Publicidade:

6 alimentos a evitar antes de dormir: saiba quais são

Quer tirar o melhor partido de uma boa noite de descanso? Veja a lista de alimentos a evitar antes de dormir e melhore o seu sono e  qualidade de vida.

6 alimentos a evitar antes de dormir: saiba quais são
Saiba o que não comer antes de se deitar

O descanso é uma necessidade fisiológica que todos nós precisamos, mas que é bem mais essencial do que possamos pensar. Para além de nos permitir relaxar, uma boa noite de sono acarreta outros benefícios, nomeadamente para um saudável funcionamento do nosso corpo. Uma alimentação saudável e cuidada é, assim, fundamental ao nosso organismo para atingir o equilíbrio a vários níveis. Do mesmo modo, maus hábitos alimentares podem comprometer esse bem-estar, nomeadamente por prejudicarem a qualidade do sono. Não deixe de conhecer os alimentos a evitar antes de dormir e tire o máximo partido deste período do dia tão essencial.

É precisamente durante este período que o nosso organismo se desenvolve no sentido de manter o equilíbrio de vários sistemas fundamentais, tais como o sistema imunológico, neurológico e endócrino. Nesse sentido, doenças crónicas como a obesidade, a hipertensão arterial, a diabetes, perdas de memória e situações de depressão poderão ser evitadas se garantirmos que esse descanso é feito de uma forma eficaz.

Os 6 alimentos a evitar antes de dormir


1. Bebidas estimulantes

alimentos a evitar antes de dormir chavenas de cafe

Café, bebidas energéticas, bebidas alcoólicas e chás (chás, não infusões) são alguns exemplos de bebidas que deve evitar antes de dormir.

Isto porque, este tipo de produtos têm um efeito estimulante no nosso cérebro, deixando-nos mais despertos e agitados, aumentando a dificuldade em adormecer ou prejudicando a qualidade do sono.

2. Alimentos gordurosos

alimentos a evitar antes de dormir alimentos gordurosos

Estes também são alimentos a evitar antes de dormir, desde refeições preparadas com mais gordura, como alguns assados ou fritos, a produtos como queijos gordos, manteiga ou enchidos. Isto porque, para além da gordura ser um nutriente bastante calórico, o tipo de gordura presente nestes alimentos é de difícil digestão, prolongando o tempo que demora a adormecer e conduzindo a um desconforto digestivo durante a noite.

Nesse sentido, procure fazer refeições mais leves e menos gordurosas à noite e prefira alimentos com um teor de gordura mais reduzido.

3. Picantes

alimentos a evitar antes de dormir picantes

Snacks, molhos ou refeições picantes (que sejam confecionadas com pimentas, piri-piri ou caril, por exemplo) devem ser preferencialmente consumidas durante o dia. Isto porque, a sua ingestão pode provocar situações de azia ou refluxo gástrico, que causam um grande desconforto enquanto estiver deitado.

Ao jantar ou depois dessa refeição, deve optar-se por refeições leves e com condimentos mais aromáticos e de fácil digestão.

4. Doces

alimentos a evitar antes de dormir alimentos muito doces

Neste grupo de alimentos existem vários produtos com açúcares adicionados que, para além de não deverem ser consumidos regularmente durante o dia, à noite devem mesmo ficar esquecidos.

Erradamente, muitas pessoas vêm nos doces uma forma de escape ou compensação, acabando por ceder a essa tentação à noite, o primeiro momento em que muitas vezes conseguem relaxar um pouco. No entanto, a alimentação não deverá ser vista dessa forma compensatória e a ingestão desses produtos açucarados só trará consequências negativas ao funcionamento do seu organismo, por contribuírem para o aumento do peso e para o desenvolvimento de algumas complicações mais graves, como obesidade, diabetes, hipertensão arterial, entre outros.

Para além disso, a qualidade do seu sono também ficará comprometida, já que ao ingerir produtos açucarados irá aumentar significativamente os níveis de açúcar no sangue, gerando um pico de energia, contrariamente ao relaxamento, que seria desejado.

Por isso já sabe, alimentos como chocolates, gomas, sobremesas doces, pastelaria ou bolachas são sem dúvida alimentos a evitar antes de dormir.

5. Brócolos e couve-flor

alimentos a evitar antes de dormir brocolos e couve flor

Existem alguns legumes que, apesar de serem nutricionalmente muito ricos, podem causar algum desconforto abdominal, associado ao inchaço e flatulência. São exemplos destes alimentos os brócolos e a couve-flor que, apesar dessas características, não devem de maneira alguma ficar esquecidos.

Quando os quiser incluir, procure fazê-lo ao almoço, no sentido de evitar que a sua digestão mais difícil e demorada prejudique o seu sono.

6. Aveia

alimentos a evitar antes de dormir aveia em tigela

Para a grande maioria das pessoas, a aveia (especialmente se for consumida em cru) é também um alimento que pode causar algum desconforto abdominal e flatulência.

Apesar de conter melatonina, uma hormona interveniente na indução e regulação do sono, a aveia é muito rica em fibra solúvel, que por vezes causa alguns incómodos abdominais associadas à sua digestão mais lenta.

Se este for o seu caso, evite fazer refeições como aveia adormecida, papas de aveia ou batidos com aveia à noite, mas insira estas alternativas, por exemplo, ao pequeno-almoço ou lanches.

Conclusão


Não há dúvidas de que uma boa noite de sono é essencial, tanto para o nosso bem-estar físico como psicológico. Aproveite estas dicas para começar ainda hoje a repensar nas suas opções alimentares, evitando assim as consequências menos agradáveis que estes alimentos lhe podem causar.

Para além destas opções, podem existir outros alimentos que sejam de difícil digestão particularmente para si. Nesse caso, evite consumi-los a partir da hora do jantar e, se necessário, procure um nutricionista para o ajudar a encontrar as melhores alternativas para a sua alimentação de final do dia.

Veja também:

Nutricionista Carolina da Costa Arcanjo Nutricionista Carolina da Costa Arcanjo

Mulher, tripeira e Nutricionista (C.P. 2181N). É licenciada em Ciências da Nutrição pela Universidade Católica Portuguesa e autora do blog "Comer para crer". Desenvolveu atividade em várias áreas da Nutrição, mas a paixão pela área clínica e pela comunicação tem prevalecido.

O Vida Ativa disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento nutricional, de saúde ou de treino. O Vida Ativa não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui nem dispensa a assistência profissional qualificada e individualizada. Caso pretenda sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].