Alimentos que pode ou não comer depois do prazo de validade

Alimentos que pode ou não comer depois do prazo de validade

A validade expirou. E agora? Pode ou não comer os alimentos?

Há casos em que deve respeitar o prazo de validade, já noutros pode facilitar. Saiba quais, sem correr riscos.

Se é daqueles que dá por si com (muita) frequência a olhar para o prazo de validade dos alimentos, o melhor é continuar a ler.

A verdade é que a questão dos prazos de validade nos alimentos levanta algumas questões. A estipulação de um prazo de validade tem que ver com a segurança e qualidade do alimento e é aconselhável que se cumpra. No entanto, há casos em que a data impressa nos produtos alimentares parece ser demasiado curta para a verdadeira longevidade do alimento. 

De facto, segundo alguns estudos, grande parte dos desperdícios alimentares devem-se – essencialmente – aos prazos de validade. Assim, torna-se importante perceber quais os alimentos que pode comer depois do prazo de validade que não representam riscos para a saúde.


Saber interpretar os rótulos


É importante que se distinga as menções descritas nos rótulos dos alimentos, relativamente às datas de validade. Por lei são menções obrigatórias:
 


"Consumir até"

Esta menção aparece na rotulagem de alimentos perecíveis, ou seja, alimentos sujeitos a uma deterioração em temperatura ambiente num curto espaço de tempo. É o caso da carne, salsichas, peixe, leite e derivados, bolos com cremes, ovos, etc.

Neste caso, é muito importante que a data de validade seja cumprida de forma rigorosa, pois o seu consumo depois da data indicada pode trazer riscos para a saúde. Tendo em conta que alimentos contaminados podem não apresentar qualquer sinal de deterioração, a ingestão pós data de validade pode dar origem a toxinfeções alimentares. 



"Consumir preferencialmente antes de"

Esta menção está presente na rotulagem de alimentos não perecíveis, ou seja, alimentos cuja deterioração só se verifica após um longo período de tempo. Nestes casos, se a data for ultrapassada, podem-se verificar alterações nas características nutricionais nos alimentos, nomeadamente ranço ou alterações de cor ou textura. No entanto, o consumo destes alimentos depois da referida data não acarretam riscos para a saúde.
 


4 Alimentos que PODE comer depois do prazo de validade  


massas

Sim, pode mesmo. Mas há que ter alguns cuidados: é que ainda que os possa consumir depois do prazo de validade, deve ter em atenção o estado dos alimentos quando os abre (para se certificar que estão próprios para consumo) e uma vez abertos deve consumi-los dentro do período recomendado. 
 

1.    Enlatados e conservas 

Desde que os mantenha num local fresco e escuro pode consumi-los depois do prazo. 
 
Obtenha um Plano Alimentar Personalizado
Perca peso de forma saudável e não o volte a ganhar! Fale já com a nutricionista online!

2.    Massas 

Desde que sejam massas secas, podem ser conservadas para além da data de validade. Ainda assim certifique-se que quando as cozinhar que estão em bom estado de consumo. 
 

3.    Pão

Desde que seja congelado ainda em fresco, pode ser consumido depois da data limite de consumo indicada na embalagem. Tenha apenas atenção para o caso de aparecer bolor. 


4.    Iogurte 

Quantas vezes não pôs iogurtes para o lixo apenas porque o prazo de validade já tinha expirado e sem sequer verificar se estavam próprios para consumo? Possivelmente muitas. A verdade é que mesmo depois de atingir a validade, o iogurte ainda pode durar mais alguns dias.

Antes de consumir um iogurte depois do prazo, verifique se a sua embalagem está inchada ou com a tampa levantada. Isto acontece devido ao anormal desenvolvimento de bactérias que libertam gases durante o processo de fermentação. Se ao abrir o iogurte o cheiro for forte ou azedo, se a sua textura for diferente do normal ou saiba mal, rejeite-o de imediato.



4 Alimentos que NÃO PODE comer depois do prazo de validade  


marisco
Nestes casos, o melhor não facilitar. Ao contrário dos alimentos anteriores, os que agora vamos listar têm um período de consumo mais limitado e podem mesmo ser prejudiciais para a sua saúde quando consumidos depois da data de validade. 
 

1.    Carnes frias

Que é como quem diz alimentos como: fiambre, mortadela, enchidos embalados, etc. Estes alimentos não devem ser consumidos depois do prazo de validade – mesmo que ainda não tenham desenvolvido um odor estranho – pois conter uma bactéria, a Listeria, que se desenvolve em ambientes frios.

Esta bactéria pode provocar febre, dores musculares, diarreia e problemas graves em mulheres gestantes. Mais, deve ainda ter em atenção o consumo destes alimentos depois de abertos, que têm um período limitado para consumo (cerca de cinco dias). 


2.    Queijos suaves

Como brie, queijo fresco, camembert ou queijos amanteigados, por exemplo. À semelhança das carnes frias, mencionadas anteriormente, também podem conter Listeria e ainda a bactéria E. coli, também ela prejudicial para a saúde. 


3.    Alimentos de folhas verdes

Falamos das saladas e vegetais já embalados. Por serem manuseados tantas vezes, podem conter bactérias (como a E.coli). É também por isso importante que os lave bem antes de os consumir e, preferencialmente, que não os consuma depois do prazo. 
 

4.    Marisco 

Sendo Portugal um país com uma tradição gastronómica tão rica em marisco este não devia ser novidade, mas nunca é demais lembrar. O marisco tem uma forte propensão a ser contaminado por bactérias e ainda que muitas possam ser eliminadas no processo de cozedura, o melhor mesmo é não arriscar e não consumir depois do prazo. 

 
Obtenha aqui um plano alimentar personalizado !


Veja também: