Como fazer ovos da Páscoa: todos os truques e dicas

Se os ovos de chocolate são uma presença assídua na sua Páscoa, porque não fazê-los você mesmo? Nós ajudamos. Saiba como fazer ovos da Páscoa.

Como fazer ovos da Páscoa: todos os truques e dicas
Faça os seus ovos de chocolate e maravilhe miúdos e graúdos nesta Páscoa.

Por altura da Páscoa, os hipermercados são inundados não só com amêndoas de vários tipos, mas também com os tradicionais ovos de chocolate, que ainda que sejam destinados às crianças, se tornam irresistíveis até mesmo para os adultos.

E porque as tradições podem ser mais do que um momento de gula, que tal aprender como fazer ovos da Páscoa?

Como fazer ovos da Páscoa?


como fazer ovos da páscoa

Fazer ovos de chocolate da Páscoa em casa é mais simples do que possa pensar. Eis os utensílios que vai precisar:

  • Forma/molde de ovos (pode ser de plástico ou de silicone – disponíveis em qualquer hipermercado ou loja que comercialize utensílios de pastelaria);
  • Pincel;
  • Papel de alumínio colorido, papel celofane e/ou fitas para decorar (opcional).

Agora vamos ao que interessa: a receita. Tudo o que precisa para saber como fazer ovos da Páscoa, de acordo com o blog Para Mim.

– Ingredientes –

  • 100g de chocolate preto, de leite ou chocolate branco

– Modo de preparação –

  1. Comece por picar o chocolate em pedaços. Depois coloque numa taça de vidro e, por sua vez, coloque a taça sobre um panela com água a ferver, em lume brando, sem que a água toque no vidro, e derreta o chocolate em banho-maria.
  2. Vá mexendo até que o chocolate esteja totalmente derretido e suave.
  3. Depois, com um pincel (limpo e seco), distribua uma camada de chocolate pela superfície do molde dos ovos e deixe repousar, para solidificar. Pode colocar no frigorífico, durante cerca de três minutos, para acelerar o processo.
  4. Depois repita o processo, até ter quatro camadas de chocolate nos moldes.
    Quando estiver solidificado, remova o chocolate dos moldes (tendo o cuidado para tocar o menos possível no exterior do ovo).
  5. Aqueça uma espátula de metal em água a ferver e seque-a de seguida. Passe a espátula sobre as bordas do ovo para que fiquem ligeiramente derretidas e cole as duas metades. Pressione durante alguns segundos, para que se fundam e deixe endurecer. Ao fazer este passo, deve ter os ovos num pano para evitar que derretam com o calor das mãos.
  6. Se quiser pode rechear o ovo com algo (um brinquedo, rebuçados ou uma lembrança). Pode ainda embrulhar os ovos com o papel de alumínio colorido ou com papel celofane e decore com as fitas.

E se ainda tem dúvidas, não deixe de espreitar o vídeo abaixo:

A tradição dos ovos da Páscoa


Os ovos da Páscoa não são uma invenção moderna. De facto, os ovos na Páscoa são já uma tradição milenar.

A sua história nas tradições festivas remonta à época dos gregos e os egípcios, que coloriam os ovos de galinha, que eram vistos como sinónimo de fertilidade e renascimento.

A troca dos ovos era feita no Equinócio da Primavera (21 de Março), como forma de assinalar o fim do Inverno e o início da Primavera, esta última uma estação que se caracteriza pelo florescimento da natureza. Nesta altura, era também hábito os agricultores enterrarem ovos pintados (com desenhos relacionados com as plantações típicas da época primaveril), como forma de pedirem uma boa colheita.

A tradição evoluiu e acabou por se integrar nas celebrações mais atuais. Com a celebração da Páscoa cristã, os usos gregos e egípcios (hábitos pagãos) foram incluídos nas tradições da Semana Santa e é, por isso, que ainda hoje se trocam os famosos ovos da Páscoa.

Inicialmente, o que se fazia era pintar ovos de galinha ocos, com cores vivas e alegres, associadas à ressurreição de Cristo. Agora, há quem prefira os, já habituais, ovos de chocolate.

Boa e deliciosa Páscoa!

Veja também: