8 Alimentos para combater o stress: devolva a calma aos seus dias

Os alimentos para combater o stress podem desempenhar um papel fundamental no tratamento deste problema, principalmente se inseridos numa dieta saudável.

8 Alimentos para combater o stress: devolva a calma aos seus dias
Alimentação é a chave para uma vida menos stressada.

Uma boa alimentação é fundamental para a saúde e os alimentos para combater o stress podem ser verdadeiros calmantes.

Portugal é dos países da União Europeia com mais stress e os portugueses estão particularmente suscetíveis ao stress laboral.

Fique a saber tudo sobre esta temática em seguida.

De onde vem o stress?


mulher stressada

Não é só por questões de trabalho que o stress aparece, apesar deste ser um dos principais motivos.

O stress também aparece como consequência de um estilo de vida agitado, problemas familiares e/ou financeiros, preocupações com os estudos ou até mesmo porque se é demasiado exigente para consigo e acaba-se por não aguentar a pressão.

A alimentação pode ter um papel muito importante na recuperação deste tipo de estados de agitação e ansiedade. Ainda que os estados de stress nos levem a ter uma alimentação descuidada e muitas vezes compulsiva, é também através de alimentos para combater o stress que o problema pode ser resolvido.

Escolha entre estes alimentos para combater o stress


Antes de começar, fica aqui uma ressalva: os alimentos que aqui vamos mencionar não são os chamados “alimentos de conforto” que normalmente são ricos em açúcar, gordura e pobres do ponto de vista nutricional.

São sim alimentos que ajudam a prevenir e melhorar os níveis de stress através dos nutrientes que fornecem e que acalmam estados de ansiedade.

1. Chocolate negro

alimentos para combater o stress e chocolate negro partido

O chocolate negro contribui para a diminuição do stress. Um estudo recente concluiu que comer cerca de 40g de chocolate preto por dia durante duas semanas, ajuda a reduzir hormonas relacionadas com o stress.

Os especialistas acreditam que é devido à quantidade de antioxidantes presentes neste tipo de chocolate que isso acontece. Além disso, o chocolate tem uma ação estimulante e anti-depressiva.

 2. Espargos

molho de espargos

A depressão está associada a um baixo nível de ácido fólico. Uma simples porção de espargos é o suficiente para fornecer dois terços do valor diário necessário.

Seja em saladas, grelhados ou assados​​, este alimento é também uma excelente fonte de fibras e vitamina B.

3. Chá

cha de camomila

O chá é das bebidas mais utilizadas pelos consumidores para aliviar os sintomas do stress.

As folhas do chá contêm centenas de compostos bioativos, incluindo aminoácidos, cafeína, linhinas, proteínas, xantinas e flavonóides. Julga-se que a L-Teanina, um aminoácido presente nas folhas de chá, é a responsável pela promoção do relaxamento e alívio do stress, bem como a melhoria da qualidade do sono.

O principal chá dentro desta categoria é o chá de camomila. Já foi demonstrada a sua eficácia em pessoas com transtorno de ansiedade generalizada, onde após oito semanas de tratamento, tiveram uma diminuição significativa nos sintomas de ansiedade.

4. Iogurte

iogurte com morangos

De acordo com a pesquisa crescente que tem vindo a ser feita nesta área, pode haver uma forte ligação entre as bactérias presentes no intestino e a saúde mental.

O cérebro envia sinais para o intestino e é por isso que quando se está stressado, também é comum haver dores de estômago.

O consumo de probióticos do iogurte ajuda a manter as bactérias saudáveis no estômago.

5. Bagas

tigela com framboesas

Todas as bagas, incluindo morangos, framboesas e amoras, são ricas em vitamina C, uma vitamina que se tem mostrado útil no combate ao stress

Além disso, estes frutos possuem antioxidantes capazes de reforçar o sistema imunitário e as defesas do organismo, prevenir o envelhecimento das células, e deixar o organismo mais apto para combater o stress acumulado.

6. Aveia

aveia em tigela branca

Quando estamos num estado de stress, o organismo “pede” hidratos de carbono porque estes aumentam os níveis de serotonina no cérebro, mas é importante escolher alimentos fornecedores de hidratos de carbono complexos que são ricos em fibras para manter os níveis de açúcar no sangue estáveis.

Os flocos de aveia ou a farinha de aveia são, não só um alimento reconfortante com capacidade de regularizar o stress, como também mantêm os níveis de açúcar no sangue estáveis.

7. Peixes gordos

posta de salmao em tabua de madeira

Alimentos como o salmão, o atum ou a sardinha são ricos em ácidos gordos ómega-3, uma gordura saudável que demonstra desempenhar um papel importante na diminuição da ansiedade e dos sintomas de depressão, e ainda melhoram a capacidade para lidar com o stress.

8. Vegetais de folha verde

tigela de espinafres

De acordo com especialistas, legumes e frutas verdes são grandes aliados na produção de dopamina, o químico que ajuda à sensação de calma. São exemplos os espinafres, os agriões, as couves, o feijão-verde, as ervilhas, a maçã, o kiwi e a lima.

Existe inclusivamente um estudo feito que relaciona os estudantes que comem mais frutas e legumes a um estado de calma, energia e alegria mais frequentes.

Em conclusão…


Existem vários alimentos e bebidas que podem ajudar a lidar com sintomas de ansiedade e stress, pois podem reduzir a inflamação e aumentar a saúde do cérebro.

A ingestão de nutrientes específicos, como a vitamina C, ácido fólico, ácidos gordos ómega-3 e outras substâncias ajudam a melhorar os sintomas de stress, e por isso devem ser ingeridos em vez dos chamados “alimentos de conforto” que normalmente são pobres nutricionalmente e ricos em energia, gordura e açúcar.

Veja também: