Pedra nos rins: sintomas, causas e tratamento

A pedra nos rins, ou litíase, é uma massa sólida composta por pequenos cristais que surge no trato urinário e que pode causar dor intensa. Previna-se!

Pedra nos rins: sintomas, causas e tratamento
Os cálculos renais afetam maioritariamente pessoas entre os 30 e 60 anos.

A pedra nos rins pode ter diversas causas e pode afetar qualquer parte do trato urinário – dos rins à bexiga. Frequentemente, as pedras formam-se quando a urina se torna concentrada, permitindo que os minerais se cristalizem e se unam, formando as designadas pedras ou cálculos renais.

São bastante comuns, sendo que cerca de 3 em cada 20 homens e até 2 em cada 20 mulheres sofrem deste problema em algum momento das suas vidas.

QUAIS OS SINTOMAS DE PEDRA NOS RINS?


dor no fundo das costas e pedra nos rins

Uma pedra nos rins pode não causar sintomas até que ela se mova dentro do rim ou passe para o ureter – tubo que liga o rim e a bexiga. Neste ponto, poderão surgir sinais e sintomas como:

  • Dor severa de lado e nas costas, abaixo das costelas;
  • Dor que irradia para o baixo ventre e virilha;
  • Dor que flutua em intensidade;
  • Dor ao urinar;
  • Urina de cor acastanhada;
  • Urina turva ou com mau cheiro;
  • Necessidade persistente de urinar;
  • Urinar com mais frequência do que o habitual;
  • Urinar em pequena quantidade;
  • Febre se houver uma infeção presente;
  • Náuseas e vómitos.

A dor causada por uma pedra nos rins pode mudar – por exemplo, mudando para um local diferente ou aumentando de intensidade – à medida que a pedra se move através do trato urinário.

É, ainda, importante realçar que deve ser consultado de imediato um médico na presença dos seguintes sintomas:

  • Dor tão grave que não consegue ficar parado nem encontrar uma posição confortável;
  • Dor acompanhada de náuseas e vómitos;
  • Dor acompanhada de febre;
  • Sangue na urina;
  • Dificuldade em urinar.

 

QUAIS AS CAUSAS DA FORMAÇÃO DE PEDRA NOS RINS?


excesso de consumo de sal

Os cálculos renais geralmente não têm uma causa única e definida, embora vários fatores possam aumentar o seu risco.
As pedras nos rins formam-se quando a urina contém mais substâncias formadoras de cristais – como cálcio, oxalato e ácido úrico.

Fatores que aumentam o risco de desenvolver cálculos renais incluem:

  • História familiar ou pessoal: Se alguém da família tem ou teve pedras nos rins, é mais provável que se desenvolva pedras também. Além disso, se já desenvolveu um ou mais cálculos renais, há um maior risco de voltar a desenvolver;
  • Desidratação: Não beber água suficiente por dia pode aumentar o risco de pedra nos rins. As pessoas que vivem em climas quentes e as que transpiram muito podem estar em maior risco do que as restantes;
  • Alimentação: Uma dieta rica em proteínas, sódio (sal) e açúcar pode aumentar o risco de alguns tipos de pedra nos rins. Isto é especialmente válido para uma dieta rica em sódio (sal);
  • Obesidade: Alto índice de massa corporal (IMC), tem sido associado a um aumento do risco de pedra nos rins;
  • Doenças digestivas e cirurgia. Cirurgia de Bypass gástrico, doença inflamatória intestinal ou diarreia crônica podem causar alterações no processo digestivo que afetam a absorção de cálcio e água, aumentando os níveis de substâncias formadoras de pedras na urina.

 

QUAIS AS OPÇÕES DE TRATAMENTO PARA A PEDRA NOS RINS?


beber muita agua

O tratamento de pedras nos rins varia, dependendo do tipo de pedra e da causa.

Pedras pequenas com sintomas mínimos

A maioria das pedras nos rins não requer tratamento invasivo. O tratamento da mesma nestes casos pode passar por:

  • Beber muita água para ajudar a expulsar as pedras do sistema urinário. A menos que o seu médico lhe diga o contrário, beba líquidos suficientes – principalmente água – para produzir urina clara ou quase transparente;
  • Analgésicos. Para aliviar a dor leve, o médico pode recomendar analgésicos como o ibuprofeno paracetamol ou o naproxeno;
  • Terapia médica. Poderá também ser prescrita medicação que facilite a expulsão das pedras com menos dor.

Pedras grandes que causam sintomas

O tratamento de pedras nos rins grandes demais para que consigam ser eliminadas por si, ou que causem sangramento, danos renais ou infeções poderá passar pela cirurgia para a sua remoção.

Veja também:

Farmacêutica Cátia Rocha Farmacêutica Cátia Rocha

Cátia Rocha é farmacêutica. Como apaixonada pela profissão, acredita na importância da educação para a saúde e num papel interventivo dos profissionais de modo a transmitir conhecimentos que considera importantes e fundamentais para o bem-estar da população. É Mestre em Ciências Farmacêuticas pelo Instituto Superior de Ciências da Saúde do Norte e exerce atualmente o cargo de farmacêutica na Farmácia Agra.