Publicidade:

Conselhos úteis para a ajudar a engravidar rapidamente

Não existe uma fórmula mágica para engravidar, no entanto, seguindo algumas dicas e cuidados, poderá conseguir o tão desejado positivo, em pouco tempo.

 
Conselhos úteis para a ajudar a engravidar rapidamente
Saiba como aumentar a família.

Nem sempre o casal sabe os cuidados que deve de ter quando pretende aumentar a família e, por vezes, há aspetos simples que deve ter em consideração para conseguir engravidar. pelo que

Se está a pensar nisso, vamos abordar alguns conselhos para a ajudar a engravidar de forma saudável e, preferencialmente, célere. A ansiedade ou o stress podem dificultar o processo, por isso, comece por relaxar e enfrentar este período de forma positiva.

5 CONSELHOS PARA A AJUDAR A ENGRAVIDAR


1. CONHEÇA O SEU CICLO

engravidar calcular periodo fertil

É essencial a mulher conhecer o seu ciclo de forma a, facilmente, conseguir identificar os dias em que está mais fértil e, com o parceiro, ter relações sexuais, favorecendo a fecundação.

O ideal seria que, desde a primeira menstruação, as mulheres fizessem um registo detalhado dos seus ciclos, de forma a identificarem a janela fértil, ou seja, os dias em que o corpo está preparado para conceber, que é um período reduzido (cerca de seis dias), a meio do ciclo.

Em ciclos regulares, a ovulação ocorre, mais ou menos, pelo 14º dia, no caso de ciclos irregulares é um pouco mais complicado.

Para perceber quando está perto da ovulação só há duas coisas a fazer: estar atenta ao seu corpo ou fazer testes de ovulação (à venda em farmácia).

Em qualquer um dos casos, importa estar atenta ao muco cervical (uma substância idêntica à clara de ovo) que é libertado alguns dias antes da ovulação e, a partir daí, o caminho está livre para namorar.

2. CONSULTE O SEU MÉDICO

engravidar mulher a falar com medica

Ainda antes de começar as tentativas para engravidar deve consultar o seu médico ginecologista/obstetra ou de clínica geral, para que este lhe transmita todos os cuidados especiais que deve ter em conta nesta fase.

Por exemplo, três meses antes de tentar engravidar deve de iniciar a toma de ácido fólico para prevenir doenças graves e malformações fetais e consequentemente, abortos indesejados.

Para além disto, deverá de fazer um check-up geral e realizar algumas análises e exames para averiguar a sua saúde, principalmente a reprodutora.

3. TENHA UMA ALIMENTAÇÃO VARIADA, EQUILIBRADA E SAUDÁVEL

engravidar mulher com alimentos saudaveis

Quando está a tentar engravidar, mais do que nunca, deve ter cuidado com a alimentação, devendo de evitar uma alimentação processada (por exemplo, fast food).

O seu médico saberá indicar-lhe a dieta mais adequada, de acordo com o seu historial clínico, porém, o truque é simples, ou seja, deve de diariamente fazer seis a sete refeições (de 3 em 3 horas) de pequena a moderada quantidade, devendo ser variada.

Deve de investir nos alimentos enriquecidos com ácido fólico, que são os vegetais de cor verde-escura, porque eles contribuem na correta formação do bebé, evitando problemas como o mau fechamento do tubo neural.

Não se esqueça de ingerir no mínimo oito copos de água por dia, idealmente deverá de beber 1,5 litros de água ou tisanas ou chás sem cafeina, de forma a manter-se hidratada, evitar a famosa retenção de líquidos e infeções urinárias.

Deve ter especial atenção à redução ou eliminação de substâncias como: tabaco, álcool e drogas, enchidos, refrigerantes, produtos de pastelaria, produtos processados, mariscos, carne mal passada, peixe cru, fruta e legumes mal lavados, entre outros.

4. FAÇA (MUITO) SEXO!

engravidar casal na cama

Este conselho é um dos mais fáceis de colocar em prática e o mais prazeroso, por isso relaxe e tente obter prazer durante o ato.

Deve aumentar a frequência com que tem relações com o seu companheiro, sendo que, os especialistas recomendam que, durante o mês, tenha relações sexuais três vezes por semana, todas as semanas. Assim, mesmo que não saiba em que data é a ovulação, tem mais probabilidades de acertar.

Se souber a data da sua ovulação, deverá iniciar as relações sexuais 3 dias antes dessa data e ter relações dia sim, dia não, durante esse período.

5. PRatique EXERCÍCIO FÍSICO REGULARmente

engravidar casal a correr na rua

Um dos melhores conselhos para a ajudar a engravidar consiste na prática regular de desporto, quer pela mulher como pelo homem, pois:

  • Melhora a circulação sanguínea;
  • Aumenta a produção e a qualidade dos espermatozoides;
  • Diminui a ansiedade e o stress;
  • Melhora o controle hormonal.

 

QUAIS SÃO AS MELHORES POSIÇÕES PARA ENGRAVIDAR?


Não é certo que as posições sexuais tenham qualquer influência numa gravidez, todavia, quando se trata de tentar engravidar, toda a ajuda é bem-vinda. Por isso, o nosso conselho é simples: experimente várias posições e divirta-se!

De acordo com as sugestões dos especialistas, posições que permitam uma elevação da vagina e uma penetração mais profunda são as melhores para ajudar os espermatozoides a alcançar a meta.

Os mesmos especialistas defendem que após a ejaculação no interior da vagina, a mulher deverá permanecer em decúbito dorsal (com a barriga virada para cima), sem se limpar, com uma almofada por baixo da anca e elevando as pernas durante 15 a 30 minutos, para favorecer a fecundação.

E SE NÃO CONSEGUIR ENGRAVIDAR?


engravidar tratamentos de fertilidade

Nem sempre se consegue engravidar facilmente e ainda que uma gravidez depois dos 35 ou dos 40 anos possa acontecer naturalmente e sem dificuldade, a verdade é que, para as mulheres, a partir dos 35 anos, a probabilidade de conseguir engravidar reduz drasticamente.

Mas a idade também afeta o parceiro masculino, pois a qualidade dos espermatozoides pode reduzir com a idade, especialmente, quando existem problemas com a qualidade do esperma ou a ejaculação.

No caso de realizar os inúmeros conselhos para a ajudar a engravidar referidos anteriormente e não obter sucesso, deverá de consultar um especialista em fertilidade de forma a verificar qual o problema e iniciar um tratamento médico adequado ao seu caso clinico.

Veja também:

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].