Porque deve acudir (ou ir ter) com o bebé quando ele chora

Existem teorias que defendem que o bebé deve ser deixado a chorar até adormecer por exaustão. No entanto, isto traz mais malefícios do que benefícios para o bebé.

Porque deve acudir (ou ir ter) com o bebé quando ele chora
Saiba porque não deve deixar o seu bebé a chorar até adormecer.

Muitas vezes os pais sentem-se desgastados porque os seus bebés choram desesperadamente durante a madrugada.

Existem teorias que defendem o método do choro controlado até adormecerem. Nesta técnica, os bebés devem ser deixados a chorar por períodos progressivamente maiores, para eliminar “manhas” e maus hábitos do sono.

O que não falta são teorias. Os pais devem tentar várias técnicas até descobrirem aquela que melhor se adapta a eles. No entanto, está provado que deixar o bebé a chorar traz mais malefícios do que benefícios.

Porque não deve deixar o seu bebé a chorar até adormecer


bebe a chorar

1. Acalmar-se sozinho

O método do choro controlado defende que os bebés têm que aprender a acalmar-se sozinhos e aprender a adormecer sem a ajuda dos pais.

Se deixar o seu bebé a chorar e não responder ao seu choro, ele irá eventualmente aprender a confortar-se e adormecer sozinho. Ao fazer isto, a mensagem que está a dar ao seu bebé é que deve desistir de esperar que se importe com ele.

2. Angústia infantil

A angústia interfere com o desenvolvimento cerebral dos bebés. Existem estudos que demonstram que o stress induz a libertação excessiva de cortisol, destruindo conexões nervosas no cérebro do bebé.

O cérebro dos bebés que sofrem situações de stress intenso, têm cérebros mais pequenos do que os outros bebés.

3. Expressão das necessidades

Os bebés choram para demonstrar as suas necessidades. Se não respondemos ao seu choro, não estamos a satisfazer as suas necessidades.

Se o bebé chora e não aparece ninguém para satisfazer as suas necessidades como alimento, conforto ou aconchego, o bebé irá eventualmente deixar de chorar. No entanto, ele irá continuar com fome, com medo, com dor ou triste.

A única vantagem é para os pais que passarão a dormir toda a noite.

4. Desejos dos pais

Os métodos que envolvem o controlo do choro defendem que as necessidades e desejos dos pais estão acima dos do seu bebé.

5. Fases do choro

O método do choro controlado define fases do choro do bebé:

  1. Protesto: choro alto e extrema agitação;
  2. Desespero: choro monótono,com inatividade e retirada emocional;
  3. Desapego: interesse renovado, ainda que seja um interesse remoto e distante.

Deixar o bebé a chorar até que ele desista por exaustão provoca desenvolvimento gradual de apatia.

nao deixar o bebe chorar

6. Hiperatividade e défice de atenção

Existem estudos que comprovam que bebés que foram submetidos ao método de choro controlado tem uma grande probabilidade de desenvolver hiperatividade e déficit de atenção.

7. Dessensibilizar os pais

Este método faz com que os pais sejam dessensibilizados em relação ao choro dos seus bebés. Em termos biológicos, o choro do bebé tem como objetivo ser difícil e insuportável para os pais, para que estes vão depressa atender as necessidades do seu bebé.

Quando os pais não vão atender ao choro do seu bebé, isto implica que tenham de desligar a sua resposta biológica natural ao sons de angústia do seus bebé.

8. Cortisol

O fato de o bebé parar de chorar por exaustão e adormecer, não é saudável. Porém, quando os pais deixam de ouvir o bebé a chorar, os seus níveis de cortisol descem, porque a sua preocupação deixa de existir.

Em contrapartida, os elevados níveis de cortisol no bebé que se produzem durante o choro, mantêm-se assim durante 3 ou 4 dias. Isto provoca danos nas redes neuronais do bebé.

9. Atrasos motores

Decorreram investigações que comprovam que bebés que foram deixados a chorar, sem resposta dos pais, apresentam um QI mais baixo e atrasos no desenvolvimento da motricidade fina.

10. Controlo das emoções

Descobriram ainda que bebés que choram demasiado durante os primeiros meses, não têm tanto controlo das suas emoções, tornando-se bebés mais exigentes em termos de consolo.

Para além disso, estes bebés têm um choro mais irritante, e têm mais dificuldade a tornarem-se independentes conforme vão crescendo.

Veja também:

Enfª Isabel Silva Enfª Isabel Silva

Isabel Silva é enfermeira por paixão, licenciada pela Escola Superior de Enfermagem do Porto. Sempre quis seguir a área da saúde e acredita que a informação é uma ferramenta essencial para a saúde da população, e que cabe aos profissionais de saúde transmiti-la de forma relevante e fidedigna para que cada indivíduo seja capaz de tomar decisões importantes relativamente à sua saúde e ao seu bem-estar.