6 Variações de burpees para dinamizar os seus treinos

Sabemos que os burpees são dos exercícios mais desafiantes, mas também dos mais eficazes. Combinando movimentos essenciais de forma explosiva, os estes são exercícios completos absolutamente inevitáveis em qualquer treino. Siga estas sugestões de variações de burpees e veja as diferenças a aparecem. Dinamize o seu treino.

6 Variações de burpees para dinamizar os seus treinos
Se acha que os burpees por si só já são desafiantes, experimente os seguintes tipos.

Não há nome mais aterrorizante entre os praticantes de fitness, que o nome Burpees. Este é um dos exercícios mais completos que pode fazer, trabalhando praticamente todos os grupos musculares, ao mesmo tempo que é altamente benéfico para a sua resistência, sendo certo que após alguns burpees, irá estar ofegante e a sentir tanto as suas pernas como os seus braços a fraquejar.

O Burpee trabalha músculos do peitoral, ombro e tríceps por causa da flexão de braço e quadríceps, isquiotibiais, glúteos e gémeos devido ao agachamento e ao salto.

Vemos diversas vezes este exercício ser executado de forma tradicional, mas desconhecemos inúmeras variações de burpees que certamente tornarão este exercício mais dinâmico e desafiante (ainda mais!)

Siga estas sugestões e dê um novo fôlego ao seu treino.

6 Variações de burpees para dinamizar o seu treino


1. Burpee básico

Variacoes de burpees e burpee basico

O movimento começa com um agachamento seguido de um rápido movimento de colocação das mãos no chão à frente do corpo e o posicionamento das pernas para trás.

Posteriormente, vem a posição de flexão. Segue-se o ajuste das pernas na posição de agachamento. De seguida, volta-se à posição inicial.

2. Burpee com uma perna

Burpee com uma perna

Este burpee é igual ao anterior, com uma exceção: deverá ser realizado com uma perna sempre no ar, sem que esta toque no solo.

3. Burpee com salto

Burpee com salto

Esta variante é igual à anterior, com uma pequena diferença: ao invés de regressar à posição inicial com os pés no chão, irá após a posição de flexão, lançar as pernas para a frente em direção ao peito, seguindo-se um salto explosivo.

Após o salto, faça uma receção suave, dobrando os joelhos e colocando as mãos no chão, repetindo as fases anteriores.

4. Burpee com um braço

Burpee com um braco

Ao realizar este burpee, o peso do seu corpo irá ficar sobre um braço apenas, podendo se quiser aumentar o grau de dificuldade, tentar realizar uma flexão com um braço, seguindo-se o salto.

5. Burpee com flexão

Burpee com flexao

Movimento igual ao anterior, mas em vez de ficar com os braços estendidos quando lança as pernas para trás, terá de efetuar uma flexão, devendo de seguida lançar as pernas para a frente e saltar.

6. Burpee no trx

Esta variante é semelhante ao número 4, burpee com uma perna, sendo que uma perna estará no trx e a outra no ar.

Em suma


Ficou a conhecer algumas variações de burpees, variações essas algo básicas, começando no nível de dificuldade mais acessível e aumentando gradualmente o mesmo. Não deixe de realizar este exercício, pois é altamente benéfico para qualquer que seja o seu objetivo, quer seja este aumento de massa muscular, endurance ou perda de massa gorda.

Como já foi visto, é um movimento que envolve a maior parte dos grupos musculares, sendo ainda vantajoso para trabalhar a coordenação, explosão e capacidade cardiovascular. Não é de todo fácil, mas os resultados compensam!

Veja também:

Prof. Francisco Torres Prof. Francisco Torres

Francisco Torres é Personal Trainer, e trabalha actualmente no ginásio Fitness Hut de Linda-a-Velha. Licenciado em Ciências do Desporto pela Faculdade de Motricidade Humana e Mestre em Gestão do Desporto pela mesma Universidade, possui diversas especializações nomeadamente em Populações especiais e Exercício físico na gravidez e pós-parto, bem como uma Pós-Graduação em Nutrição Desportiva.