Cortisol: qual é o papel desta hormona?

O cortisol é uma hormona esteroide que regula uma ampla gama de processos, incluindo o metabolismo e a resposta imune. Também tem um papel muito importante na resposta a situações de stress.

Cortisol: qual é o papel desta hormona?
O cortisol (hidrocortisona) é conhecido como a hormona do stress, mas possui inúmeras outras funções.

Quase todas as células contêm recetores de cortisol, esta hormona pode ter muitas ações diferentes dependendo do tipo de células em que está a atuar.

O cortisol é, assim, essencial nos mecanismos de resposta ao stress. No entanto, desempenha também um importante papel na regulação da pressão arterial, sistema imune e do metabolismo de proteínas, hidratos de carbono e gorduras.

Nas mulheres, esta hormona também apoia o desenvolvimento do feto durante a gravidez. Todas estas funções fazem desta hormona uma hormona crucial para proteger a saúde em geral e o bem-estar.

PROBLEMAS ASSOCIADOS A ALTOS NÍVEIS DE CORTISOL


cortisol e ansiedade

Tumores nas glândulas pituitárias ou adrenais podem contribuir para uma condição conhecida como síndrome de Cushing, caracterizada por altos níveis de cortisol no sangue.

Plano de Saúde Grátis
Cuide da sua saúde. Obtenha consultas de clínica geral, medicina dentária e especialidade médicas gratuitas.Peça aqui o seu plano grátis.

Os principais sintomas de indivíduos com esta síndrome são o aumento de peso e a redistribuição da gordura no corpo, que se acumula no tronco, no pescoço e também no rosto, por oposição a um afilamento dos braços e das pernas com diminuição da musculatura e consequente fraqueza muscular.

Níveis elevados de cortisol ao longo de um tempo prolongado também podem causar falta de desejo sexual e, nas mulheres, a menstruação pode tornar-se irregular, menos frequente ou parar completamente (amenorreia).

Além disso, tem havido uma longa associação entre a elevação ou deterioração da regulação dos níveis desta hormona e uma série de condições psiquiátricas, como ansiedade e depressão. No entanto, este mecanismo ainda não é claramente compreendido.

PROBLEMAS ASSOCIADOS A BAIXOS NÍVEIS DE CORTISOL


senhora com nauseas e tonturas

Os baixos níveis de cortisol podem causar uma condição conhecida como insuficiência adrenal primária ou doença de Addison. Embora seja raro, a insuficiência adrenal primária é uma doença auto-imune que causa danos nas glândulas supra-renais.

Os sintomas podem começar devagar, mas podem ser bastante sérios. Fraqueza, fadiga e hipotensão ortostática são sinais e sintomas iniciais. A hiperpigmentação caracteriza-se por bronzeamento difuso das áreas expostas do corpo e, em menor grau, das não expostas. Sardas negras são comuns na testa, na face, no pescoço e nos ombros. Geralmente, há anorexia, náuseas, vómitos e diarreia. Diminuição da tolerância ao frio, tonturas e desmaios podem ser observados.

O início gradual e a natureza não específica dos sintomas muitas vezes conduzem ao diagnóstico incorreto de neurose. Perda de peso, desidratação e hipotensão são características dos estágios avançados da doença de Addison.

FATORES QUE AFETAM A CONCENTRAÇÃO DE CORTISOL NO SANGUE


exercicio fisico no dia a dia

Existem fatores do dia-a-dia que podem afetar a concentração de cortisol no sangue, entre eles:

  • Horário: A concentração de cortisol altera-se ao longo do dia, apresentando um pico pelas primeiras horas da manhã. Os níveis vão diminuindo progressivamente ao longo do dia, ficando bastante baixos durante a noite.
  • Exercício físico: As concentrações desta hormona também aumentam durante o exercício, de maneira a aumentar o metabolismo proteico, libertando aminoácidos para serem utilizados pelo fígado no processo da gliconeogénese (via metabólica na qual ocorre a produção de glicose).

 

QUAIS OS VALORES DE REFERÊNCIA DO CORTISOL?


Em indivíduos normais e numa situação sem stress, os níveis de cortisol plasmático têm pico máximo de manhã e valores mínimos por volta da meia-noite (<50nmol/L; <2mg/dL).

Nos doentes com Síndrome de Cushing este ritmo não se verifica, podendo os valores matinais de cortisol sérico encontrar-se dentro do normal, enquanto os valores noturnos estão aumentados (>7,5mg/dL – provável diagnóstico de Cushing).

Cuide da sua saúde. Consiga aqui consultas de clínica geral, medicina dentária e especialidade médica gratuitas!

Veja também:

Ler mais
Cátia Rocha Cátia Rocha

Cátia Rocha é farmacêutica. Como apaixonada pela profissão, acredita na importância da educação para a saúde e num papel interventivo dos profissionais de modo a transmitir conhecimentos que considera importantes e fundamentais para o bem-estar da população. É Mestre em Ciências Farmacêuticas pelo Instituto Superior de Ciências da Saúde do Norte e exerce atualmente o cargo de farmacêutica na Farmácia Agra.