Diga adeus à flacidez

Diga adeus à flacidez

Previna a flacidez com truques simples para fazer todos os dias

Seja muscular ou na pele, a flacidez incomoda muita gente. Descubra algumas dicas que pode começar a seguir já hoje, e quais os alimentos mais indicados para se prevenir.

Quando a pele perde a elasticidade, surge a flacidez, que pode ser provocada por diversas causas: gravidez, obesidade, oscilações bruscas de peso, má alimentação e, claro, o envelhecimento natural.

Eliminá-la totalmente é uma tarefa difícil, mas não impossível.

Por isso, vamos mostrar-lhe algumas dicas e técnicas que ajudam a atenuar e combater a flacidez.




Sabe qual é o seu tipo de flacidez?


Quer receber um plano de treinos?
Obtenha já o seu plano de treinos personalizado e atinja os seus objectivos! Fale com o nosso personal trainer e receba o seu plano de treinos.
A flacidez pode ter origem em fatores genéticos, ambientais ou em maus hábitos de vida. Como a pele se sobrepõe ao músculo, o resultado da flacidez fica visível na pele, mas também pode ser resultado de falta de fortalecimento muscular.

Por isso, é classificada em dois tipos: flacidez muscular e flacidez da pele.
 

1. Flacidez muscular

Este é o tipo de flacidez mais comum e ocorre quando as fibras do músculo ficam enrijecidas, o que vai se manifestar na aparência de pele. Nesse caso, não há muito segredo na solução: o primeiro passo é adotar a prática regular de exercício físico, pois, desta forma, poderá ativar as fibras musculares, o que melhora também, na maioria dos casos, a aparência da pele. A par disso, deve manter bons hábitos alimentares para conseguir melhores resultados.
 


2. Flacidez da pele

Se a sua pele é flácida mesmo praticando desporto, provavelmente o problema está nela e não nos músculos. Isto acontece após o período de gestação ou após uma perda de peso muito acentuada. Neste caso, poderá ser necessário associar à prática desportiva alguns tratamentos estéticos, como radiofrequência ou drenagem linfática.
 


6 dicas para prevenir a flacidez



Sabendo que os tratamentos estéticos e dermatológicos poderão ser dispendiosos, aprenda a prevenir-se com truques simples que deve incorporar no seu dia a dia.
 

1. Mude a alimentação

Tudo para manter a forma
Tenha acesso às melhores dicas de nutrição! Receba já conteúdo exclusivo!
Esta é a dica mais importante para combater a flacidez. Sem uma dieta saudável, nada vai resultar, não só por uma questão estética, mas também pela sua saúde em geral.

Se quiser melhorar a sua aparência e ter uma pele mais bonita, aumente o consumo dos seguintes alimentos: citrinos, legumes com folhas verde-escuras, linhaça, ovos, salmão, aveia, frutos vermelhos, iogurte natural e cenoura.

Também é importante beber bastante água e limitar o consumo de refrigerantes, álcool, tabaco, refeições rápidas e doces.
 


2. Exercícios localizados

A flacidez costuma aparecer em áreas específicas do corpo, como a parte inferior do rosto, pescoço, parte interna dos braços, barriga, coxas e glúteos. Adote rotinas de exercícios que pode fazer mesmo em casa e escolha exercícios específicos para as regiões do corpo com mais flacidez e pratique-os de forma regular e disciplinada.

► Veja aqui exercícios para tonificar o corpo.



3. Exercícios gerais

Tente incorporar algum tipo de exercício à sua rotina diária. Caminhe pelo menos meia hora por dia, suba as escadas em vez de ir pelo elevador, pratique atividades que não impliquem gastos financeiros, mas que a deixarão mais ágil e sempre em movimento. Tudo isso contribui para acelerar o metabolismo.

► Veja aqui exercícios cardiovasculares.



4. Água fria

Durante o banho, tente não usar água muito quente, a temperatura morna é mesmo a ideal. No final, abra o chuveiro com água fria durante o tempo que aguentar, deixando-a escorrer pelas áreas do corpo com maior incidência de flacidez, pois esta temperatura ajuda a tonificar o corpo.
 


5. Hidratação do corpo


Procure cremes hidratantes que contenham a coenzima Q10, colagénio, retinol ou elastina, pois apresentam resultados comprovados na prevenção da flacidez e na melhoria da saúde da pele. Aplique-os diariamente, de preferência depois do banho, em movimentos circulares ascendentes.
 


6. Consulte especialistas

Não acredite em soluções mágicas, baratas e instantâneas, pois elas não existem. Se procura resultados rápidos, além de se alimentar bem, rodeie-se de uma equipa competente de profissionais de saúde, como um nutricionista, um personal trainer e, por que não, um psicólogo. Assim irá trabalhar a sua autoestima, de dentro, para fora!


A flacidez pode aparecer com o avançar da idade, como consequência da perda de peso ou por uma alimentação deficiente. Mas não deixe que este problema se torne num pesadelo e comece a cuidar melhor de si, já hoje.

 
Saiba as melhores dicas para ficar em forma !
 

Veja também: