Publicidade:

Peixinhos da horta: aprenda a fazer este petisco tradicional

Os peixinhos da horta são um petisco popular, fáceis de fazer. Aprenda estas variações da receita com cerveja, água com gás, farinha de milho e espargos.

Peixinhos da horta: aprenda a fazer este petisco tradicional
Os "peixinhos" que não são peixinhos vão fazer as delícias de todos

Está à procura de petiscos para servir aos seus convidados? Entre tantas ideias deliciosas de petiscos para festas estão os peixinhos da horta, tipicamente portugueses, feitos com feijão-verde, envolvidos em farinha de milho e fritos para que fiquem estaladiços.

Mesmo que seja uma receita muito simples, há pequenas variações de ingredientes que pode escolher, conforme vai ver nas sugestões a seguir. Experimente e surpreenda-se.

4 Receitas de peixinhos da horta para petiscar


1. Peixinhos da horta com cerveja

Nesta receita utiliza-se o trigo em vez da farinha de milho e também tem um toque de cerveja para adicionar sabor.

– Ingredientes –

  • 400 g de feijão-verde
  • 3 ovos
  • 160 g de farinha de trigo sem fermento
  • 1 colher de sopa de azeite
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • 100 ml de cerveja
  • Sumo de meio limão
  • Sal q.b.
  • Pimenta q.b.
  • Óleo para fritar

– Modo de preparação –

  1. Com uma faca, retire as pontas ao feijão verde e corte-o ao meio na vertical.
  2. Caso as vagens sejam muito compridas, corte-as ao meio.
  3. Numa panela com água a ferver, tempere com sal. Coloque o feijão verde a cozer durante 4 minutos. Passados os 4 minutos, escorra o feijão verde e deixe arrefecer.
  4. Numa tigela, junte a farinha, o fermento em pó e o azeite. Tempere com sal e pimenta.
  5. Adicione a cerveja e o sumo de limão. Bata e adicione os ovos um a um. Depois de bem batido, deixe repousar durante 30 minutos.
  6. Passe o feijão verde um a um pelo polme e frite em óleo quente. Depois de loirinhos, retire-os para um prato com papel absorvente. Está pronto a servir.

2. Peixinhos da horta com água com gás

Se preferir não utilizar a cerveja, mesmo que todo o álcool se evapore, pode substituir por água com gás, como nesta opção.

– Ingredientes –

  • 400 g de feijão-verde
  • 150 g de farinha com fermento
  • 2 ovos
  • 1 dl de água com gás bem gelada
  • 1 colher de sopa de azeite
  • Sal e pimenta q.b.
  • Óleo para fritar

– Modo de preparação –

  1. Limpe o feijão-verde, retire o fio e leve-o a cozer em água temperada com sal durante 5 minutos. Depois, escorra e deixe arrefecer.
  2. Prepare o polme. Deite a farinha para uma tigela, tempere com sal e pimenta, junte os ovos, o azeite e a água em fio, mexendo sempre até ficar um polme liso.
  3. Leve ao lume um tacho com óleo abundante e deixe aquecer.
  4. Mergulhe o feijão-verde, um a um, no polme, deixe escorrer um pouco, deite no óleo e deixe fritar até ficarem douradinhos. Retire e deixe escorrer.

3. Peixinhos da horta com farinha de milho

Tal como na versão mais tradicional, estes peixinhos da horta são envolvidos com o creme de farinha de milho para que fiquem ainda mais estaladiços.

– Ingredientes –

  • 150 g de feijão-verde
  •  1 ovo
  •  2 colheres de sopa de farinha de milho
  •  0,5 dl de água com gás gelada
  •  Flor de sal q.b.
  •  Água q.b.
  •  Óleo para fritar q.b.

– Modo de preparação – 

  1. Corte as pontas do feijão-verde e retire o fio transversal.
  2. Leve a cozer em água a ferver e temperada com flor de sal por 5 minutos.
  3. Passe por água fria e escorra. Reserve.
  4. Numa tigela coloque farinha de milho e tempere com sal.
  5. Acrescente o ovo e deite água com gás até atingir a consistência desejada para o polme. Para que fique fino é de aproximadamente 0,50 dl.
  6. Leve um tacho ao lume com óleo abundante e deixe aquecer.
  7. Mergulhe o feijão-verde no polme e coloque logo de seguida no óleo para fritar.
  8. Doure a gosto. Escorra em papel absorvente. Estão prontos a servir.

4. Peixinhos da horta com espargos

Para variar ainda mais a receita, quando não tiver feijões-verdes utilize os espargos como alternativa. Ficam ainda melhores com uma maionese de alho caseira.

– Ingredientes –

  • 1 molho de espargos verdes (cerca de 12 espargos)
  • 1 ovo
  • 100 ml de cerveja
  • 4 colheres de sopa de farinha
  • Sal e pimenta q.b.

– Ingredientes da maionese de alho –

  • 1 ovo
  • 1 colher de café de mostarda de Dijon
  • Sumo de 1/2 limão
  • 2 dentes de alho
  • 30 ml de azeite
  • 70 ml de óleo de girassol
  • Sal e pimenta q.b.

– Modo de preparação –

  1. Prepare os espargos retirando-lhes os pés rijos e, se necessário, com o descascador de cenouras pele-os para retirar os fios.
  2. Coza os espargos durante dois ou três minutos em água a ferver temperada de sal e retire-os escorrendo bem e passando-os por água fria. Reserve.
  3. Para a polme bata o ovo com a farinha e a cerveja e tempere de sal e pimenta. Deverá ter uma massa sem grumos e não demasiado líquida – se estiver muito líquida junte um pouco mais de farinha.
  4. Passe os espargos pelo polme e frite-o em óleo vegetal bem quente até que fiquem bem dourados. Escorra sobre papel absorvente.
  5. Para a maionese coloque o ovo inteiro, a mostarda de Dijon, o sumo de limão, os dentes de alho esmagados e o azeite no copo da varinha mágica. Tempere com sal e pimenta e bata bem com a varinha mágica, de cima para baixo e vá acrescentando o óleo de girassol em fio, sem deixar de bater, até que a maionese engrosse. Retifique, se necessário, os temperos.
  6. Sirva os peixinhos da horta de espargos com a maionese de alho.

> As receitas presentes neste artigo foram adaptadas das páginas Sabor Intenso, Chef Ermida, Vida Feliz e Para Cozinhar, respetivamente.

Veja também:

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].