4 Razões que explicam o porquê da sua vida sexual não estar boa

Amor e sexo nem sempre estão em sintonia e os casais entram em crise. Descubra as razões que explicam o porquê da sua vida sexual não estar boa.

4 Razões que explicam o porquê da sua vida sexual não estar boa
Como voltar a ter uma vida sexual satisfatória?

Quando a insatisfação com a vida sexual é uma constante há que tomar medidas. Conheça estas 4 razões que explicam o porquê da sua vida sexual não estar boa e saiba como pode mudar essa situação.

Porque é que a atividade sexual é tão importante?


Casal unido a dancar e o porque da sua vida sexual nao estar boa

Frequentemente associamos relações amorosas felizes com a sexualidade, assumindo que os casais mais felizes são aqueles que têm relações sexuais com mais frequência, mas será que é mesmo verdade? E porque será que a intimidade sexual é tão benéfica para a relação amorosa?

Um estudo realizado recentemente (2017) aponta o papel surpreendente não apenas do sexo em si, mas do afeto que acompanha a sexualidade entre o casal. A forma e a frequência do beijar, do abraçar e do tocar parece contribuir para uma maior satisfação com a relação, bem como para o maior bem-estar de ambos os parceiros.

De facto, as investigações sugerem que as pessoas apresentam níveis mais elevados de bem-estar quando têm uma vida sexual ativa e satisfatória. Avançam também que o ingrediente-chave para uma relação sexualmente feliz é o afeto positivo partilhado pelo casal.

Outro estudo mostrou que as pessoas classificam o afeto positivo e o bem-estar como mais elevados nas situações em que tiveram relações sexuais nas últimas 24 horas. Assim, quando afeto e atividade sexual acontecem em simultâneo parecem provocar sentimentos de maior felicidade.

Portanto, o sexo não é apenas benéfico devido aos seus efeitos fisiológicos, mas também porque promove uma conexão mais forte e positiva entre os parceiros. A longo prazo, mesmo nas situações em que a atividade sexual não é tão frequente, o afeto partilhado ao longo do tempo parece compensar os efeitos potencialmente negativos da baixa atividade sexual.

4 razões que explicam o porquê da sua vida sexual não estar boa


Tal como vimos, uma vida sexual ativa e satisfatória potencia sentimentos de bem-estar e de felicidade e contribui para o sucesso da relação amorosa.

No entanto, não são raros os casos em que os casais se amam e desejam ter uma vida sexual prazerosa e positiva e tal não acontece.

Descubra se algumas destas 4 razões pode ser a causa dessa insatisfação:

1. Fatores Psicológicos

mulher triste na cama o porque da sua vida sexual nao estar boa

Determinados fatores psicológicos podem contribuir para um menor interesse sexual. Pessoas que apresentam humor deprimido podem ver o seu desejo sexual diminuído ou não sentir prazer com a relação sexual.

A vivência de experiências sexuais traumáticas, como abuso sexual, pode também interferir na qualidade da vida sexual.

2. Imagem Corporal

A perceção acerca da imagem corporal pode afetar largamente os sentimentos face à sexualidade. Pessoas que expressam dúvidas e insegurança face à sua imagem corporal podem sentir-se pouco à vontade perante a partilha da intimidade e a exposição do corpo.

3. Problemas Relacionais

casal chateado o porque da sua vida sexual nao estar boa

A existência de problemas na relação a dois pode justificar a baixa satisfação com a vida sexual. Algumas das situações mais comuns são as dificuldades de comunicação, conflitos mal resolvidos que originaram perda de confiança e distanciamento emocional.

4. Fadiga

Na correria do dia-a-dia, com a acumulação das tarefas profissionais, domésticas e parentais, a vida sexual é muitas vezes relegada para segundo plano. A falta de tempo para momentos de intimidade, o stress excessivo e a rotina podem agravar as situações de falta de desejo sexual.

Em suma…


As razões que explicam o porquê da sua vida sexual não estar boa podem ser várias. Para além das 4 razões detalhadas anteriormente, a vida sexual pode também afetada pela presença de determinadas doenças físicas, disfunções sexuais, efeitos secundários de alguns medicamentos ou deficiências e desequilíbrios hormonais.

Se a sua vida sexual não está boa e teme o aproximar de uma crise conjugal, procure ajuda especializada. Converse abertamente com o seu médico de família, para que este possa despistar a origem do problema.

Se a causa do problema que interfere com a vida sexual for orgânica será necessário o encaminhamento para determinadas especialidade médicas, tais como ginecologia ou endocrinologia. Por outro lado, se os fatores psicológicos e da relação a dois forem o entrave, é natural que seja encaminhado para um profissional da área da saúde mental.

Veja também:

Psicóloga Ana Graça Psicóloga Ana Graça

Mestre em Psicologia, pela Universidade do Minho, com a dissertação “A experiência de cuidar, estratégias de coping e autorrelato de saúde”. Especialização (Pós-Graduada) em Neuropsicologia Clínica, Intervenção Neuropsicológica e Neuropsicologia Geriátrica. Membro efetivo da Ordem dos Psicólogos Portugueses, com especialidade em Psicologia Clínica e da Saúde e Neuropsicologia. Para além da Psicologia é apaixonada por viagens, leitura, boa música, caminhadas ao ar livre e tudo o que proporcione felicidade!