Farinha de pau: receitas e benefícios associados ao seu consumo

É fã da farinha de pau desde pequeno? Conheça melhor este alimento e veja quatro receitas deliciosas e diferentes para fazer com a farinha de pau.

Farinha de pau: receitas e benefícios associados ao seu consumo
Conheça melhor este alimento tão consumido.

Quem não se lembra da farinha de pau feita pelas nossas mães ou avós? Um alimento presente ao longo de muitas gerações, a farinha de pau (ou farinha de mandioca) é feita a partir da raiz da mandioca, que é devidamente preparada, sendo cozida, seca e, por fim, moída.

É um alimento muito utilizado porque, para além de ser barato e muito rentável, tem bastante interesse nutricional.

5 benefícios do consumo da farinha de pau


1. Riqueza nutricional

farinha de pau mandioca

A farinha de pau é um alimento interessante do ponto de vista nutricional. Para além de ser rica em hidratos de carbono complexos, tem um considerável teor de fibra, vitaminas do complexo B e minerais, como o cálcio, o zinco e o potássio.

Este alimento não tem na sua composição gordura, sendo uma excelente alternativa a outros alimentos ricos em colesterol e gordura saturada.

2. Prevenção e controlo da hipertensão arterial

farinha de pau medicao tensao arterial

Devido ao seu teor em potássio, a farinha de pau ajuda a controlar o tensão arterial por ter um efeito vasodilatador. Para além disso, este mineral também manifesta benefícios ao nível da prevenção de cãibras e favorece a contração muscular.

3. Fonte de energia rápida

farinha de pau mulher cheia de energia

Por ser um alimento rico em hidratos de carbono, esta farinha é um excelente aliado para situações em que precisa de obter energia rapidamente para algum tipo de atividade física.

Os hidratos de carbono são facilmente convertidos em glicose, um tipo de açúcar essencial para inúmeras funções do organismo, tais como a contração e recuperação muscular. É, portanto, uma excelente opção para refeições pré ou pós-treino.

No entanto, será de notar que este elevado teor de hidratos de carbono poderá não ser tão vantajoso em dietas de perda de peso, pelo que, nesses casos, deverá aconselhar-se junto do seu nutricionista acerca da quantidade indicada para si.

4. Indicada para doentes celíacos

farinha de pau doenca celiaca

Por não conter glúten, a farinha de pau é uma excelente alternativa a outras farinhas, como de trigo, de centeio ou de cevada, para quem sofre de doença celíaca.

5. Fácil digestão

farinha de pau mulher a fazer a digestao

A farinha de pau, por ser um alimento que não tem gordura e um baixo teor de proteína, é facilmente digerida, um excelente motivo pelo qual é introduzida desde cedo na alimentação das crianças. Para além disso, o seu teor de fibra torna-a interessante do ponto de vista de regulação do apetite e do trânsito intestinal.

4 receitas deliciosas com farinha de pau


farinha de pau com frutos secos

1. Farinha de pau à Pescador

– Ingredientes –

  • 1 dente de alho
  • 1 cebola pequena
  • 60g de peixe (pescada, por exemplo)
  • 30g de camarão descascado
  • 1 cenoura pequena
  • 1/2 curgete
  • 4 colheres de sopa de farinha de pau
  • 1 colher de chá de azeite
  • Água q.b.
  • Sal q.b.
  • Salsa fresca q.b

– Modo de preparação –

  1. Cozer o peixe e o camarão em água, com sal, o dente de alho e salsa e, quando terminado, reservar a água de cozedura;
  2. Numa taça, dissolver a farinha de pau num pouco de água da cozedura do peixe morna;
  3. Fazer um refogado com o azeite, a cebola picada, a curgete e a cenoura raspadas e um pouco de água de cozedura do peixe;
  4. Desfiar o peixe cozido, retirando todas as espinhas;
  5. Juntar ao refogado a mistura da farinha de pau, sempre a mexer;
  6. Acrescentar o peixe e os camarões e mexer bem;
  7. Adicionar a água de cozer o peixe necessária para obter a consistência desejada e retificar temperos;
  8. Servir quente.

2. Farinha de pau de peru e abóbora

– Ingredientes –

  • 1 dente de alho
  • 1 cebola pequena
  • 1 chuchu pequeno
  • 40g de abóbora partida em cubinhos
  • 120g de peito de peru
  • 4 colheres de sopa de farinha de pau
  • 1 colher de chá de azeite
  • Água q.b
  • Sal q.b

– Modo de preparação –

  1. Cozer a abóbora e o chuchu partidos em cubos pequenos com o peru em água com sal;
  2. Com um pouco da água de cozedura morna, dissolver a farinha de pau;
  3. Fazer um refogado com o azeite, a cebola e o alho picados e um pouco de água de cozedura;
  4. Adicionar a mistura da farinha de pau e deixar ferver, mexendo sempre;
  5. Adicionar água da cozedura até obter a consistência desejada;
  6. Acrescentar o peru desfiado, o chuchu e a abóbora;
  7. Servir quente.

3. Farinha de pau vegetariana

– Ingredientes –

  • 1 dente de alho
  • 1 cebola pequena
  • 1 cenoura pequena
  • 1 curgete
  • 60g de cogumelos laminados
  • 1 tomate maduro
  • 1 colher de chá de azeite
  • Água q.b.
  • Sal q.b.
  • Salsa fresca q.b

– Modo de preparação –

  1. Cortar a curgete e a cenoura em cubos pequenos;
  2. Cozer esses legumes em água, com sal, o dente de alho e salsa e, quando terminado, reservar a água de cozedura;
  3. Numa taça, dissolver a farinha de pau num pouco de água da cozedura morna;
  4. Fazer um refogado com o azeite, a cebola picada, a curgete e a cenoura cozidos, os cogumelos, o tomate maduro descascado e partido em pedaços e um pouco de água de cozedura;
  5. Juntar ao refogado a mistura da farinha de pau, sempre a mexer;
  6. Adicionar a água de cozedura necessária para obter a consistência desejada e retificar temperos;
  7. Servir quente com um ramo de salsa.

4. Farinha de pau de banana com canela

– Ingredientes –

  • 0,5L de leite magro
  • 2 paus de canela
  • 2 bananas
  • 3 colheres de sopa de farinha de pau
  • Casca de limão q.b.
  • Stevia em pó q.b

– Modo de preparação –

  1. Aquecer um pouco o leite, por exemplo, no micro-ondas;
  2. Com um pouco de leite morno, dissolver numa taça a farinha de pau;
  3. Num tacho, colocar o restante leite, a canela, a casca de limão, a stevia e a mistura da farinha de pau;
  4. Deixar ferver, mexendo sempre, até obter a consistência desejada;
  5. Partir a banana em rodelas e misturar;
  6. Desligar o lume e servir quente;
  7. Decorar a gosto, por exemplo, com um fio de mel e canela em pó.

> A última receita presente neste artigo foi adaptada da página Nutrição com coração.

Veja também:

Nutricionista Carolina da Costa Arcanjo Nutricionista Carolina da Costa Arcanjo

Mulher, tripeira e Nutricionista (C.P. 2181N). É licenciada em Ciências da Nutrição pela Universidade Católica Portuguesa e autora do blog "Comer para crer". Desenvolveu atividade em várias áreas da Nutrição, mas a paixão pela área clínica e pela comunicação tem prevalecido.

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].