Publicidade:

Quanto tempo aguenta a sopa no frigorífico? Esclareça as suas dúvidas!

Quanto tempo aguenta a sopa no frigorífico? Se partilha desta dúvida, chegou a hora de obter a resposta e conhecer os fatores que influenciam o tempo que aguenta a sopa no frigorífico.

 
Quanto tempo aguenta a sopa no frigorífico? Esclareça as suas dúvidas!
Ingredientes, higiene, altura do ano, são fatores a considerar

A sopa é um alimento fundamental no âmbito de uma alimentação saudável, tanto de adultos como crianças. Além de ser um veículo fácil para a ingestão de legumes e, consequentemente, de vitaminas e minerais, é também um mecanismo eficaz de hidratação e de controlo de apetite.

Do ponto de vista nutricional, é, de facto, um alimento a privilegiar em qualquer faixa etária, em qualquer altura do ano e para qualquer objetivo.

No entanto, e derivado do estilo de vida acelerado que presenciamos atualmente, a disponibilidade para fazer sopa é muito reduzida, limitando o consumo deste alimento ou potenciando a escolha de sopas embaladas, pré-confecionadas, que muitas vez contêm poucos legumes, muita batata e muito sal, o que diminui substancialmente o seu valor nutricional.

Neste sentido, poder confecionar a sopa ao fim de semana e conservá-la no frigorífico para ir consumindo durante a semana, sem perder muito tempo, é a opção mais rentável. Mas quanto tempo aguenta a sopa no frigorífico sem se deteriorar? Vejamos.

Quanto tempo aguenta a sopa no frigorífico?


Como em muitas outras questões relativas a alimentos, não existe uma resposta única para esta questão, pois a durabilidade da sopa depende de diversos fatores, que iremos desenvolver de seguida. Todavia, regra geral, considera-se que uma sopa devidamente conservada no frio e feita sob todas as condições adequadas de higiene aguenta entre três a cinco dias. Porém, já fatores que afetam a maior ou menor durabilidade da sopa, nomeadamente:

1. Ingredientes

Quanto tempo aguenta a sopa no frigorífico

O fator que mais influencia a durabilidade de uma sopa são os ingredientes que a compõem. O caso das sopas com tomate e feijão verde, por exemplo, duram menos tempo, porque estes legumes são mais ácidos, o que, por si só, faz com que a sopa azede com mais facilidade.

2. Qualidade dos Ingredientes

Tão ou mais importante que os ingredientes selecionados é a qualidade dos mesmos. A sopa para durar mais tempo tem que ser feita sempre com ingredientes frescos e de boa qualidade, sem qualquer sinal de deterioração.

Neste sentido, compre os legumes o mais próximo possível da data de confeção da sopa, pois eles começam a perder vitaminas assim que são colhidos.

Como tal, um bom conselho para que a sua sopa aguente mais tempo é não aproveitar sobras ou legumes já passados na sua confeção.

3. Higiene

Quanto tempo aguenta a sopa no frigorífico

No seguimento dos pontos enumerados anteriormente, não podíamos deixar de falar de higiene, visto que esta está diretamente relacionada com a qualidade e durabilidade da sopa.

Em primeiro lugar, importa referir que deve lavar bem os legumes em água corrente antes de os descascar, para remover a sujidade e outros contaminantes / poluentes, e utilize-os diretamente na sopa.

Em segundo lugar, deve garantir a higiene de quem faz a sopa, através da lavagem prévia das mãos, dos utensílios utilizados e do local onde a sopa será confecionada, para evitar possíveis contaminações bacterianas que acelerem a deterioração da sopa.

4. Altura do ano

Outro fator muito importante que influencia quanto tempo aguenta a sopa no frigorífico é a altura do ano em que a sopa é feita e conservada. No verão existe uma maior probabilidade das sopas azedarem mais depressa do que durante as estações mais frias.

5. Modo de arrefecimento ou descongelação

Quanto tempo aguenta a sopa no frigorífico

Depois de pronta a sopa, o mais comum é que se deixe a arrefecer, destapada, até ir para o frigorífico. Mas esta prática está errada e afeta a qualidade microbiológica da sopa, pois ela fica exposta às bactérias do ambiente e ao ser guardada no frigorífico já contém bactérias que vão fazer com que azede rapidamente.

Assim, a forma correta de arrefecer a sopa é dividir em doses mais pequenas e em recipientes herméticos fechados antes de a colocar no frigorífico ou congelador.

Se congelar a sopa não se esqueça que a mesma regra é válida durante a descongelação: nunca à temperatura ambiente! Opte por descongelar em lume brando, banho-maria, no micro-ondas ou no frigorífico. E depois de descongelada, não volte a congelar.

Por fim, além de saber quanto tempo aguenta a sopa no frigorífico, importa relembrar alguns sinais claros de que a sopa já não está apta para consumo, independentemente do tempo que tenha durado, nomeadamente:

  • Cheiros mais intensos ou ‘azedos’;
  • Alterações de cor na superfície da sopa;
  • Presença de grumos ou bolhas;
  • Caso prove uma quantidade mínima, sabor claramente alterado e azedo.

 

Veja também:

Fontes

1. United States Department of Agriculture, Food Safety and Inspection Service. Disponível em: https://www.fsis.usda.gov/wps/portal/fsis/home

Nutricionista Rita Lima Nutricionista Rita Lima

Rita Lima é nutricionista, licenciada em Ciências da Nutrição pela Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto em 2016 e frequentou o Curso de Nutrição no Desporto na mesma faculdade. É membro efetivo da Ordem dos Nutricionistas.

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].