Publicidade:

Molho de francesinha: a história original e receitas

Poucos conhecem os segredos da receita original do molho de francesinha, mas temos para si algumas das receitas mais semelhantes (e praticamente com o mesmo sabor).

 
Molho de francesinha: a história original e receitas
Um molho cheio de segredos e de sabores

A francesinha é tida como uma das 10 melhores sanduíches do mundo e um dos símbolos do Porto. A história desse prato, conforme conta o site Portugal Lés a Lés, começa em 1952, no restaurante “A Regaleira”. Naquele ano, um senhor chamado António Passos foi a França e lá conheceu um barman num hotel, era Daniel David da Silva. António convidou-o para trabalhar com ele no seu restaurante no Porto e Daniel assim o fez. Foi este homem o criador do molho de francesinha.

Daniel, recém-chegado ao novo trabalho, resolveu criar uma nova sandes para aproveitar as carnes e os fumados portugueses. Para cobrir, criou um molho forte e picante ao qual chamou de francesinha, porque gostava da elegância das mulheres francesas e as achava “picantes”. Portanto resolveu homenageá-las com seu molho especial.

A receita do molho criado para o restaurante, que é a verdadeira, está guardada num cofre. São poucas as pessoas do restaurante que a conhecem, razão pela qual não há como descrevê-la na perfeição. O que dizem os detentores da receita é que leva cerveja, tomate e malagueta. Assim, selecionamos algumas das receitas consideradas que reproduzem (quase) fielmente a receita original.

Molho de francesinha: algumas das melhores receitas


1. Molho de francesinha à moda do Porto

Molho de francesinha

Esta receita leva os ingredientes mencionados na receita original e mais alguns que acredita-se também fazer parte da verdadeira.

– Ingredientes –

  • 1 cebola pequena
  • 1 dente de alho
  • 1 colher de sopa de azeite
  • 1 folha de louro
  • 1/2 cubo de caldo de carne
  • Polpa de tomate
  • 33 ml de cerveja
  • 3 colheres de sopa de vinho de Porto
  • 1 colher de sopa de whisky
  • 1 colher de sopa de salsa inglesa
  • 1 colher de sopa de vinho branco
  • 1 colher de sopa de maisena
  • Sal e piri-piri q.b.

– Modo de preparação –

  1. Começar por refogar em azeite a cebola picada e o alho.
  2. Quando estiverem dourados acrescentar a folha de louro, uma colher de sopa de vinho branco e de uma cerveja e deixar que ferva.
  3. Acrescentar 5 colheres de sopa de polpa de tomate, juntar meio cubo de caldo de carne e um pouco de sal.
  4. Acrescentar 3 colheres de sopa de vinho de Porto, duas colheres de sopa de whisky e uma de molho inglês.
  5. Deixar que ferva um bocadinho e temperar com piri-piri
  6. À parte, deitar num copo uma colher de sopa de maisena e um pouco de água para dissolvê-la,  juntar ao molho aos poucos até que adquira consistência ao gosto.
  7. Retirar o recipiente do fogo, retirar a folha de louro e, com uma varinha mágica, misturar tudo bem.

2. Molho de francesinha simples

Molho de francesinha simples

Esta é uma das receitas alternativas do molho de francesinha que leva menos ingredientes.

– Ingredientes –

  • 1 cubo de tempero
  • 1 cálice de vinho do porto
  • 1 cerveja
  • 1 colher de sopa de maisena
  • 1 colher de sopa de margarina
  • 1/2 copo de leite
  • 2 colheres de sopa de polpa de tomate
  • 2 folhas de louro
  • Piripiri

– Ingredientes para a sanduíche –

  • 2 fatias de pão de forma alto
  • Queijo a gosto
  • 2 fatias de fiambre
  • 1 bife de vaca
  • 1 linguiça

– Modo de preparação –

  1. Começar pelo molho: levar o cubo de tempero e a cerveja ao lume. Quando o cubo de tempero se dissolver, adicionar os restantes ingredientes do molho, à exceção do leite e da farinha maisena. Mexer sempre durante cerca de 5 minutos.
  2. À parte, misturar a farinha maisena ao leite frio. De seguida acrescentar ao preparo anterior e mexa sempre até engrossar.
  3. Depois de engrossar, deve triturar o preparado muito bem, levando de seguida novamente ao lume durante alguns minutos, mexendo sempre. Por fim, reservar.
  4. Numa frigideira ou num grelhador, grelhar o bife e a linguiça. De seguida montar a sanduíche, colocando o fiambre, o bife e a linguiça cortada em metades, em camadas, sobre uma fatia de pão e tapando no final com a outra fatia. Nesta altura, caso queira um ovo, colocar o ovo estrelado por cima.
  5. Para finalizar, cobrir a sanduíche com o queijo, por todos os lados, regar com o molho e levar ao forno durante 15 a 20 minutos. Está pronta a servir.

3. Molho de francesinha mais picante

molho de francesinha picante

Esta é uma receita com sabor mais picante do que anterior, portanto, pode assemelhar-se mais à original.

– Ingredientes –

  • 1 cebola pequena
  • 1 colher de sopa de azeite
  • 1 dente de alho
  • 1 folha de louro
  • ½ malagueta vermelha
  • ½ lata pequena de tomate pelado em cubos
  • 100 ml de cerveja
  • 50 ml de vinho branco
  • 100 ml de água
  • 1 colher de chá de molho inglês
  • ½ cubo de caldo de carne
  • 1 colher de chá de amido de milho
  • 1 colher de chá de vinho do Porto
  • 1 colher de chá de sal

– Modo de preparação –

  1. Refogar a cebola picada no azeite.
  2. Adicionar o alho picado, a malagueta e a folha de louro.
  3. Acrescentar o tomate, a cerveja, o vinho, a água, o molho inglês e o caldo de carne.
  4. Deixar ferver durante 10 minutos. Temperar de sal.
  5. Adicionar o amido de milho diluído em água fria e o vinho do Porto. Deixar ferver 5 minutos.
  6. Triturar com a varinha mágica.

4. Molho com caldo de marisco

molho de francesinha com caldo de marisco

Esta também é uma das receitas consideradas mais tradicionais, com caldo de marisco e sopa rabo de boi.

– Ingredientes –

  • 1 caldo de marisco
  • 1 sopa rabo de boi
  • 3 cebolas
  • 4 dentes de alho
  • 2 folhas de louro
  • 1 colher de sopa rasa de amido de milho
  • 2 colheres de sopa de polpa de tomate
  • 1 cerveja
  • 1 cálice de whisky
  • 1 cálice de vinho do Porto
  • 1 copo de vinho maduro branco
  • 1 pequeno ramo de salsa
  • Azeite, sal e piri-piri q.b.

– Modo de preparação –

  1. Num tacho, começar por fazer um refogado com o azeite, os alhos picados, as cebolas picadas, as folhas de louro, a salsa e o sal.
  2. Quando alourar, acrescentar um pouco de água e ir mexendo.
  3. Depois, adicionar a cerveja, a polpa de tomate, o piri-piri, as bebidas alcoólicas e deixar cozinhar durante cerca de 10 minutos, mexendo de vez em quando.
  4. Ao fim dos 10 minutos, retirar as folhas de louro.
  5. Triturar tudo muito bem com a varinha mágica ou com um robot de cozinha e reservar.
  6. À parte, preparar a sopa de tomate com o caldo de marisco, seguindo as indicações da embalagem. Quando estiver pronta, acrescentá-la ao molho reservado e passar novamente com a varinha mágica ou robot de cozinha.
  7. Colocar novamente ao lume e deixe apurar alguns minutos (cerca de 10 minutos), mexendo sempre.
  8. Acrescentar o amido de milho diluído num pouco de água para engrossar o molho e para lhe conferir uma textura mais aveludada.

As receitas presentes neste artigo foram adaptadas das páginas Iberismos, À Moda do Flávio, Pingo Doce e N Cultura, respetivamente.

 

Veja também:

Priscilla Fortinho Priscilla Fortinho

Graduada em Comunicação Social, optou por trocar as campanhas publicitárias pela produção de conteúdo para inspirar as pessoas a enriquecerem suas vidas com mais cor, sabor, bem-estar e criatividade.

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].