Vinagre de cidra: 4 motivos para utilizar

Um dos principais benefícios do vinagre de cidra está relacionado com o controlo da diabetes. Mas são variados os benefícios deste tipo de vinagre, que lhe vamos dar a conhecer de seguida.

Vinagre de cidra: 4 motivos para utilizar
Experimente este vinagre em saladas ou molhos.

O vinagre pode ser feito de quase qualquer hidrato de carbono. O vinagre de cidra não é exceção, pelo que é derivado da cidra ou do sumo de maçã recém-prensado.

Como a maioria dos vinagres, o vinagre de cidra de maçã é produzido após um processo lento que abrange várias semanas ou meses em que os açúcares são separados.

A maioria dos vinagres comercializados são pasteurizados, sendo que este processo de aquecimento mata as bactérias e evita o aparecimento de uma aparência turva. 

Porque deve consumir vinagre de cidra


Apesar de não ser a primeira escolha de muitas pessoas, a verdade é que o vinagre de cidra faz muito bem à saúde de quem o consome.

É utilizado há séculos na medicina tradicional, mas só nos últimos anos tem sido dada especial atenção a este complemento. Os estudos tem sido variados, assim como as conclusões acerca dos mesmos.

Como os benefícios são alguns e a maioria desconhecidos pela população, deixamos aqui uma lista de motivos pelos quais esta é uma boa aposta.

1. Controla a diabetes

vinagre de cidra e controlar a diabetes

Alguns estudos analisaram o efeito nos níveis de açúcar no sangue do consumo de vinagre de cidra juntamente com uma refeição rica em hidratos de carbono, em indivíduos com diabetes tipo 2, pré-diabetes ou nenhuma destas condições.

As refeições ricas em hidratos de carbono causam um pico nos níveis de açúcar no sangue imediatamente após uma refeição. No entanto, menos de 30 ml de vinagre de maçã reduziram os níveis de açúcar no sangue de todos os participantes no estudo. Daqui consegue-se perceber que a ingestão de vinagre de cidra baixa, efetivamente os níveis de açúcar no sangue.

2. Controla os níveis de colesterol

colesterol sanguineo

Ainda que exista atualmente alguma falta de evidência cientifica neste sentido, já foi realizado um estudo onde se concluiu que a utilização deste vinagre para tempero durante algum tempo pode levar à diminuição do risco de doenças cardíacas.

3. Ajuda na perda de peso

mulher a controlar a perda de peso

Dado que o vinagre reduz os níveis de açúcar no sangue e insulina, faz sentido que também ajude na perda de peso. Vários estudos sugerem que o vinagre pode aumentar a saciedade, deixando a pessoa com menos fome e vontade de comer mais quantidade de alimentos.

A longo prazo, a redução da quantidade de calorias ingeridas reflecte-se no peso, resultando numa redução que aconteceu de forma gradual. Além disso, o consumo diário de vinagre também ajuda na diminuição do volume abdominal.

4. Ajuda na eliminação de patogénicos

limpeza e desinfecao com vinagre de cidra

O vinagre pode ajudar a matar agentes patogénicos, incluindo bactérias. Não é por acaso que, tradicionalmente, se utilizava este alimento como forma de limpeza e desinfecção, tratamento de fungos de unhas, limpeza de feridas, entre outros.

O vinagre também foi usado como conservante de alimentos, e por isso o vinagre de cidra pode ser uma ótima alternativa natural para preservar a sua comida.

Como incorporar o vinagre de cidra na alimentação


sopa com vinagre de cidra

O vinagre de maçã parece ser um alimento seguro, ou seja, não se verificam efeitos nocivos com um consumo normal.

A melhor maneira de o incorporar na dieta é utilizá-lo na cozinha, seja em molhos para saladas, sopas, maioneses caseiras ou outro tipo de molhos. A utilização para o tempero de carnes e peixes também são hipóteses geralmente bem-sucedidas e deliciosas.

Há quem prefira diluir 1 a 2 colheres de sopa em água e beber diretamente, sendo esta também uma das formas de usufruir dos seus benefícios. Caso prefira esta opção, deve optar pelo momento antes das refeições ou antes da hora de dormir.

Tal como acontece com a maioria dos vinagres, não é recomendado o consumo de vinagre de cidra de maçã não diluído, assim como também não é aconselhável a ingestão de mais do que 2 colheres de sopa por dia.

Veja também: