cara voltada para o chão), apoie-se nos cotovelos e nos dedos dos pés e eleve a anca (simulando uma prancha – tal como o nome indica). Mantenha-se nessa posição durante alguns segundos. 
 

4. Levantamento terra (ou Deadlift)

Para a realização deste exercício pode utilizar halteres ou uma barra. Coloque o equipamento no chão, à sua frente. Afaste as pernas e flita os joelhos, pegue nos acessórios e alinhe os ombros. Depois só precisa de levantar o equipamento, tendo o cuidado de manter as costas direitas. Pode repetir o exercício várias vezes. 
 

5. Flexões de braços 

Este exercício é bem conhecido de todos, mas ainda assim aqui ficam algumas indicações. Coloque as mãos no chão, os braços afastados à largura dos ombros e apoie-se nos dedos dos pés. Depois é só fletir os braços até ficar perto do chão e retomar a posição inicial. O movimento deve ser repetida várias vezes. Neste exercício, pode ou não usar a bola de ginástica. 
 
Receba aqui um plano com exercícios para malhar e ficar em forma !


Veja também: