Doença celíaca: o que precisa saber

Doença celíaca: o que precisa saber

Uma vez celíaco, sempre celíaco!

A doença celíaca afeta entre 1% a 3% da população portuguesa. Saiba como reconhecer os sintomas para evitar complicações graves.

A doença celíaca é uma doença crónica auto-imune relacionada com a permanente sensibilidade ao glúten.

Mesmo com a ingestão de pequenas quantidades de glúten, o organismo tem uma reação de agressão ao próprio intestino delgado, que resulta em lesões na mucosa e, consequentemente, é mais difícil absorver os nutrientes, como o ácido fólico, cálcio, ferro ou vitaminas lipossolúveis.

Se o glúten for eliminado da dieta, o intestino consegue regenerar-se e recuperar, porém, a doença não tem cura, assim, se continuar a incluir o glúten na alimentação, ainda que em pequenas quantidades, as agressões regressam.

Há várias formas de classificar a doença, de acordo com os sintomas, anticorpos específicos, estudo genético e as caraterísticas das biópsias, a doença celíaca pode ser: clássica, atípica, silenciosa, latente ou potencial.

Quais são as causas da doença celíaca?


Proteja a sua saúde!
Receba conteúdos exclusivos e habilite-se a um check-up completo. Registe-se já!
As causas ainda estão por determinar com certeza, porém, a doença celíaca pode ser influenciada por fatores ambientais, como a introdução prematura de glúten na alimentação quando são bebés, imunológicos ou genéticos. 

A doença pode surgir em qualquer altura,  a partir do momento em que o glúten é introduzido na alimentação, logo nos primeiros meses de idade, porém, têm sido diagnosticados doentes em idades mais avançadas. Atualmente, cerca de 25% dos casos são diagnosticados em indivíduos com mais de 60 anos.

 

Grupos de risco a rastrear

 
  • Diretos - 1º grau de parentesco
  • Diabetes Mellitus tipo 1
  • Dermatite Herpetiforme
  • Tiroidite Autoimune
 

Quais os sintomas da doença celíaca?


Os sintomas da doença celíaca variam de acordo com a idade, porém, a intensidade e frequência também pode variar dentro de cada faixa etária. Se a doença não for diagnosticada, pode resultar em casos muito graves de subnutrição.



Sintomas da doença celíaca nas crianças

 
  • Diarreia crónica
  • Prisão de ventre
  • Distensão abdominal
  • Vómitos
  • Atraso no crescimento
  • Falta de apetite
  • Perda de peso
  • Alterações de humor



Sintomas da doença celíaca nos adultos

 
  • Anemia 
  • Aftas recorrentes
  • Dores ósseas 
  • Cãibras
  • Alterações dermatológicas 
  • Cansaço crónico
  • Fertilidade diminuída
  • Abortos espontâneos
  • Alterações de humor
 


Como diagnosticar a doença celíaca?


Além de constatar os sintomas acima, é necessário fazer uma série de exames para determinar se, de facto, é doente celíaco, nomeadamente, testes serológicos, ou seja, análises ao sangue para pesquisar a existência de anticorpos característicos da doença, e uma biópsia intestinal para confirmar o diagnóstico.

Assim que a doença for diagnosticada, vai ter que cumprir o tratamento durante toda a vida, ou seja, uma dieta rigorosa.



Qual é o tratamento da doença celíaca?


O único tratamento passa por mudar a alimentação para uma dieta isenta de glúten (DIG), que deve ser seguida de forma rigorosa. Os alimentos que contêm glúten têm que ser substituídos por outros sem trigo, centeio, cevada, aveia ou derivados.

Excluir o glúten da sua alimentação não chega! É preciso manter uma alimentação saudável e equilibrada, rica em vitaminas, nutrientes e gorduras boas.
 
 

Veja também: