Nutrição funcional, uma dieta feita à medida

Nutrição funcional, uma dieta feita à medida

A alimentação a favor do seu corpo e da sua saúde.

A nutrição funcional é uma abordagem nutricional personalizada e preventiva, tendo como ferramenta mais importante os próprios alimentos e os seus nutrientes. 

A nutrição funcional dá verdadeira importância à função de cada nutriente e às propriedades dos alimentos, enquadrando-os nas necessidades de cada pessoa ou nos seus objetivos específicos.

Considerada por muitos como a nutrição do século XXI, esta assume que os alimentos e os nutrientes são capazes de modular as funções orgânicas, hormonais e mesmo a expressão genética. 

E é por essa razão que a nutrição funcional não se limita à prescrição de dietas de alimentos tidos como saudáveis e à simples contagem e controlo das calorias ingeridas. Muito pelo contrário. É personalizada, preventiva e desempenha um papel fundamental no tratamento de doenças.


Descobrir o problema na sua origem


Já se perguntou porque é que duas pessoas que fazem a mesma alimentação podem ter resultados diferentes? Porque é que um determinado alimento pode fazer bem a um indivíduo mas a outro não?Isto acontece porque todos nós temos perfis genéticos e metabólicos diferentes, ou seja, cada pessoa possui uma forma única de processar os alimentos.

Obtenha um Plano Alimentar Personalizado
Perca peso de forma saudável e não o volte a ganhar! Fale já com a nutricionista online!
Quando já existe algum sintoma ou doença presentes, a nutrição funcional procura conhecer as suas causas para ajudar a ultrapassá-los através dos alimentos e constituintes certos.

Cada nutriente tem não só o intuito de livrar o corpo de doenças como o de alcançar um organismo que funciona no seu máximo potencial e bem-estar, pois, como os especialistas defendem, a cada alimento que ingerimos podemos estar a evitar, favorecer ou agravar muitas das doenças que existem na atualidade.

Já há aproximadamente 2.500 anos Hipócrates dizia: “Deixa o alimento ser teu remédio e o remédio ser teu alimento”.

Para além de otimizar o desenvolvimento e melhorar o rendimento físico e mental, o funcionamento hormonal, imunitário, intestinal, cerebral e os níveis de energia, a nutrição funcional vê o corpo como um todo e em caso de doença procura descobrir quais os sistemas que deixaram de funcionar adequadamente e o que levou ao aparecimento da doença.


Aposte nos alimentos “verdadeiros”



A nutrição funcional ensina-nos como podemos utilizar a alimentação a favor do nosso corpo e da nossa saúde. Apostando nos alimentos que o beneficiam e eliminando os que o prejudicam.

Mas, para que isso possa acontecer, é necessário conhecer o organismo de cada pessoa, o tipo de alimentos que consome, quando e como os ingere. E o nutricionista especializado nesta corrente é a pessoa ideal para ajudá-lo.

Aqui todos os alimentos são permitidos desde que sejam alimentos verdadeiros e não haja qualquer contraindicação individual. Ou seja, os produtos processados, com ingredientes difíceis de pronunciar, devem ser totalmente excluídos da dieta, dando preferência aos alimentos de origem biológica. 

Como estão repletos de aditivos, açúcar e gordura trans, os produtos alimentares industrializados podem sobrecarregar o organismo e prejudicar o seu funcionamento. 


Medidas a adotar


Se quiser adotar este tipo de alimentação, a primeira regra a seguir passa por manter uma adequada hidratação, comer os chamados alimentos verdadeiros e idealmente de origem biológica, abandonando os alimentos alterados pela indústria alimentar. Para além disso, deve ainda:
 
  • Ingerir alimentos fermentados que favorecem o microbioma intestinal;
     
  • Cozinhar com temperaturas moderadas, escolhendo as gorduras mais saudáveis;
     
  • Ter em atenção os materiais usados na confeção dos alimentos para evitar a ingestão de metais pesados ou de compostos capazes de alterar a nossa comunicação hormonal.

Todas as outras indicações devem ser individualizadas, de forma a garantir o aporte adequado dos diferentes nutrientes, pelo que se deseja adotar este regime alimentar não deixe de consultar um nutricionista.

E lembre-se: a nutrição funcional não se destina apenas a quem está doente ou necessita de perder peso, mas também a todos os que se preocupam com a sua saúde. 
 
Obtenha aqui um plano alimentar personalizado !
 

Veja também: