American Staffordshire Terrier: tudo o que precisa de saber sobre esta raça

O seu porte reflete bem as suas principais características e personalidade. O American Staffordshire Terrier bem pode parecer um cão assustador e intimidante, até porque é uma das principais raças geralmente denominadas de Pit Bulls, mas na verdade trata-se de lealdade para com os donos e a sua forma de os proteger.

American Staffordshire Terrier: tudo o que precisa de saber sobre esta raça
Força e inteligência destacam esta raça notável.

A coragem desta raça de cães é lendária, dado tratar-se, historicamente de um cão de guarda notável, cheio de força e agilidade – como se recolhesse características positivas de várias raças de cães.

Comummente associado à categoria de Pit Bulls, o American Staffordshire Terrier é um cão extremamente inteligente, próximos dos donos, fiel e um excelente companheiro. Contudo, a sua educação não deve ser descurada, antes ajustada de modo a fazer realçar estes pontos, já que pelo seu aspeto físico pode ser considerado um cão feroz, que não vira as costas a um desafio, nem a um potencial perigo.

Não tem dupla personalidade, no sentido de que não se transforma de um cão dócil a um cão com instinto assassino de um momento para o outro. Tudo depende da forma como é treinado e introduzido na sociedade.

Características gerais do American Staffordshire Terrier


O American Staffordshire Terrier é um cão que se adapta facilmente a qualquer pessoa e, dado que não têm muita consciência da sua força e dimensão, pensam muitas vezes ser um cão de colo, sendo eles próprios quem procura o conforto e o carinho dos seus donos.

Precisamente por este motivo, será preferencial não o colocar junto de crianças mais pequenas, pois podem ser magoadas acidentalmente.

Grupo: Grupo 3 – Terriers

Finalidade: cão de guarda

Ambiente ideal: apartamento

País de Origem: Reino Unido

Porte: médio

Altura: de 43cm a 48cm

Peso ideal: de 17kg a 20kg

Cor: unicolor, multicolor ou matizado

Esperança Média de Vida: até 15 anos

Preço médio: de 450€ a 700€

Características específicas do American Staffordshire Terrier


O American Staffordshire Terrier é um cão bastante desconfiado quando se trata de outros cães, principalmente do mesmo sexo. Assim, deve evitar o contacto livre e descontrolado nestas situações. E o mesmo acontece com os gatos ou outros animais, pois se não for educado, o cão irá interpretar aquele ser como uma presa.

São cães que precisam de muita atenção, sob pena de poderem desenvolver comportamentos destrutivos, bem como de gastar muita energia, exigindo-se longos passeios diários, em locais onde possam correr livremente.

Energia
Inteligência
Tolerância ao frio
Tolerância ao calor
Cuidados de higiene
Queda de pelo
Tendência para problemas de saúde
Facilidade de aprendizagem
Socialização com crianças
Socialização com estranhos
Socialização com cães
Socialização com gatos

 

 

Fases da vida do American Staffordshire Terrier


Bebé

1 mês – 1 ano

Adulto

1 – 10 anos

Idoso

10 – 15 anos

Físico do American Staffordshire Terrier


American Staffordshire Terrier

Em termos físicos, a cabeça do American Staffordshire Terrier é medianamente longa, com o crânio largo, orelhas curtas implantadas no alto da cabeça, olhos bem redondos e de cor escura, de estatura baixa e patas ligeiramente afastadas, demonstrando bem a força que realmente tem.

Temperamento do American Staffordshire Terrier


O American Staffordshire Terrier é um cão de personalidade forte, muito ativo e que precisa de muito exercício.

Na hora do passeio, deverá levá-lo sempre preso com a trela, para evitar confrontos com outros animais.

Deverá treiná-lo física e psicologicamente desde cedo. Esta raça precisa de uma liderança forte, mas carinhosa, que consiga lidar bem com a teimosia que lhes é associada.

Problemas de Saúde do American Staffordshire Terrier


Pele

  • Alergias cutâneas.

Sistema cardiovascular

  • Alterações cardíacas.

Ossos

  • Displasia coxofemoral.

Sistema digestivo

  • Alterações endócrinas.

 

Cuidados a ter com o American Staffordshire Terrier


Pelo

  • Escovar duas vezes por semana.

Unhas

  • Se tiver dificuldade em cortar, pela sua dureza, deverá consultar um veterinário, para não causar ferida.

 

Origem do American Staffordshire Terrier


O American Staffordshire Terrier é descendente do Terrier de Staffordshire, raça inglesa utilizada no séc. XIX, para os combates de cães e contra touros.

Após a I Guerra Mundial, os EUA importaram a raça e usaram-na para lutas entre cães – o que em muito despoletou as opiniões menos positivas sobre a raça.

Por outro lado, estes cães eram também utilizados para auxílio da agricultura, nomeadamente por serem bons caçadores de ratos, úteis na caça do porco e ursos, e eles adoravam pessoas.

Nesta altura ainda era considerados Pit Bulls e foi apenas em 1936, que o American Kennel Club aceitou esta raça nos seus registos, dando-lhe o nome de Staffordshire Terrier, passando para American Staffordshire Terrier, em 1972.

Curiosidades sobre o American Staffordshire Terrier


Um cão American Staffordshire Terrier chamado Stubby ganhou a patente de Sargento pelo exército americano e foi o cão mais condecorado da I Guerra Mundial. Este hábito de utilizar cães no exército ainda hoje se mantém, demonstrando a grande força e destreza da


Conheça mais raças de cães:

Todas as raças de cães

Todas as
raças de cães

Raças de cães pequenos

Raças de
cães pequenos

Raças de cães médios

Raças de
cães médios

Raças de cães grandes

Raças de
cães grandes

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].