Publicidade:

West Highland White Terrier: tudo o que precisa de saber sobre esta raça

Branco e fofo, o West Highland White Terrier conquista corações por onde passa, mas a aparência não é tudo e esta pequena raça esconde uma mais-valia para quem procura um bom cão de companhia: é o mais doce e amigável dos Terriers. Do seu passado de caçador, ficou o temperamento persistente e agitado, com vontade de agradar.

 
West Highland White Terrier: tudo o que precisa de saber sobre esta raça
Muita atitude em tamanho pequeno.

O nome do West Highland White Terrier diz tudo: faz parte da família dos Terriers, é totalmente branco e provém de uma região montanhosa escocesa. Carinhosamente chamados de Westies, foram criados com o intuito de ajudarem os caçadores de pequenos animais, entrando nas suas tocas e afugentando-os.

Como são muito ativos, apresentam um bom desempenho em desportos caninos, como o Agility e o Flyball.

Características gerais do West Highland White Terrier


Grupo: Grupo 3 – Terriers

Finalidade: cão de companhia

Ambiente ideal: apartamento

País de Origem: Reino Unido (Escócia)

Porte: pequeno

Altura: de 25cm a 30cm

Peso ideal: de 6kg a 8kg

Cor: branco

Esperança Média de Vida: entre 12 a 16 anos

Preço médio: de 350€ a 700€

 

Características específicas do West Highland White Terrier


Dada a sua natureza de Terrier, estes cães têm uma grande tendência para escavar. Se tem um jardim, certifique-se que ele não abre túneis por baixo das vedações. Para o educar, use comandos divertidos e pouco ríspidos para não o enervar, evitando níveis mais avançados de treino.

É curioso, agitado e adora correr ao ar livre, mas consegue ficar sozinho sem grandes problemas. Quando o seu dono chegar, ele vai exigir a sua atenção, não para o manter no colo, mas para brincadeiras.

Energia
Inteligência
Tolerância ao frio
Tolerância ao calor
Cuidados de higiene
Queda de pelo
Tendência para problemas de saúde
Facilidade de aprendizagem
Socialização com crianças
Socialização com estranhos
Socialização com cães
Socialização com gatos

Fases da vida do West Highland White Terrier


Bebé

0 – 10 meses

Adulto

10 meses – 12 anos

Idoso

12 – 16 anos

 

Físico do West Highland White Terrier


West Highland White Terrier

A pureza do branco dos Westies é a sua característica mais reconhecida. O pelo é áspero na parte superior do corpo e ligeiramente mais macio e curto por baixo. De corpo compacto, dorso reto, peito profundo e membros curtos e musculados, esta raça combina força e ação. A cabeça redonda, com crânio ligeiramente convexo, apresenta um focinho afunilado, olhos bem separados e orelhas pequenas e eretas.

Temperamento do West Highland White Terrier


São considerados os mais sociáveis, alegres e otimistas de entre todos os Terrier escoceses. Ainda assim, deve ser apresentado desde cedo a outros animais, especialmente se forem mais pequenos que ele.

Os West Highland White Terrier são ainda óptimos como cães de alarme, pois apercebem-se de ruídos com muita facilidade. Nestas condições ladram bastante, para o qual devem ser advertidos, uma tarefa que não se revelará fácil devido à sua teimosia.

Problemas de Saúde do West Highland White Terrier


Ouvidos

  • Surdez.

Ossos e articulações

  • Luxação patelar.
  • Síndrome Legg-Calvé-Perthes (doença degenerativa da articulação da anca).
  • Osteopatia craniomandibular.

Pulmões

  • Fibrose pulmonar.

Pele

  • Alergias cutâneas.

Outros

  • Síndrome White Shaker Dog (tremores generalizados).

 

Cuidados a ter com o West Highland White Terrier


Pelo

  • Escovar uma vez por semana, usando bicarbonato de sódio, para ajudar a manter a brancura da pelagem. Deve ir aparando o pelo do cão a cada quatro meses e a tosquia pode ser feita duas vezes por ano.

Ouvidos

  • Devido à sua posição – pontiagudas e a apontar para cima – as orelhas estão mais expostas a bactérias. Faça uma limpeza diária com um algodão humedecido em água.

 

Origem do West Highland White Terrier


Originária de uma região montanhosa situada no oeste da Escócia, tudo indica que raça tenha sido criada a partir dos cruzamentos realizados com Cairn Terrier.

Mas há um detalhe curioso sobre o seu desenvolvimento, que remonta ao século XIX. Enquanto caçava, um coronel de nome E. D. Malcom disparou e matou acidentalmente o seu terrier favorito, confundindo-o com um coelho por causa da sua cor cinzento escura. A partir dessa altura, decidiu criar apenas cães brancos, para os distinguir das suas presas.

Na época, os cães eram usados para ajudar a caçar pequenos animais que se refugiavam em tocas, mas hoje é mantido sobretudo como cão de companhia.

Curiosidades sobre o West Highland White Terrier


Embora Albert Uderzo e René Goscinny, os autores da banda desenhada Astérix, nunca tenham atribuído uma raça à personagem canina Idéfix, a sua aparência e temperamento levaram a que o cão de Obélix fosse representado no cinema por um West Highland White Terrier. O nome provém de “ideia fixa”, que assenta que nem uma luva a esta raça.

Várias celebridades renderam-se aos encantos do West Highland White Terrier: Alfred Hitchcock, Al Pacino, Rob Schneider, Kate Beckinsale e Robert Pattinson.


Conheça mais raças de cães:

Todas as raças de cães

Todas as
raças de cães

Raças de cães pequenos

Raças de
cães pequenos

Raças de cães médios

Raças de
cães médios

Raças de cães grandes

Raças de
cães grandes

Mafalda Braga Mafalda Braga

Depois da licenciatura em Comunicação Social e Cultural e do mestrado em Media e Jornalismo, tirados na Universidade Católica Portuguesa, fez um estágio na extinta Rádio Clube Português e outro na Revista Máxima, onde ficou a trabalhar durante cinco anos e meio. Passou ainda pela Revista Must, suplemento do Jornal de Negócios, e atualmente é jornalista freelancer. Além desta área, tem uma grande paixão por cinema, viagens, animais e comida, de preferência com muito sol a acompanhar.

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].