Conheça os principais sintomas de Parkinson

O quadro clínico não se inicia sempre da mesma maneira em todos os doentes, por isso, aprenda a identificar os principais sintomas de Parkinson, para um diagnóstico precoce.

Conheça os principais sintomas de Parkinson
Tremores e rigidez muscular são os sintomas mais reconhecidos

A doença de Parkinson é uma doença neurológica, crónica e progressiva, resultante da degeneração das células situadas numa região específica do cérebro.

Em 70% dos casos a doença começa por tremor localizado. Mas os sintomas de Parkison não se ficam por aqui.

Este tremor pode ficar confinado a metade do corpo durante meses ou anos só depois se estendendo ao outro lado; pode ocorrer mesmo em repouso e desaparece quando o doente executa movimentos; pode estender-se a outras partes do corpo como a língua ou os lábios.

Mas isto é só o início de um caminho mais atribulado provocado pelos sintomas de Parkinson.

Principais sintomas de Parkinson


dificuldade na movimentacao


1. Rigidez

A rigidez é uma dificuldade de relaxação dos músculos e pode atingir qualquer grupo muscular do tronco ou dos membros.

Geralmente, a rigidez inicia-se apenas num lado, generalizando-se à medida que a doença progride, provocando uma sensação de músculos presos e limitando os movimentos. 

 


2. Acinésia

A acinésia caracteriza-se por um atraso na iniciativa motora, refletindo um tempo de reação prolongado, execução lenta de movimentos voluntários, dificuldade de alcançar o alvo com um simples e único movimento, fadiga rápida com a execução de movimentos repetidos, incapacidade para executar acções simultâneas e incapacidade para executar acções sequenciais.

Plano de Saúde Grátis
Cuide da sua saúde. Obtenha consultas de clínica geral, medicina dentária e especialidade médicas gratuitas.Peça aqui o seu plano grátis.
Ainda outras manifestações de acinésia são inexpressividade facial, a diminuição do volume de voz, o aumento excessivo de saliva ou ainda a micrografia (letra pequena e tremida). Os familiares descrevem os doentes como estando “parados”. 

 


3. Desiquilíbrio

O desequilíbrio está mais vezes presente nos casos com maior tempo de evolução e pode ocorrer durante a marcha ou quando o doente muda de direcção. E este é geralmente o últimos dos sintomas de Parkinson a aparecer e talvez a manifestação da doença mais difícil de tratar.

O doente começa a adotar uma postura encurvada, com tendência para quedas regulares.

 


4. Dificuldades de movimentação

O sinal mais precoce de dificuldade na marcha é a diminuição do balanceio dos braços. Seguidamente o doente começará também a andar com passos curtos e irregulares. 

 


5. Bradifrenia

Apesar da doença de Parkinson não se caracterizar por diminuição da capacidade intelectual, existe afetação da parte cerebral, já que os doentes pensam e respondem devagar mas as respostas estão certas.

Trata-se, então, de maior lentidão no processamento da informação. 


Outros sintomas de Parkinson


depressao
Além de todas as alterações motoras, os pacientes com doença de Parkinson também podem desenvolver várias outras alterações, a diversos níveis:
 
  • Perda de expressão facial ou constante expressão apática;
  • Redução do piscar dos olhos;
  • Alterações no discurso;
  • Aumento da salivação;
  • Visão turva;
  • Incontinência urinária;
  • Demência;
  • Alterações do sono;
  • Depressão e ansiedade;
  • Memória fraca;
  • Alucinações que podem levar á ocorrência de episódios psicóticos; 
  • Perda do olfacto;
  • Obstipação intestinal;
  • Impotência sexual. 

Cuide da sua saúde. Consiga aqui consultas de clínica geral, medicina dentária e especialidade médica gratuitas!

 

Veja também:

Ler mais