7 Dicas para um relacionamento amoroso saudável

Um relacionamento amoroso saudável, contribui em grande medida para a nossa felicidade e bem-estar, mas como alcançá-lo? Acredite, não é assim tão complicado quanto parece. Requer algum esforço e prática diária, mas vale a pena. Conheça algumas dicas que o vão ajudar a enfrentar os principais obstáculos da sua relação.

7 Dicas para um relacionamento amoroso saudável
Já elogiou o seu parceiro hoje?

As relações amorosas, apesar de complexas, são uma parte muito importante da nossa vida. Mas o que é que faz uma boa relação? Como alcançar um relacionamento amoroso saudável? Vamos descobrir!

7 dicas para um relacionamento amoroso saudável


relacionamento amoroso saudavel

Todas as relações amorosas têm diferentes necessidades e diferentes pontos de discórdia e conflito. Não há soluções perfeitas e ideais para todas as relações, mas há algumas dicas que podem ser parte da solução e podem contribuir para um relacionamento amoroso saudável:

1. Conquiste a sua própria felicidade

Dizemos, de forma muito frequente, que seremos felizes quando alcançarmos determinado feito ou condição. Mas a nossa felicidade não pode depender de nada externo, a felicidade deve ser uma escolha.

Apimente a sua relação!
Dê o boost que precisa à sua relação com o estimulante sexual certo. Encontre aqui!

Como seres humanos, precisamos de ter algumas necessidades básicas garantidas para sermos felizes, como por exemplo, comida, abrigo, roupas quentes e outros itens semelhantes. Uma vez que tenhamos estas necessidades satisfeitas, só nos cabe a nós alcançar a nossa felicidade.

Uma relação amorosa traz prazer e alegria à nossa vida, mas não podemos fazer a nossa felicidade depender de uma relação. Ate porque, duas pessoas felizes e independentes criam uma relação amorosa mais feliz e harmoniosa.

2. Seja honesto e transparente

Partilhar pensamentos e sentimentos de forma honesta evita que surjam equívocos e sentimentos negativos desnecessários. Ter em mente os sentimentos da outra pessoa e não ter receio de conversar sobre os sentimentos é bastante positivo. Mesmo as pessoas mais felizes e saudáveis ficam chateadas às vezes e, por isso, ser transparente acerca das nossas emoções e palavras evita mal-entendidos que se podem transformar em discussões.

3. Estimule o equilíbrio da relação

Um relacionamento amoroso saudável deve ser equilibrado. Por vezes, um dos elementos do casal pode precisar de mais atenção enquanto ultrapassa um momento difícil ou quando trabalha em demasia. Esta situação de desequilíbrio não é negativa desde que também se verifique quando é o outro elemento do casal que precisa de mais apoio.

4. Dedique algum tempo ao autocuidado

Partilhar interesses e atividades é importante, mas também é vital que os elementos do casal reservem algum tempo só para si. Dedique algumas horas a fazer a sua atividade de eleição ou apenas para refletir e relaxar.

5. Discorde do seu parceiro

Muitos casais tentam a todo o custo evitar conflitos, mas é importante partilhar opiniões diferentes. A capacidade de ter conversas controversas com a pessoa que amamos, de forma gentil e bondosa, é uma das principais características de um relacionamento amoroso saudável.

Não é possível que um casal concorde em tudo. Respeite-se a si mesmo e respeite os sentimentos da pessoa amada e concordem que ter uma opinião diferente é aceitável e benéfico.

6. Seja gentil e bondoso

Pode parecer a dica mais óbvia para alcançar um relacionamento amoroso saudável mas a verdade é que na correria no dia-a-dia nos esquecemos muitas vezes de ser gentis com a pessoa que amamos.

Quantas vezes chegou a casa chateado com algum acontecimento do trabalho e não foi atencioso e gentil com a pessoa amada? Algumas, certamente.

7. Aprenda a estabelecer limites

Já sentiu stress e constrangimento devido a interferências externas na relação a dois? De certeza que sim. Sejam os sogros, os pais, uma ex relação ou outra pessoa, por vezes, a interferência de terceiros gera tensão na relação amorosa.

É importante estabelecer limites saudáveis e não permitir que as pessoas externas à relação quebrem esses limites e interfiram na sua forma de pensar e sentir.

Em suma…


Melhorar uma relação amorosa pode levar tempo. Como quase tudo na vida, requer prática e compromisso diário, mas é possível viver uma relação mais feliz e saudável.

Aprenda a ver o melhor no seu parceiro e na vossa relação, sintam-se gratos um pelo outro e divirtam-se juntos sem descurar do tempo a sós.

A sua relação já não é o que era? Escolha aqui o estimulante sexual à sua medida e sinta a diferença!

Veja também:

Psicóloga Ana Graça Psicóloga Ana Graça

Mestre em Psicologia, pela Universidade do Minho, com a dissertação “A experiência de cuidar, estratégias de coping e autorrelato de saúde”. Especialização (Pós-Graduada) em Neuropsicologia Clínica, Intervenção Neuropsicológica e Neuropsicologia Geriátrica. Membro efetivo da Ordem dos Psicólogos Portugueses, com especialidade em Psicologia Clínica e da Saúde e Neuropsicologia. Para além da Psicologia é apaixonada por viagens, leitura, boa música, caminhadas ao ar livre e tudo o que proporcione felicidade!