Óleo de coco vs azeite: qual escolher?

Óleo de coco vs azeite: qual escolher?

Qual deles o melhor?! Saiba a resposta.

Os benefícios do azeite são bem conhecidos, mas o óleo de coco tem vindo a conquistar adeptos na cozinha. 
 

Óleo de coco ou azeite?! Eis a questão!

Os dois são obtidos a partir da prensagem de azeitonas e cocos e ambos são boas opções para usar na cozinha e ambos têm benefícios para a saúde. Isto para não falar que em termos calóricos e de quantidade de gorduras estão muito próximos. E por isso se coloca a questão: qual deles o melhor ou qual deles escolher? 

Bem, depende do que estiver a cozinhar e quais os benefícios que procurar. Ora vejamos. 
 

O azeite


Toma nota:
O IMC é uma forma simples e eficaz de perceber se o seu peso é o ideal. Faça o teste agora.
Os benefícios do azeite são bem conhecidos, ou não fosse este um dos óleos mais usados na dieta mediterrânica

Cerca de um quarto da gordura no azeite é gordura monoinsaturada, a chamada gordura amiga do coração, já que são responsáveis por ajudar a reduzir os níveis de colesterol LDL (o mau colesterol). Além disso, o azeite é rico em ácido oleico, vitamina E, fitosteróis, carotenoides e compostos fenólicos, o azeite em inúmeros benefícios para a saúde.

Além de ajudar a reduzir o risco de sofrer de doenças cardiovasculares e de ajudar a controlar os níveis de colesterol (ajuda a reduzir o mau colesterol – LDL – e aumenta o bom colesterol – HDL), o azeite também ajuda a diminuir os níveis de triglicéridos, ajuda a controlar a pressão arterial, estimula a metabolização da glicose e tem efeitos anti-inflamatórios e anti-trombóticos. 

 

O óleo de coco 


O óleo de coco tem vindo a conquistar (cada vez mais) adeptos. É que além de poder ter várias utilizações na cozinha (desde sumos a bolos ou saladas), também tem vários benefícios para a saúde. Extraído do coco, este óleo é um alimento funcional, que pode ser refinado (feito com coco seco) ou extravirgem (produzido a partir do fruto fresco). 

Os benefícios deste óleo não são consensuais entre os especialistas da comunidade médica, em muito graças ao elevado teor de gorduras saturadas (consideradas "gorduras más”), pelo que deve ser usado com moderação. 

Apesar de ter uma elevada quantidade de gorduras saturadas, estas são absorvidas pelo corpo, principalmente pelo fígado e convertidas em energia, evitando que se acumulem no organismo sob a forma de gordura. 

Mais. O principal tipo de gordura saturada no óleo de coco é o ácido láurico, que tem propriedades antimicrobianas e anti-inflamatórias e que são benéficas para a saúde.

 

Qual deles usar? 


Pode usar os dois. Mas deve, no entanto, ter atenção ao que vai cozinhar antes de escolher. Isto porque, dependendo do ponto de ebulição de cada um destes óleos, pode ser preferível usar um ou outro. 

Ou seja, pode usar azeite ou óleo de coco para cozinhar legumes ou carne em temperaturas baixas. Para usar como tempero (de saladas, por exemplo) deve optar por azeite extra virgem de boa qualidade. O óleo de coco é uma boa opção para usar em assados ou como substituto das gorduras habituais (como óleo vegetal ou margarina). 

A verdade é que ambos os óleos têm vários benefícios para a saúde, mas o óleo de coco tem um ponto de ebulição mais elevado, pelo que constituiu uma melhor opção para cozinhar a temperaturas mais altas, enquanto o azeite (por ter um ponto de ebulição mais baixo) pode ser usado para temperar saladas ou cozinhar a temperaturas mais baixas. 

 
Calcule aqui o seu IMC



Veja também: