Os 8 erros mais comuns de quem tenta emagrecer

Está a tentar perder peso? Fique a saber ao longo do artigo se está a cometer algum dos erros mais comuns de quem tenta emagrecer. Consiga o seu objetivo.

Powered by: BodyScience
Os 8 erros mais comuns de quem tenta emagrecer
Saiba o que não deve fazer se está a tentar emagrecer.

Precisa de perder uns quilos a mais e já decidiu alterar o seu estilo de vida? Perfeito. Agora, é importante que entenda que é fundamental seguir um plano individualizado e traçado ao seu objetivo para que os resultados sejam favoráveis. No entanto, nem sempre se tomam as decisões mais adequadas e nós mostramos-lhe os erros mais comuns de quem tenta emagrecer.

8 Erros mais comuns de quem tenta emagrecer


1. Dietas sem orientação nutricional

erros mais comuns de quem tenta emagrecer nutricionista

As dietas que muitas vezes ouvimos falar entre colegas e familiares ou que encontramos aleatoriamente na internet podem ser uma grande ameaça ao sucesso da perda de peso e um dos erros mais comuns de quem tenta emagrecer. Geralmente bastante atrativas, com uma grande componente de marketing associada, podem comprometer os seus resultados e serem prejudiciais para a sua saúde, nomeadamente ao nível da privação de nutrientes.

Não se esqueça que nenhuma delas é adaptada para si e para as suas necessidades. O que acontece grande parte das vezes é que, mesmo que consiga perder um peso significativo numa fase inicial, torna-se bastante complicado manter esses resultados, uma vez que a base de grande parte dessas dietas não são sustentadas em princípios alimentares fundamentais, como o equilíbrio e a variedade de alimentos.

Consequentemente, a frustração e ansiedade serão inevitáveis, o que a levará a desistir e possivelmente querer experimentar uma outra dieta que levará ao mesmo, culpabilizando-se do insucesso dos seus resultados. Problemas de saúde e estéticos associados à perda e ganho de peso recorrentes serão nestes casos inevitáveis, tais como o aparecimento mais frequente de estrias e celulite, por exemplo.

Pode-lhe parecer contraditório, mas o equilíbrio também lhe irá permitir perder peso de forma rápida e manter esses resultados por muitos mais tempo. Por isso, toma o primeiro passo e consulte um nutricionista, o profissional indicado para o orientar no sentido correto.

 2. Saltar refeições

erros mais comuns de quem tenta emagrecer pratos e talheres

Por vezes, mesmo sob orientação nutricional, muitas pessoas consideram que, se não estão com fome, será positivo não fazer determinada refeição previamente estipulada, que poderá ser um lanche da manhã ou da tarde, mas também uma refeição principal.

Apesar de parecer lógico, porque se vamos comer menos, diminuímos o aporte energético e emagrecemos, este pensamento está errado. É verdade que numa dieta de emagrecimento necessitamos de menor aporte energético, nomeadamente em algumas refeições como o jantar, mas as suas necessidades individuais já deverão estar ajustadas no seu plano alimentar, pelo que todas as refeições são fundamentais.

 3. Pesar-se diariamente

erros mais comuns de quem tenta emagrecer balanca peso

Este é também um dos erros mais comuns de quem tenta emagrecer. Em primeiro lugar, viverá de forma muito mais intensa, com muita ansiedade associada, todo o processo de emagrecimento. O peso não baixará de forma significativa de dia para dia e existem vários fatores que podem contribuir para oscilações ligeiras de peso, como a menstruação ou a prática de exercício físico intenso nas 24 horas anteriores.

Para além disso, durante este processo, o normal é que inicie ou intensifique a prática de exercício físico, o que irá contribuir para a diminuição de massa gorda, mas aumento da massa muscular, pelo que o peso por si só não será um bom indicador de perda de peso.

 4. Não definir uma meta

erros mais comuns de quem tenta emagrecer nutricionista e paciente

É muito importante que, juntamente com o seu nutricionista, definam uma meta, mais do que para o seu peso, para os seus valores de massa gorda e massa muscular. Essa meta deverá incluir valores exequíveis, saudáveis e ajustados para si, que sejam também do seu agrado. Assim, terá uma objetivo concreto para alcançar, o que o motivará diariamente.

Os bons resultados exigem bastante persistência e é fundamental que se sinta motivado e, para isso, ter um caminho delineado é fundamental.

 5. Comparar resultados com outras pessoas

erros mais comuns de quem tenta emagrecer comparar resultados

Comparar a sua situação com a dos seus amigos ou familiares é um erro muito frequente que condiciona quase sempre o sucesso dos seus resultados.

É fundamental que compreenda que cada pessoa tem condições específicas, muito diferentes das suas, que o levarão a alcançar os seus objetivos: diferentes hábitos alimentares, rotinas, estado de saúde, antecedentes pessoais, histórico familiar, composição corporal, nível de atividade física, entre muitos outros. Assim, é muito importante concentrar-se na sua situação específica e nos seus objetivos. E acima de tudo, respeitar o seu corpo, o seu organismo e o seu tempo.

6. Desvalorizar a reeducação alimentar

erros mais comuns de quem tenta emagrecer alimentacao saudavel

A reeducação alimentar é a melhor estratégia para emagrecer de forma saudável e manter a sua condição física ao longo do tempo, diminuindo o risco de voltar a engordar. Isto inclui comer um pouco de tudo, de forma equilibrada e variada, melhorando os seus hábitos alimentares no presente, consequentemente, no futuro.

Existem várias dicas e conceitos que o seu nutricionista lhe irá transmitir, subjacentes ao processo de reeducação alimentar, baseadas na Roda dos Alimentos, que serão fundamentais ao longo de todo o processo e de toda a vida.

 7. Recorrer a medicação sem prescrição médica

erros mais comuns de quem tenta emagrecer medicacao

Durante o processo de perda de peso pode haver desmotivação pela falta ou inconsistência dos resultados, havendo assim a procura a alternativas que têm aparentemente resultados mais rápidos, esquecendo a gravidade das consequências que pode ter para a saúde.

Existem alguns sintomas graves que poderão ser sentidos num período mais imediato, como enjoos, insónias, dependência e desequilíbrios hormonais, mas também consequências a médio e longo prazo muito nefastas para a saúde.

A não ser que o seu médico considere que necessita de um tipo de medicação específica para alguma complicação de saúde, é muito importante que não se automedique. Esta medida não será a solução para emagrecer de forma saudável, para obter resultados prolongados, para respeitar o seu corpo nem para manter o seu bem-estar físico e psicológico.

8. Não praticar exercício físico

erros mais comuns de quem tenta emagrecer sedentarismo

A prática do exercício físico é o melhor amigo de uma alimentação adequada perante situações de perda de peso. Isto porque, além de ajudar a gerir a ansiedade que normalmente surge associada a uma dieta de emagrecimento, será o fator que contribuirá para um gasto energético e, assim, para o emagrecimento. Mas atenção, quando falamos em emagrecimento, não significa apenas perda de peso.

É muito importante considerar que quando falamos em emagrecimento, conforme já foi referido, o principal objetivo é a perda de massa gorda, que irá naturalmente diminuir o volume e peso corporais.

No entanto, é natural que, se está a iniciar a prática de exercício físico com uma intensidade superior ao que habitualmente fazia, a sua composição corporal no geral se altere, que o seu teor de massa muscular aumente e, consequentemente, o seu peso não diminua de forma proporcional à perda de massa gorda. Por isso, mais uma vez relembramos a importância de avaliar a sua evolução considerando a composição corporal, acompanhado por um especialista.

Tenha também em consideração que pode praticar qualquer tipo de atividade física que lhe dê prazer e que seja adequada à sua condição física e de saúde, que poderá incluir exercícios de musculação, mas também piscina, desportos de grupo, exercício ao ar livre, entre muitos outros. O importante é que se sinta bem e motivado e não deixe de praticar exercício físico.

Nas Clínicas BodyScience irá encontrará profissionais experientes que acompanham e motivam os seus clientes para que consigam atingir os resultados pretendidos o mais rapidamente possível, de forma individual, de modo a ser feito um plano alimentar específico e dinâmico que é atualizado, de forma regular, indo de encontro às necessidades de cada corpo.

>> Marque aqui a sua primeira consulta de avaliação gratuita.

Veja também:

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].