Ginástica para grávidas: os melhores exercícios

A ginástica para grávidas é já uma variável inquestionável para as futuras parturientes. Descubra aqui os 8 melhores exercícios para esta época tão especial.

Ginástica para grávidas: os melhores exercícios
Várias sugestões para treinos de força, cardio e flexibilidade.

Já é um facto incontornável que qualquer futura mamã deve integrar a ginástica para grávidas na sua rotina diária. Entre vários outros benefícios, esta opção não só assegura maiores níveis de energia e boa disposição, melhores noites de sono e menos dores de costas, como ainda garante uma preparação física mais adequada para o parto e uma recuperação mais rápida após o mesmo. 

Assim, e sem cair em exageros, o ideal é que se motive e predisponha a praticar exercício físico durante os três trimestres da sua gravidez. Para que possa selecionar aqueles que mais se adequam a si e à sua condição física, de seguida apresentamos uma lista com a ginástica para grávidas recomendada pelos especialistas.
 

Exercícios cardio



1. Natação

No que toca à gravidez, a natação é provavelmente o melhor e mais seguro exercício de todos, pelo menos de acordo com médicos e especialistas.

Vantagens: trabalha os grandes grupos musculares (pernas e braços); assegura benefícios cardiovasculares; é suave para as articulações e reduz o inchaço nos tornozelos; simula a eliminação do excesso de peso da gravidez, possibilitando às mulheres uma sensação de incomparável leveza.
 
Tome nota:
A ligação que existe entre uma mãe e um filho é a mais poderosa! Receba já todas as dicas para si e o seu bebé.
 

2. Caminhar

Quando falamos de ginástica para grávidas, não podemos excluir a caminhada, uma vez que este é um exercício que pode ser feito até ao parto, em qualquer local e sem necessidade de qualquer equipamento para além de uma boas sapatilhas.

Vantagens: é um dos melhores exercícios cardio; não coloca demasiada tensão nos tornozelos e joelhos; tonifica os músculos de forma segura; melhora a disposição.

 

3. Aeróbica

Esta é uma boa alternativa porque é feita em aulas de grupo, funcionando como um escape social: pode conhecer outras futuras mamãs e trocar experiências livremente, com outras pessoas que compreendem exatamente o que está a passar.

Vantagens: fortalece o coração e os pulmões, assegura uma libertação de endorfinas, despoletando um profundo bem-estar, tonificando o corpo na sua totalidade; aderindo a aulas ministradas por profissionais certificados, tem um acompanhamento que garante a sua segurança e a do bebé.

 

4. Dança

Haverá exercício mais divertido e aliciante do que dançar ao som das suas músicas preferidas? Com a vantagem de que pode dançar em aulas ou por si só, no conforto da sua casa. Aqui só precisa mesmo de ter cuidado com coreografias que incluam grande voltas ou saltos.

Vantagens: fortalece o coração e tonifica o corpo.

 

Exercícios de flexibilidade



5. Yoga

Um dos exercícios ideais no que toca a ginástica para grávidas, uma vez que minimiza muitos dos sintomas menos agradáveis, podendo inclusive ajudar a ter um parto mais curto, descontraído e confortável. Deixamos apenas uma dica: a partir do primeiro trimestre, evite deitar-se de costas.

Vantagens: o yoga tonifica toda a musculatura, fortalecendo os músculos abdominais; reduz as dores lombares; potencia a flexibilidade, praticamente sem impacto nas suas articulações.

 

6. Alongamentos

A estes exercícios, tal como ao anterior, apenas terá de considerar adicionar uma rotina de cardio, para assegurar que trabalha também o coração.

Vantagens: mantêm o seu corpo flexível e relaxado, sem colocar qualquer tensão nos músculos; ajuda a reduzir potenciais dores lombares.

Veja aqui 9 exercícios de alongamento que pode fazer depois do treino.
 


Exercícios de força



7. Musculação

Este exercício prepara-a de forma determinante não só para a gravidez mas para o levantamento de peso que irá ter fazer inevitavelmente após o nascimento! Recomendamos apenas que tenha cuidado, evitando pesos muito fortes e fazendo movimentos lentos e controlados.

Vantagens: tonifica e fortalece os músculos; ajuda a recuperar a figura mais rapidamente após o parto.

 

Uma última sugestão


 

8. Exercícios de Kegel 

Não sendo os habituais exercícios em que pensamos quando se fala de ginástica para grávidas, os exercícios de Kegel são de extrema importância para facilitar não só o momento do nascimento em si, mas também a recuperação pós-parto. Recomendamos!

Vantagens: fortalecem os músculos que mantêm no lugar o útero, bexiga e intestinos, ajudando nos movimentos realizados durante o parto; podem ser feitos onde e quando quiser, sem que ninguém se aperceba.
 

...............................................................................................................................................................................................................................................................................................

Se há uma recomendação que fazemos sempre é que consulte um médico antes de avançar com qualquer rotina de exercícios recomendada.

Este conselho torna-se ainda mais importante no caso da ginástica para grávidas, uma vez que estamos a lidar com uma fase da vida da mulher em que é obrigatório que esta esteja particularmente bem acompanhada e aconselhada. 

Assim, depois de selecionar o exercício que mais lhe agrade, não se esqueça de confirmar com o especialista que a está acompanhar se o mesmo é seguro e adequado a si e à sua gravidez. Esperamos que corra tudo bem: boa sorte e bons exercícios!

 
Receba aqui mais dicas para si e para o seu bebé !


Veja também: