Publicidade:

Como tratar e prevenir a dor ciática na gravidez

A dor ciática na gravidez é um problema frequente que surge devido à sobrecarga da coluna lombar associada ao rápido aumento de peso e adoção de posturas pouco corretas.

 
Como tratar e prevenir a dor ciática na gravidez
Este problema é mais frequente na segunda metade da gravidez.

dor ciática na gravidez é um problema frequente, uma vez que o rápido aumento de peso da barriga provoca esforço sobre a coluna lombar, podendo comprimir o nervo ciático.

A dor ciática surge na coluna lombar, desce pela região glútea até à porção posterior da coxa e perna, acompanhando o trajeto do nervo ciático.

Este problema surge mais frequentemente ma segunda metade da gravidez quando a grávida tende a mover a pélvis para a frente, para melhorar o equilíbrio. Desta forma, adota posturas corporais que não são as mais corretas e que podem provocar lesões na coluna lombar, levando ao aparecimento da dor ciática.

Qual é a causa da dor ciática na gravidez?


dor ciatica na gravidez e forte curvatura lombar

A dor ciática na gravidez deve-se principalmente a dois fatores:

  • Aumento da curvatura da coluna lombar, devido ao aumento do volume do abdómen;
  • Aumento rápido de peso e consequente aumento da pressão exercida sobre a coluna vertebral.

Estes dois fatores provocam tensão e compressão muscular na região lombar e, para além disso, podem provocar compressão das raízes do nervo ciático nessa região, levando ao aparecimento da dor ciática.

Tratamento da dor ciática na gravidez


uso de cintas para apoio na gravidez

O tratamento para a dor ciática na gravidez deve ser recomendando pelo médico assistente ou fisioterapeuta. Este consiste na realização de técnicas de alongamento e relaxamento dos músculos das costas e glúteos.

A utilização de medicamentos deve ser utilizada apenas quando a dor for de grande intensidade e sempre só e apenas sob recomendação médica, devido ao risco de malformação do bebé.

Fisioterapia

A realização de sessões de fisioterapia, com recurso a utilização de aparelhos, técnicas manuais e aplicação de calor, é uma boa opção para ajudar a aliviar a dor e a inflamação do nervo ciático, uma vez que melhoram a circulação sanguínea na região afetada e o estiramento dos músculo.

Os exercícios para fortalecimento e relaxamento dos músculos podem ser feitos fora das crises de dor ciática.

Também podem ser aplicadas fitas específicas com o objetivo de dar um melhor apoio para a barriga, diminuindo a dor lombar.

Massagens

A realização de massagens relaxantes, com o auxílio de óleos ou creme hidratante ajuda a diminuir a tensão muscular na coluna vertebral e nos glúteos, ajudando a diminuir a compressão do nervo ciático.

Aplicação de calor

Um banho quente ou a aplicação de compressas ou panos quentes na região afetada ajuda a aliviar a dor ciática na gravidez, uma vez que provoca o relaxamento muscular e favorece a circulação sanguínea para essa região.

Terapias alternativas

Terapias alternativas como a acupuntura e a reflexologia podem ajudar a aliviar os sintomas da dor ciática na gravidez, pois promovem o relaxamento dos músculos diminuindo o desconforto provocado pela dor.

Exercício

Exercícios leves de fortalecimento e alongamento devem ser realizados diariamente para ajudar a alongar e fortalecer os músculos da região lombar, glúteos e pernas, de forma a diminuir a compressão do nervo ciático.

Prevenção da dor ciática na gravidez


exercicio fisico na gravidez

Para prevenir o aparecimento de crises de dor ciática na gravidez é importante ter em consideração as seguintes recomendações:

  • Praticar exercício físico para fortalecer a musculatura das costas e diminuir a compressão da coluna, sempre sob orientação médica;
  • Evitar o aumento excessivo de peso que pode provocar sobrecarga na coluna lombar e consequente compressão do nervo ciático, provocando dor e desconforto;
  • Utilizar faixas ou cintas de gravidez para ajudar a apoiar a barriga e a coluna lombar e melhorar a postura evitando, deste modo, a sobrecarga da coluna;
  • Adotar uma postura ereta em todas as posições para evitar a sobrecarga da coluna. Durante o sono, é recomendado que a grávida utilize uma almofada entre as pernas, quando estiver deitada de lado, ou por baixo dos joelhos quando estiver deitada de barriga para cima.

Veja também:

Enfª Isabel Silva Enfª Isabel Silva

Isabel Silva é enfermeira por paixão, licenciada pela Escola Superior de Enfermagem do Porto. Sempre quis seguir a área da saúde e acredita que a informação é uma ferramenta essencial para a saúde da população, e que cabe aos profissionais de saúde transmiti-la de forma relevante e fidedigna para que cada indivíduo seja capaz de tomar decisões importantes relativamente à sua saúde e ao seu bem-estar.

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].